Loading
 
 
 
Loading
 
Igreja da Argentina celebra 112º aniversário da Coroação Pontifícia da Virgem de Itatí
Loading
 
19 de Julho de 2012 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Itatí (Quinta-feira, 19-07-2012, Gaudium Press) A Igreja da Argentina celebrou na última segunda-feira, 16, o 112º aniversário da Coroação Pontifícia da Virgem de Itatí, Padroeira da província de Corrientes. Apesar do frio, cerca de 300 mil fiéis compareceram à Esplanada da Basílica de Itatí à meia noite para aguardarem a saída da imagem de Nossa Senhora.

2448.jpg
Imagem da Virgem de Itati foi levada em procissão por milhares de fiéis/ Foto: Aica

Após a saída de Nossa Senhora, aconteceu a primeira das celebrações centrais do evento: o encontro entre as imagens da Virgem de Itatí e da Virgem de Caacupé, Padroeira do Paraguai, durante uma peregrinação náutica, que teve como desfecho uma missa presidida pelo arcebispo de Resistencia, na Argentina, Dom Fabriciano Sigampa.

A missa central da festividade começou por volta das 13h (horário local) e foi presidida pela arcebispo de Corrientes, Dom Andrés Stanovnik, que em sua homilia destacou a participação massiva dos fiéis em mais uma edição da comemoração pelo aniversário da Coroação Pontífica da padroeira local.

Falando sobre Nossa Senhora, Dom Andrés recordou a passagem bíblica em que Maria visita sua prima Isabel. Ante o chamado da prima, Maria foi sem demora, o que, segundo o prelado, reflete já a disposição interior da Virgem ao serviço. "Esta disposição de Maria deve se refletir nas famílias, e no povo", disse o arcebispo, ressaltando que "a Igreja aspira a promover cidadãos mais responsáveis de nossas obrigações e conscientes de nossos direitos".

A conclusão da festividade foi às 19h, com Missa de encerramento presidida pelo superior provincial da Obra Dom Orione, Padre Omar Gustavo Cadenini, FDP. Logo após, às 20h, foi realizada a procissão das tochas e encerramento dos festejos marianos.

Coroação da Virgem de Itatí
A Coroação Pontifícia da Virgem de Itatí aconteceu no dia 16 de julho de 1900, nas portas do Santuário da Santíssima Cruz dos Milagres de Corrientes. Na ocasião, em nome do Papa Leão XIII, o bispo de Paraná, na Argentina, Dom Rosendo de la Lastra e Gordillo, corou Maria, diante de uma multidão de fiéis.

A coroa da Virgem de Itatí foi confeccionada como uma joia ao estilo das coroas imperiais do Renascimento. Ela é feita em ouro, com incrustações de ametistas e topázios de grandes tamanhos e desenhos afiligranados de expressão artística. (BD)

Com informações da Aica.

 

Loading
Igreja da Argentina celebra 112º aniversário da Coroação Pontifícia da Virgem de Itatí

Itatí (Quinta-feira, 19-07-2012, Gaudium Press) A Igreja da Argentina celebrou na última segunda-feira, 16, o 112º aniversário da Coroação Pontifícia da Virgem de Itatí, Padroeira da província de Corrientes. Apesar do frio, cerca de 300 mil fiéis compareceram à Esplanada da Basílica de Itatí à meia noite para aguardarem a saída da imagem de Nossa Senhora.

2448.jpg
Imagem da Virgem de Itati foi levada em procissão por milhares de fiéis/ Foto: Aica

Após a saída de Nossa Senhora, aconteceu a primeira das celebrações centrais do evento: o encontro entre as imagens da Virgem de Itatí e da Virgem de Caacupé, Padroeira do Paraguai, durante uma peregrinação náutica, que teve como desfecho uma missa presidida pelo arcebispo de Resistencia, na Argentina, Dom Fabriciano Sigampa.

A missa central da festividade começou por volta das 13h (horário local) e foi presidida pela arcebispo de Corrientes, Dom Andrés Stanovnik, que em sua homilia destacou a participação massiva dos fiéis em mais uma edição da comemoração pelo aniversário da Coroação Pontífica da padroeira local.

Falando sobre Nossa Senhora, Dom Andrés recordou a passagem bíblica em que Maria visita sua prima Isabel. Ante o chamado da prima, Maria foi sem demora, o que, segundo o prelado, reflete já a disposição interior da Virgem ao serviço. "Esta disposição de Maria deve se refletir nas famílias, e no povo", disse o arcebispo, ressaltando que "a Igreja aspira a promover cidadãos mais responsáveis de nossas obrigações e conscientes de nossos direitos".

A conclusão da festividade foi às 19h, com Missa de encerramento presidida pelo superior provincial da Obra Dom Orione, Padre Omar Gustavo Cadenini, FDP. Logo após, às 20h, foi realizada a procissão das tochas e encerramento dos festejos marianos.

Coroação da Virgem de Itatí
A Coroação Pontifícia da Virgem de Itatí aconteceu no dia 16 de julho de 1900, nas portas do Santuário da Santíssima Cruz dos Milagres de Corrientes. Na ocasião, em nome do Papa Leão XIII, o bispo de Paraná, na Argentina, Dom Rosendo de la Lastra e Gordillo, corou Maria, diante de uma multidão de fiéis.

A coroa da Virgem de Itatí foi confeccionada como uma joia ao estilo das coroas imperiais do Renascimento. Ela é feita em ouro, com incrustações de ametistas e topázios de grandes tamanhos e desenhos afiligranados de expressão artística. (BD)

Com informações da Aica.

 


 

Deixe seu comentario
O seu endereco de email nao sera publicado Campos obrigatorios sao marcados *




 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O Congresso Missionário do Regional Oeste I da CNBB abordará a temática “Mato Grosso do Sul, co ...
 
Na ocasião, estiveram presentes cerca de 3 mil pessoas, entre religiosos, seminaristas, jovens, lei ...
 
“Estamos promovendo uma visão da vida, uma visão do cuidado dos moribundos e esta visão é melh ...
 
Na Missa celebrada na Casa Santa Marta, Papa lembrou que o lugar privilegiado para o encontro com Je ...
 
“Todos temos a responsabilidade de dar um bom fundamento ao ministério com as famílias, o qual s ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading