Loading
 
 
 
Loading
 
Diocese de Ohio, EUA, abre causa de beatificação de devota conversa do século XX
Loading
 
11 de Janeiro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Ohio - Estados Unidos (Quarta-feira, 11-01-2017, Gaudium Press) A Diocese de Youngstown, Estados Unidos, abriu formalmente a causa de beatificação de Rhoda Wise, uma mulher leiga convertida ao catolicismo destacada por sua devoção ao Sagrado Coração de Jesus, ao Santo Rosário e Santa Teresa de Lisieux, que sofreu os estigmas da Paixão de Cristo e demonstrou uma grande eficácia em sua oração de intercessão pelos enfermos.

Diocese de Ohio, EUA, abre causa de beatificação de devota conversa do século XX.jpg

Wise, cujas virtudes são investigadas pela Diocese, nasceu em 1888 e foi formada no protestantismo, mas conheceu a Fé Católica enquanto se encontrava gravemente enferma em um hospital. Uma enfermeira lhe apresentou a devoção do Santo Rosário e a figura de Santa Teresa de Lisieux. A mulher experimentou aparições de Cristo e a santa carmelitana em sua casa em 1939, após o qual obteve a cura de um câncer de estômago considerado terminal pelos médicos. Cristo lhe prometeu que prodígios maiores se produziriam antes de sua morte.

A mulher recebeu 20 aparições nos anos seguintes à sua cura. Cada primeira sexta-feira, durante dois anos e meio, padeceu visivelmente os estigmas da Paixão do meio-dia às 15h. Desde 1945 à sua morte em 1948 padeceu os estigmas de maneira invisível. Seu lar se converteu no destino de numerosos enfermos que pediam sua intercessão e com aqueles que a mulher orava, sendo a novena a Santa Teresinha uma das devoções mais empregadas. Uma das pessoas que acreditou na eficácia de sua intercessão foi a Madre Angélica, fundadora do canal católico EWTN, que acolheu Wise na década de 1940 e obteve de Deus a cura de uma doença digestiva.

Por esta relação com Wise, a casa na qual habitou foi doada ao Mosteiro de Nossa Senhora dos Anjos no Alabama fundado pela religiosa até 2015, quando foi transferido a uma organização sem fins lucrativos que busca transformar o lugar em um Santuário. A Missa na qual se realizou a abertura da causa de beatificação contou com uma assistência de mais de mil pessoas que demonstraram sua fama de santidade. (GPE/EPC)

Loading
Diocese de Ohio, EUA, abre causa de beatificação de devota conversa do século XX

Ohio - Estados Unidos (Quarta-feira, 11-01-2017, Gaudium Press) A Diocese de Youngstown, Estados Unidos, abriu formalmente a causa de beatificação de Rhoda Wise, uma mulher leiga convertida ao catolicismo destacada por sua devoção ao Sagrado Coração de Jesus, ao Santo Rosário e Santa Teresa de Lisieux, que sofreu os estigmas da Paixão de Cristo e demonstrou uma grande eficácia em sua oração de intercessão pelos enfermos.

Diocese de Ohio, EUA, abre causa de beatificação de devota conversa do século XX.jpg

Wise, cujas virtudes são investigadas pela Diocese, nasceu em 1888 e foi formada no protestantismo, mas conheceu a Fé Católica enquanto se encontrava gravemente enferma em um hospital. Uma enfermeira lhe apresentou a devoção do Santo Rosário e a figura de Santa Teresa de Lisieux. A mulher experimentou aparições de Cristo e a santa carmelitana em sua casa em 1939, após o qual obteve a cura de um câncer de estômago considerado terminal pelos médicos. Cristo lhe prometeu que prodígios maiores se produziriam antes de sua morte.

A mulher recebeu 20 aparições nos anos seguintes à sua cura. Cada primeira sexta-feira, durante dois anos e meio, padeceu visivelmente os estigmas da Paixão do meio-dia às 15h. Desde 1945 à sua morte em 1948 padeceu os estigmas de maneira invisível. Seu lar se converteu no destino de numerosos enfermos que pediam sua intercessão e com aqueles que a mulher orava, sendo a novena a Santa Teresinha uma das devoções mais empregadas. Uma das pessoas que acreditou na eficácia de sua intercessão foi a Madre Angélica, fundadora do canal católico EWTN, que acolheu Wise na década de 1940 e obteve de Deus a cura de uma doença digestiva.

Por esta relação com Wise, a casa na qual habitou foi doada ao Mosteiro de Nossa Senhora dos Anjos no Alabama fundado pela religiosa até 2015, quando foi transferido a uma organização sem fins lucrativos que busca transformar o lugar em um Santuário. A Missa na qual se realizou a abertura da causa de beatificação contou com uma assistência de mais de mil pessoas que demonstraram sua fama de santidade. (GPE/EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/84691-Diocese-de-Ohio--EUA--abre-causa-de-beatificacao-de-devota-conversa-do-seculo-XX. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.




 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Essa é a primeira vez em 900 anos que as relíquias de São Nicolau deixam a capital da Puglia para ...
 
Em pouco tempo, por toda a Urbe, comentava-se a santidade desse peregrino de vida edificante que dif ...
 
Um numeroso grupo de mulheres procedentes de 58 países, especialmente da Itália, se reuniram em Va ...
 
Essas palavras foram ditas em audiência às Pequenas Irmãs Missionárias da Caridade, de Dom Orion ...
 
A celebração eucarística foi presidida pelo Arcebispo Dom Sergio Castriani. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading