Loading
 
 
 
Loading
 
Ex-prisioneiro do comunismo representará Papa em Kosovo
Loading
 
17 de Julho de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 17-07-2017, Gaudium Press) No próximo dia 5 de setembro será realizada a consagração de uma nova Igreja dedicada a Santa Teresa de Calcutá, na cidade de Pristina, no Kosovo.

Para este evento, o Papa Francisco enviará como seu representante especial o Cardeal Ernest Simoni, sacerdote perseguido na Albânia, durante a ditadura do regime comunista

O Papa encontrou-se pela primeira vez com o Cardeal Ernest Simoni durante a sua visita apostólica a Tirana, capital da Albânia, em setembro de 2014. E Francisco ficou impressionado com o testemunho que o, então, apenas sacerdote prestou durante uma cerimônia pública.

Cardeal Ernest Simoni

Dom Ernest é um dos sacerdotes albaneses sobreviventes da feroz repressão na Albânia nos tempos do comunismo.

O sacerdote foi preso na noite de Natal de 1963.

Pelo simples fato de ser sacerdote, a partir daquela data ele passou 28 longos anos nos cárceres comunistas onde, além da prisão, onde foi submetido a torturas e obrigado a trabalhos forçados em minas e nos esgotos de da cidade de Scutari, como testemunhou no seu relato feito na presença do Papa.

Depois de posto em liberdade, ele ainda demonstrou um zelo pastoral realmente extraordinário, em sua pátria e também em outros países, animando e levando esperança aos albaneses da diáspora.

Cardeal

O Santo Padre chamou-o para fazer parte do Colégio Cardinalício quando tinha 88 anos, criando-o Cardeal no Consistório de 19 de novembro de 2016.

Suas primeiras palavras ao saber da notícia foram: "Mas sou digno desta púrpura, eu, um simples soldado de Cristo? ". (JSG)

Loading
Ex-prisioneiro do comunismo representará Papa em Kosovo

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 17-07-2017, Gaudium Press) No próximo dia 5 de setembro será realizada a consagração de uma nova Igreja dedicada a Santa Teresa de Calcutá, na cidade de Pristina, no Kosovo.

Para este evento, o Papa Francisco enviará como seu representante especial o Cardeal Ernest Simoni, sacerdote perseguido na Albânia, durante a ditadura do regime comunista

O Papa encontrou-se pela primeira vez com o Cardeal Ernest Simoni durante a sua visita apostólica a Tirana, capital da Albânia, em setembro de 2014. E Francisco ficou impressionado com o testemunho que o, então, apenas sacerdote prestou durante uma cerimônia pública.

Cardeal Ernest Simoni

Dom Ernest é um dos sacerdotes albaneses sobreviventes da feroz repressão na Albânia nos tempos do comunismo.

O sacerdote foi preso na noite de Natal de 1963.

Pelo simples fato de ser sacerdote, a partir daquela data ele passou 28 longos anos nos cárceres comunistas onde, além da prisão, onde foi submetido a torturas e obrigado a trabalhos forçados em minas e nos esgotos de da cidade de Scutari, como testemunhou no seu relato feito na presença do Papa.

Depois de posto em liberdade, ele ainda demonstrou um zelo pastoral realmente extraordinário, em sua pátria e também em outros países, animando e levando esperança aos albaneses da diáspora.

Cardeal

O Santo Padre chamou-o para fazer parte do Colégio Cardinalício quando tinha 88 anos, criando-o Cardeal no Consistório de 19 de novembro de 2016.

Suas primeiras palavras ao saber da notícia foram: "Mas sou digno desta púrpura, eu, um simples soldado de Cristo? ". (JSG)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/88632-Ex-prisioneiro-do-comunismo-representara-Papa-em-Kosovo. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.




 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Os monges relatam a história de seu encontro com Deus e os desafios de iniciar uma nova vida confia ...
 
Myanmar tem 50 milhões de habitantes. Destes, por volta de 1 por cento são cristãos. ...
 
“Esta data é a festa das (religiosas) contemplativas”, explicou a Madre Priora, Sor Marie Gemma ...
 
A comemoração mariana é uma das mais importantes da cidade espanhola com a participação de devo ...
 
A comunidade religiosa não conta com recursos suficientes para assumir a onerosa obrigação. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading