Loading
 
 
 
Loading
 
Santuário de Fátima comemorou a quarta aparição de Nossa Senhora em Valinhos
Loading
 
24 de Agosto de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Fátima - Portugal (Quinta-feira, 24-08-2017, Gaudium Press) No âmbito das comemorações do Centenário das Aparições de Nossa Senhora em Fátima, as programações continuam.

Santuário de Fátima comemorou a quarta aparição de Nossa Senhora em Valinhos.JPG

Nos dias das aparições, o fato e a mensagem que a Mãe de Deus deixou naquela ocasião específica são relembrados com devoção. Cada uma das datas serve de estímulo espiritual para o incremento da devoção à Virgem.

As datas são comemoradas, geralmente, no recinto do Santuário, na grande esplanada.
Uma pergunta poderia ser feita: Por que o Santuário de Fátima assinalou o centenário da quarta aparição de Nossa Senhora nos Valinhos?

E a resposta seria muito simples: para relembrar o fato histórico de os três pastorinhos não poderem ter ida até a Cova da Iria no dia combinado com Nossa Senhora: o dia 13 de cada mês e por ter sido Valinhos onde Nossa Senhora apareceu.

A Aparição

A 19 de Agosto de 1917, Nossa Senhora apareceu no local denominado Valinhos, que fica a uns 500 metros do lugar de Aljustrel, e isto porque, no dia 13 de agosto as crianças tinham sido levadas pelo Administrador do Concelho, para Vila Nova de Ourém para o famoso interrogatório policial.

Veio o Domingo seguinte. Era 19 de Agosto, a Virgem, então, apareceu-lhes nos Valinhos e pediu-lhes que continuassem a ir à Cova da Iria nos dias 13 e que continuassem a rezar o terço todos os dias:
"Rezai, rezai muito e fazei sacrifícios pelos pecadores, (pois) que vão muitas almas para o inferno por não haver quem se sacrifique e peça por elas", disse Nossa Senhora aos três videntes naquela ocasião.

Monumento

Um marco histórico foi ali edificado para recordar esta aparição. E este monumento celebrativo desta quarta aparição que aconteceu no mê de agosto de 1917 foi construído às custas católicos húngaros que o ofereceram ao Santuário, ainda quando a nação húngara, viviam debaixo do regime comunista. Ele foi inaugurado no dia 12 de agosto de 1956.

Destaca-se nesse monumento feito em forma de uma capela com arcos vazados, a branca imagem de Nossa Senhora de Fátima que é obra da escultora Maria Amélia Carvalheira da Silva.

No Ano do Centenário, apelo insistente à oração

As comemorações ali realizadas tiveram como base o pedido que Nossa Senhora fez aos três videntes: rezai o terço.
Foram rezados terços em vários idiomas no lugar da aparição.

Já na manhã do mesmo dia, o reitor do Santuário de Fátima, o Pe. Carlos Cabecinhas, na missa votiva dos Santos Francisco e Jacinta Marto, que ele presidiu na Basílica da Santíssima Trindade, lembrou o "apelo insistente à oração" que a Virgem Maria fez naquele lugar. (JSG)

Loading
Santuário de Fátima comemorou a quarta aparição de Nossa Senhora em Valinhos

Fátima - Portugal (Quinta-feira, 24-08-2017, Gaudium Press) No âmbito das comemorações do Centenário das Aparições de Nossa Senhora em Fátima, as programações continuam.

Santuário de Fátima comemorou a quarta aparição de Nossa Senhora em Valinhos.JPG

Nos dias das aparições, o fato e a mensagem que a Mãe de Deus deixou naquela ocasião específica são relembrados com devoção. Cada uma das datas serve de estímulo espiritual para o incremento da devoção à Virgem.

As datas são comemoradas, geralmente, no recinto do Santuário, na grande esplanada.
Uma pergunta poderia ser feita: Por que o Santuário de Fátima assinalou o centenário da quarta aparição de Nossa Senhora nos Valinhos?

E a resposta seria muito simples: para relembrar o fato histórico de os três pastorinhos não poderem ter ida até a Cova da Iria no dia combinado com Nossa Senhora: o dia 13 de cada mês e por ter sido Valinhos onde Nossa Senhora apareceu.

A Aparição

A 19 de Agosto de 1917, Nossa Senhora apareceu no local denominado Valinhos, que fica a uns 500 metros do lugar de Aljustrel, e isto porque, no dia 13 de agosto as crianças tinham sido levadas pelo Administrador do Concelho, para Vila Nova de Ourém para o famoso interrogatório policial.

Veio o Domingo seguinte. Era 19 de Agosto, a Virgem, então, apareceu-lhes nos Valinhos e pediu-lhes que continuassem a ir à Cova da Iria nos dias 13 e que continuassem a rezar o terço todos os dias:
"Rezai, rezai muito e fazei sacrifícios pelos pecadores, (pois) que vão muitas almas para o inferno por não haver quem se sacrifique e peça por elas", disse Nossa Senhora aos três videntes naquela ocasião.

Monumento

Um marco histórico foi ali edificado para recordar esta aparição. E este monumento celebrativo desta quarta aparição que aconteceu no mê de agosto de 1917 foi construído às custas católicos húngaros que o ofereceram ao Santuário, ainda quando a nação húngara, viviam debaixo do regime comunista. Ele foi inaugurado no dia 12 de agosto de 1956.

Destaca-se nesse monumento feito em forma de uma capela com arcos vazados, a branca imagem de Nossa Senhora de Fátima que é obra da escultora Maria Amélia Carvalheira da Silva.

No Ano do Centenário, apelo insistente à oração

As comemorações ali realizadas tiveram como base o pedido que Nossa Senhora fez aos três videntes: rezai o terço.
Foram rezados terços em vários idiomas no lugar da aparição.

Já na manhã do mesmo dia, o reitor do Santuário de Fátima, o Pe. Carlos Cabecinhas, na missa votiva dos Santos Francisco e Jacinta Marto, que ele presidiu na Basílica da Santíssima Trindade, lembrou o "apelo insistente à oração" que a Virgem Maria fez naquele lugar. (JSG)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/89441-Santuario-de-Fatima-comemorou-a-quarta-aparicao-de-Nossa-Senhora-em-Valinhos. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.




 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Hoje as Filhas espirituais de Dom Bosco e Madre Mazzarello estão presentes em 94 países com partic ...
 
Um grupo formado por bispos e peritos concluiu o texto que será enviado aos prelados de todo o paí ...
 
A visita faz parte das comemorações do I Dia dos Pobres, em 19 de novembro. ...
 
O purpurado recorda que a água é um dom de Deus, já que faz parte da obra da Criação, e que Jes ...
 
A imagem original é considerada milagrosa pelos habitantes locais e tradicionalmente tem sido lugar ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading