Loading
 
 
 
Loading
 
Os valores cristãos sem Cristo não servem de nada, afirma Dom Pizzaballa
Loading
 
12 de Setembro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Rímini - Itália (Terça-feira, 12-09-2017, Gaudium Press) O Administrador Apostólico do Patriarcado Latino de Jerusalém, Dom Pierbattista Pizzaballa, fez um alerta de grande importância durante uma exposição no 'Meeting de Rímini', na Itália. Segundo o prelado, o cenário atual do cristianismo global enfrenta um problema de grandes dimensões: a Fé não está sendo transmitida às novas gerações. Esta interrupção da tradição cristã representa uma perda de gigantescas proporções: já que a tradição é "o que recebemos de nossos pais na Fé, nada menos que a verdade sobre o homem e sobre a história", e "nossa época se caracteriza pela ruptura com a tradição".

Esta ameaça para a transmissão da Fé provêm de causas culturais como no Ocidente ou, como é o caso do Oriente Médio, pelos conflitos armados que "destruíram o tecido social, cultural e religioso e destroçaram essa continuidade geracional na transmissão da Fé", denunciou Dom Pizzaballa, segundo reportou Religión en Libertad. Para enfrentar este mal, os cristãos são chamados a renovar seu testemunho, já que a Fé não é simplesmente um conteúdo, mas "é Deus, é nossa relação com Ele, é tudo o que procede dessa consciência, a ideia de homem e de humanidade, do mundo e do criado, da cultura e de tudo o que constrói o homem".

Os valores cristãos sem Cristo não servem de nada, afirma Dom Pizzaballa.jpg

O panorama de uma cultura sem tradição é o de uma sociedade órfã, carente de memória e identidade. Os cristãos de hoje devem "captar o sentido, o motivo e o desejo que animaram aos nossos pais e torná-lo compreensivo ao homem do nosso tempo". Sobre esta comunicação da Fé, o prelado esclareceu que a Fé não consiste unicamente em "valores sublimes, em uma boa ética, em uma perspectiva de perfeição" que se pode chegar a encontrar em pessoas sem Fé. "Nossa herança é a Páscoa, a vida nova, a vida de Deus em nós", recordou Dom Pizzaballa. "É disto que temos sede e o mundo tem sede, e quando isto chega, chega também a alegria".

Além disso, o Administrador Apostólico indicou que o fiel não deve temer diante do poder cultural das ideologias nem das modas, porque a Fé tem uma mensagem original e uma contribuição de novidade para qualquer âmbito da cultura, da técnica e da educação. Mas para alcançar esse fim deve recordar-se que não é útil para ninguém "um cristianismo puramente moral e impessoal", muito menos ajuda "falar de valores cristãos sem dizer que Cristo é o melhor que alguém pode encontrar na vida".

"A Bíblia começa em um jardim e termina em uma cidade. Começa em um lugar feito somente por Deus e acaba em um lugar onde a obra de Deus se trança necessariamente com a obra do homem: a Jerusalém do Apocalipse, a cidade que desce do céu, uma criação que Deus não quer edificar sem a ajuda do homem", concluiu Dom Pizzaballa. "Por isso consigna a cada qual seus talentos, para uns cinco, para outros três, para outros um. Nossa tarefa é convertê-los em ladrilhos da nova Jerusalém". (EPC)

Com informações de Religión en Libertad.

Loading
Os valores cristãos sem Cristo não servem de nada, afirma Dom Pizzaballa

Rímini - Itália (Terça-feira, 12-09-2017, Gaudium Press) O Administrador Apostólico do Patriarcado Latino de Jerusalém, Dom Pierbattista Pizzaballa, fez um alerta de grande importância durante uma exposição no 'Meeting de Rímini', na Itália. Segundo o prelado, o cenário atual do cristianismo global enfrenta um problema de grandes dimensões: a Fé não está sendo transmitida às novas gerações. Esta interrupção da tradição cristã representa uma perda de gigantescas proporções: já que a tradição é "o que recebemos de nossos pais na Fé, nada menos que a verdade sobre o homem e sobre a história", e "nossa época se caracteriza pela ruptura com a tradição".

Esta ameaça para a transmissão da Fé provêm de causas culturais como no Ocidente ou, como é o caso do Oriente Médio, pelos conflitos armados que "destruíram o tecido social, cultural e religioso e destroçaram essa continuidade geracional na transmissão da Fé", denunciou Dom Pizzaballa, segundo reportou Religión en Libertad. Para enfrentar este mal, os cristãos são chamados a renovar seu testemunho, já que a Fé não é simplesmente um conteúdo, mas "é Deus, é nossa relação com Ele, é tudo o que procede dessa consciência, a ideia de homem e de humanidade, do mundo e do criado, da cultura e de tudo o que constrói o homem".

Os valores cristãos sem Cristo não servem de nada, afirma Dom Pizzaballa.jpg

O panorama de uma cultura sem tradição é o de uma sociedade órfã, carente de memória e identidade. Os cristãos de hoje devem "captar o sentido, o motivo e o desejo que animaram aos nossos pais e torná-lo compreensivo ao homem do nosso tempo". Sobre esta comunicação da Fé, o prelado esclareceu que a Fé não consiste unicamente em "valores sublimes, em uma boa ética, em uma perspectiva de perfeição" que se pode chegar a encontrar em pessoas sem Fé. "Nossa herança é a Páscoa, a vida nova, a vida de Deus em nós", recordou Dom Pizzaballa. "É disto que temos sede e o mundo tem sede, e quando isto chega, chega também a alegria".

Além disso, o Administrador Apostólico indicou que o fiel não deve temer diante do poder cultural das ideologias nem das modas, porque a Fé tem uma mensagem original e uma contribuição de novidade para qualquer âmbito da cultura, da técnica e da educação. Mas para alcançar esse fim deve recordar-se que não é útil para ninguém "um cristianismo puramente moral e impessoal", muito menos ajuda "falar de valores cristãos sem dizer que Cristo é o melhor que alguém pode encontrar na vida".

"A Bíblia começa em um jardim e termina em uma cidade. Começa em um lugar feito somente por Deus e acaba em um lugar onde a obra de Deus se trança necessariamente com a obra do homem: a Jerusalém do Apocalipse, a cidade que desce do céu, uma criação que Deus não quer edificar sem a ajuda do homem", concluiu Dom Pizzaballa. "Por isso consigna a cada qual seus talentos, para uns cinco, para outros três, para outros um. Nossa tarefa é convertê-los em ladrilhos da nova Jerusalém". (EPC)

Com informações de Religión en Libertad.

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/89852-Os-valores-cristaos-sem-Cristo-nao-servem-de-nada--afirma-Dom-Pizzaballa. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.




 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O novo Museu da Bíblia tem por objetivo dar a conhecer as várias nuances das Sagradas Escrituras, ...
 
O projeto tem por objetivo colocar em valor tudo o que for relacionado com a história e a arte da C ...
 
A agência turística que fizer publicidade para estes destinos em suas promoções ou em outras pub ...
 
Esta proposta de peregrinação recebeu no ano passado por volta de 900 mil visitantes. ...
 
Enquanto a Eucaristia alivia a fome e a sede de quem se aproxima dela, quanto mais se deseja e se re ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading