Loading
 
 
 
Loading
 
Bispos italianos convidam estudantes a escolher o ensino católico para o novo ano escolar
Loading
 
23 de Janeiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Itália - Roma (Terça-feira, 23-01-2018, Gaudium Press) Por ocasião das inscrições on-line que alunos e pais de família efetuarão nos próximos dias par aos cursos do ano escolar 2018-2019, a Presidência da Conferência Episcopal Italiana (CEI) dirigiu uma mensagem na qual convida a escolher o ensino da religião católica para este ciclo educativo.

Bispos italianos convidam estudantes a escolher o ensino católico para o novo ano escolar.jpg

"Junto com a escolha da escola e da instrução de estudo, se lhes pedirá efetuar também a escolha de aproveitar ou não o ensino da religião católica. É justamente sobre esta decisão que chamamos a atenção, porque se trata de uma ocasião formativa importante que é oferecida para enriquecer a experiência de crescimento e para conhecer as raízes cristãs de nossa cultura e de nossa sociedade", assinalam a partir do episcopado italiano.

Dizem que ainda que este processo seja hoje habitual, querem convidar a refletir sobre a importância de "escolher uma disciplina que no tempo se tem confirmado como uma presença significativa na escola, compartilhada pela grande maioria das famílias e estudantes".

Neste sentido, os Bispos italianos recordam aos pais de família que o Ensino da Religião Católica (IRC, por sua sigla em italiano), -que é a instituição do concordato entre o Estado italiano e a Igreja Católica-, "continua respondendo de maneira adequada e apreciada diante das grandes mudanças culturais e sociais que envolvem todo o território do nosso belo país".

Ressoam, por sua vez, que a questão religiosa "é um requisito que não se pode suprimir da pessoa humana e o ensino da religião católica tem como objetivo ajudar a refletir da melhor forma sobre tais questões, no mais absoluto respeito à liberdade de consciência de cada um, como o principal valor que deve proteger e promover para uma vida aberta ao encontro com os outros".

Isto para fazer eco das palavras que o Papa Francisco pronunciou durante o Ângelus da festa da Sagrada Família no dia 31 de dezembro: "esta é a missão a qual a família está orientada: criar as condições favoráveis para o crescimento harmonioso e pleno dos filhos, com o fim de que possam viver uma vida boa, digna de Deus e construtiva para o mundo".

Aos estudantes, os Bispos recordam a apreciação generalizada que acompanhou a educação católica por anos: "Seus professores de religião católica se esforçam todos os dias para trabalhar com paixão e generosidade nas escolas italianas, sejam estatais ou particulares, apoiadas, por um lado, pelo rigor dos estudos realizados e, por outro, pela estima dos colegas e das famílias que lhes confiam seus filhos".

"Por todos estes motivos, queremos renovar o convite para avaliar o ensino da religião católica, seguros de que durante estas lições vocês poderão encontrar docentes e colegas de classe que saberão acompanhar o longo caminho do crescimento humano e cultural, decisivo e fundamental para o resto de sua vida", conclui a carta.

O Ensino da Religião Católica (IRC) na Itália prevê que em todas as escolas do país se reservem aulas semanais para o ensino da religião católica. A escolha para tomar essas lições deve ser comunicada no início do ano letivo. (EPC)

Loading
Bispos italianos convidam estudantes a escolher o ensino católico para o novo ano escolar

Itália - Roma (Terça-feira, 23-01-2018, Gaudium Press) Por ocasião das inscrições on-line que alunos e pais de família efetuarão nos próximos dias par aos cursos do ano escolar 2018-2019, a Presidência da Conferência Episcopal Italiana (CEI) dirigiu uma mensagem na qual convida a escolher o ensino da religião católica para este ciclo educativo.

Bispos italianos convidam estudantes a escolher o ensino católico para o novo ano escolar.jpg

"Junto com a escolha da escola e da instrução de estudo, se lhes pedirá efetuar também a escolha de aproveitar ou não o ensino da religião católica. É justamente sobre esta decisão que chamamos a atenção, porque se trata de uma ocasião formativa importante que é oferecida para enriquecer a experiência de crescimento e para conhecer as raízes cristãs de nossa cultura e de nossa sociedade", assinalam a partir do episcopado italiano.

Dizem que ainda que este processo seja hoje habitual, querem convidar a refletir sobre a importância de "escolher uma disciplina que no tempo se tem confirmado como uma presença significativa na escola, compartilhada pela grande maioria das famílias e estudantes".

Neste sentido, os Bispos italianos recordam aos pais de família que o Ensino da Religião Católica (IRC, por sua sigla em italiano), -que é a instituição do concordato entre o Estado italiano e a Igreja Católica-, "continua respondendo de maneira adequada e apreciada diante das grandes mudanças culturais e sociais que envolvem todo o território do nosso belo país".

Ressoam, por sua vez, que a questão religiosa "é um requisito que não se pode suprimir da pessoa humana e o ensino da religião católica tem como objetivo ajudar a refletir da melhor forma sobre tais questões, no mais absoluto respeito à liberdade de consciência de cada um, como o principal valor que deve proteger e promover para uma vida aberta ao encontro com os outros".

Isto para fazer eco das palavras que o Papa Francisco pronunciou durante o Ângelus da festa da Sagrada Família no dia 31 de dezembro: "esta é a missão a qual a família está orientada: criar as condições favoráveis para o crescimento harmonioso e pleno dos filhos, com o fim de que possam viver uma vida boa, digna de Deus e construtiva para o mundo".

Aos estudantes, os Bispos recordam a apreciação generalizada que acompanhou a educação católica por anos: "Seus professores de religião católica se esforçam todos os dias para trabalhar com paixão e generosidade nas escolas italianas, sejam estatais ou particulares, apoiadas, por um lado, pelo rigor dos estudos realizados e, por outro, pela estima dos colegas e das famílias que lhes confiam seus filhos".

"Por todos estes motivos, queremos renovar o convite para avaliar o ensino da religião católica, seguros de que durante estas lições vocês poderão encontrar docentes e colegas de classe que saberão acompanhar o longo caminho do crescimento humano e cultural, decisivo e fundamental para o resto de sua vida", conclui a carta.

O Ensino da Religião Católica (IRC) na Itália prevê que em todas as escolas do país se reservem aulas semanais para o ensino da religião católica. A escolha para tomar essas lições deve ser comunicada no início do ano letivo. (EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O Papa autorizou a promulgação dos decretos relativos às virtudes heroicas de 12 servos de Deus. ...
 
Os prelados recordaram que receber a aula de religião é um direito fundamental reconhecido pela Co ...
 
Mais de 2 mil pessoas, além de dezenas de sacerdotes, participaram do evento realizado no municípi ...
 
Com um chicote, Jesus expulsou todos do Templo: "Não façais da casa de meu Pai uma casa de com ...
 
A iniciativa pretende estimular os fiéis a vivenciarem um processo contínuo de preparação para a ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading