Loading
 
 
 
Loading
 
Bento XVI comenta a primeira santa ameríndia
 
Loading
 
22 de Outubro de 2012 / 0 Comentários
 
 

 

Durante a cerimônia de canonização desse domingo, o Papa pediu a Santa Kateri Tekakwitha, “a renovação da Fé nos povos originários de toda a América do Norte”. A Santa Kateri Tekakwitha nasceu no atual Estado de Nova York, em 1656. Seu pai era índio mohawk. Sua mãe era uma algonquina cristã e foi quem transmitiu a Fé católica para Kateri. Ela foi batizada aos 20 anos de idade. Sendo perseguida por ódio a sua Fé, ela teve que refugiar-se na missão de São Francisco Xavier, próximo a Montreal. Morreu aos 24 anos mantendo-se fiel às tradições de seu povo mas, renunciando sempre as convicções religiosas pagãs dele. Seu desejo mais elevado era conhecer o que agradava a Deus. 

O que mais impressiona na vida de Kateri é a ação da graça em sua vida totalmente carente de apoios externos e pela firmeza de uma vocação tão particular para sua cultura.Nela a Fé e cultura se enriquecem mutuamente. O Papa pediu que o exemplo da primeira santa ameríndia, protetora do Canadá, nos ajude a viver onde nos encontramos, sem renegar o que somos, amando Nosso Senhor Jesus Cristo.

 




Copie e cole o código de incorporação acima no seu web site ou blog.






0 Comentários para "Gaudium Press"
 
Nenhum resultado encontrado.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



Loading
GaudiumRightPubli

Loading

Loading

Loading
19 de Abril de 2018  (00:00:54)
Visitas:   Comentários:
Loading






Loading
Loading

Loading
5 de Abril de 2018  (00:00:58)
Visitas:   Comentários:
Loading






Loading
Loading

Loading
28 de Março de 2018  (00:01:00)
Visitas:   Comentários:
Loading






Loading
Loading

Loading
19 de Março de 2018  (00:00:56)
Visitas:   Comentários:
Loading






Loading
O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading