Loading
 
 
 
Loading
 
Dedicada igreja e altar da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto, em São Paulo
Loading
 
16 de Outubro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

São Paulo (Segunda-feira, 16-10-2017, Gaudium Press) O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano, presidiu a missa com o rito de dedicação do altar e da igreja-matriz de Nossa Senhora do Bom Parto, situada na zona Leste de São Paulo, que recentemente passou por um período de reformas.

 Dedicada igreja e altar da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto, em São Paulo.jpg
Foto: Luciney Martins/O São Paulo

Construída na década de 1970, a igreja já havia passado por diversos reparos, porém necessitava de reformas estruturais, como a troca do forro e instalações elétricas. "A partir daí o conselho paroquial decidiu que fosse feita uma obra completa que desse uma identidade única para o templo. Ao longo dos anos, a igreja recebeu intervenções em diferentes estilos que, aos poucos, foram descaracterizando seu estilo original", explicou o pároco, Padre Tarcísio Marques Mesquita.

O novo projeto arquitetônico do templo, idealizado pelo artista-sacro Cláudio Pastro, que morreu há um ano, tinha o intuito de fazer com que tudo convergisse para o altar, símbolo central da Igreja.

Com a instalação de 56 janelas, troca do forro e todo o piso do templo, além do rebaixamento do piso do presbitério, o templo ainda contou com a instalação de três grandes painéis dourados com pinturas do artista, um novo sacrário e pia batismal. Na estrutura, foram trocadas a instalação elétrica, sistemas de som, alarmes e ventilação.

O destaque entre as obras no local é a construção de uma capela sob o presbitério para celebrações durante a semana. Nesse espaço, foi colocado em um nicho de vidro um grande crucifixo de madeira.

De acordo com o Padre Tarcísio, o projeto de restruturação da Igreja Nossa Senhora do Bom Parto foi uma das últimas obras de Cláudio Pastro. "Semanas antes de ser hospitalizado, ele veio aqui escolher as cores da parte externa da Igreja. Todo o projeto foi pensando com muito carinho por ele".

Por sua vez, Dom Odilo parabenizou os paroquianos pela renovação do templo e explicou que o sentido da dedicação de uma igreja é de oferta a Deus. "É como se disséssemos: ‘Senhor, esta casa é tua, este lugar é teu. Nós o dedicamos a tua glória para que seja tua morada entre nós e que aqui tu possas manifestar teu poder, misericórdia e proximidade conosco e para que possamos ir ao teu encontro e experimentarmos a alegria de estarmos na tua presença'", afirmou.

"Que está Igreja aqui neste bairro seja sinal de que Deus tem lugar no meio de nós", declarou Dom Odilo, ressaltando a necessidade de recuperar na cidade o significado das igrejas como sinal da presença de Deus. "Esta cidade, este bairro, esta comunidade local, sim, tem lugar para Deus, quer que Ele esteja presente".

Além disso, houve a colocação das relíquias de Santo Antonio de Sant'Anna Galvão, Santa Paulina, do Beato Mariano de La Mata, Beata Assunta Marchetti e o Servo de Deus Cardeal Van Thuân no altar da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto.

Também foi depositada uma porção de terra da comunidade de Uruaçu, no município de São Gonçalo do Amarante, Rio Grande do Norte, local no qual os Santos Mártires do Brasil, os padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, Mateus Moreira e seus 27 companheiros leigos, foram brutalmente assassinados em 1645. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de São Paulo

Loading
Dedicada igreja e altar da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto, em São Paulo

São Paulo (Segunda-feira, 16-10-2017, Gaudium Press) O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano, presidiu a missa com o rito de dedicação do altar e da igreja-matriz de Nossa Senhora do Bom Parto, situada na zona Leste de São Paulo, que recentemente passou por um período de reformas.

 Dedicada igreja e altar da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto, em São Paulo.jpg
Foto: Luciney Martins/O São Paulo

Construída na década de 1970, a igreja já havia passado por diversos reparos, porém necessitava de reformas estruturais, como a troca do forro e instalações elétricas. "A partir daí o conselho paroquial decidiu que fosse feita uma obra completa que desse uma identidade única para o templo. Ao longo dos anos, a igreja recebeu intervenções em diferentes estilos que, aos poucos, foram descaracterizando seu estilo original", explicou o pároco, Padre Tarcísio Marques Mesquita.

O novo projeto arquitetônico do templo, idealizado pelo artista-sacro Cláudio Pastro, que morreu há um ano, tinha o intuito de fazer com que tudo convergisse para o altar, símbolo central da Igreja.

Com a instalação de 56 janelas, troca do forro e todo o piso do templo, além do rebaixamento do piso do presbitério, o templo ainda contou com a instalação de três grandes painéis dourados com pinturas do artista, um novo sacrário e pia batismal. Na estrutura, foram trocadas a instalação elétrica, sistemas de som, alarmes e ventilação.

O destaque entre as obras no local é a construção de uma capela sob o presbitério para celebrações durante a semana. Nesse espaço, foi colocado em um nicho de vidro um grande crucifixo de madeira.

De acordo com o Padre Tarcísio, o projeto de restruturação da Igreja Nossa Senhora do Bom Parto foi uma das últimas obras de Cláudio Pastro. "Semanas antes de ser hospitalizado, ele veio aqui escolher as cores da parte externa da Igreja. Todo o projeto foi pensando com muito carinho por ele".

Por sua vez, Dom Odilo parabenizou os paroquianos pela renovação do templo e explicou que o sentido da dedicação de uma igreja é de oferta a Deus. "É como se disséssemos: ‘Senhor, esta casa é tua, este lugar é teu. Nós o dedicamos a tua glória para que seja tua morada entre nós e que aqui tu possas manifestar teu poder, misericórdia e proximidade conosco e para que possamos ir ao teu encontro e experimentarmos a alegria de estarmos na tua presença'", afirmou.

"Que está Igreja aqui neste bairro seja sinal de que Deus tem lugar no meio de nós", declarou Dom Odilo, ressaltando a necessidade de recuperar na cidade o significado das igrejas como sinal da presença de Deus. "Esta cidade, este bairro, esta comunidade local, sim, tem lugar para Deus, quer que Ele esteja presente".

Além disso, houve a colocação das relíquias de Santo Antonio de Sant'Anna Galvão, Santa Paulina, do Beato Mariano de La Mata, Beata Assunta Marchetti e o Servo de Deus Cardeal Van Thuân no altar da Paróquia Nossa Senhora do Bom Parto.

Também foi depositada uma porção de terra da comunidade de Uruaçu, no município de São Gonçalo do Amarante, Rio Grande do Norte, local no qual os Santos Mártires do Brasil, os padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, Mateus Moreira e seus 27 companheiros leigos, foram brutalmente assassinados em 1645. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de São Paulo

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/90544-Dedicada-igreja-e-altar-da-Paroquia-Nossa-Senhora-do-Bom-Parto--em-Sao-Paulo. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Padre Tolentino, na pregação de hoje: "As lágrimas podem nos tornar santos, depois de humanos". ...
 
A iniciativa calcula que um milhão e meio de terços, fabricados por famílias de Belém, serão do ...
 
A tese do escritor é claramente resumida no título do texto: “Homens sem convicções, templos s ...
 
A experiência demonstrou que há interesse por essas pregações já que elas são muito populares ...
 
O Papa ainda lembrou que a Quaresma é um período de arrependimento e conversão. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading