Loading
 
 
 
Loading
 
Halloween: brincadeira inofensiva para crianças? Sacerdote exorcista responde
Loading
 
30 de Outubro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Redação (Segunda-feira, 30-10-2017, Gaudium Press) Esta pergunta sobre o a inofensividade das brincadeiras do "dia das bruxas" foi respondida ao canal de televisão italiano "TV 2000" pelo Padre Aldo Buonaiuto, sacerdote exorcista e autor do livro "Halloween. O truque do diabo".

30-10Halloween brincadeira inofensiva para crianças, Sacerdote exorcista responde.jpg

O Padre Buonaiuto que é antropólogo, demonólogo e coordenador do Serviço Anti-Seitas da Comunidade Papa João XXIII. Estudou filosofia e teologia no Pontifício Ateneu Romano "São Anselmo" e antropologia teológica no Pontifício Ateneu Teresianum de Roma, afirmou que o halloween "É a grande festa do mundo do oculto, o ano novo dos satanistas, conhecido como a festa deste deus das trevas". 

Forma de reverenciar o mundo das trevas

O sacerdote afirmou diante das câmeras que é importante compreender a instituição da festa de Todos os Santos no dia 1º de novembro, já que foi o Papa Gregório IV, por volta do ano 834, que a transferiu do dia 13 de maio para esta data, justamente a fim de deter o avanço de um costume antigo que, então, vinha da Irlanda e que trazia consigo um modo de adorar o mundo das trevas e dos mortos.

Brincadeira com Símbolos ocultos

Padre Aldo sublinhou que nos dias de hoje o relativismo tomou conta do mundo e que tudo está unido ao tétrico, à violência, ao horror, ao sangue, mas tudo se mostra em forma de brincadeira:
"Nas escolas, ouço diferentes pais que falam de crianças que estão horrorizadas, têm pesadelos à noite e de outras crianças ainda que não entendem mais a diferença entre a vida e a morte", lamentou o Pe. Buonaiuto, ao explicar o relativismo que não distingue mais o bem do mal, o belo do horrendo.

Halloween: carnaval do horror

Em declarações feitas à Interris.it, o Pe. Aldo Buonaiuto disse que seu livro "Halloween. O truque do diabo" tem a intenção de procurar "informar, educar e prevenir os perigos, é um subsídio para os pais e educadores, para os catequistas e para os sacerdotes, assim como para as crianças, de maneira que (possa existir) a consciência a respeito dos significados dos símbolos ocultos e satânicos deste carnaval do horror, que não deve ser trivializado".
Doces para evitar vinganças do deus da morte

Sobre o costume de, no dia do halloween, as crianças saírem pedindo doces e caramelos de casa em casa, usando o dito "doce ou travessura", ele chamou a atenção para o fato de que a frase "esconde algo muito mais sério e preocupante do que podemos ver".

O sacerdote recorda, então, que "no antigo culto pagão dos druidas, ‘trick or treat', significava a ‘maldição ou sacrifício': era a obrigação de oferecer presentes aos sacerdotes do deus da morte, a fim de evitar vinganças do além".

"Através desta conhecida moda festiva, difundem o prazer pelo horror como algo normal, a sedução de algo macabro, sentir mais atração pela morte do que pela vida. Está profanando o significado da morte. Como escrevi no livro, o truque do diabo é um doce mortal para a alma", salientou Padre Aldo.

O Comércio se alia ao Satanismo

O aspecto comercial que também envolve e promove o evento do halleween fazendo propaganda dele para seduzir os jovens, foi também apontado e criticado pelo sacerdote exorcista: "Na Europa, o lucro econômico com a ‘noite de bruxas' supera os 400 milhões de euros".

Para o Padre Aldo Buonaiuto, a aliança do comercio com o satanismo para atrair jovens e crianças é uma profanação ao sagrado "é um fenômeno daninho, no plano social, antropológico e cultural: uma proposta de valores negativos, vinculados a uma visão materialista e utilitarista da vida e do prazer. E é uma profanação da verdadeira festa, cristã, do culto aos Santos, da devoção por homens e mulheres que trataram de imitar o exemplo perfeito de Jesus no amor ao próximo e no respeito aos mandamentos divinos". (JSG)

 

(Da Redação Gaudium Press, com Informações ACI)

 

Loading
Halloween: brincadeira inofensiva para crianças? Sacerdote exorcista responde

Redação (Segunda-feira, 30-10-2017, Gaudium Press) Esta pergunta sobre o a inofensividade das brincadeiras do "dia das bruxas" foi respondida ao canal de televisão italiano "TV 2000" pelo Padre Aldo Buonaiuto, sacerdote exorcista e autor do livro "Halloween. O truque do diabo".

30-10Halloween brincadeira inofensiva para crianças, Sacerdote exorcista responde.jpg

O Padre Buonaiuto que é antropólogo, demonólogo e coordenador do Serviço Anti-Seitas da Comunidade Papa João XXIII. Estudou filosofia e teologia no Pontifício Ateneu Romano "São Anselmo" e antropologia teológica no Pontifício Ateneu Teresianum de Roma, afirmou que o halloween "É a grande festa do mundo do oculto, o ano novo dos satanistas, conhecido como a festa deste deus das trevas". 

Forma de reverenciar o mundo das trevas

O sacerdote afirmou diante das câmeras que é importante compreender a instituição da festa de Todos os Santos no dia 1º de novembro, já que foi o Papa Gregório IV, por volta do ano 834, que a transferiu do dia 13 de maio para esta data, justamente a fim de deter o avanço de um costume antigo que, então, vinha da Irlanda e que trazia consigo um modo de adorar o mundo das trevas e dos mortos.

Brincadeira com Símbolos ocultos

Padre Aldo sublinhou que nos dias de hoje o relativismo tomou conta do mundo e que tudo está unido ao tétrico, à violência, ao horror, ao sangue, mas tudo se mostra em forma de brincadeira:
"Nas escolas, ouço diferentes pais que falam de crianças que estão horrorizadas, têm pesadelos à noite e de outras crianças ainda que não entendem mais a diferença entre a vida e a morte", lamentou o Pe. Buonaiuto, ao explicar o relativismo que não distingue mais o bem do mal, o belo do horrendo.

Halloween: carnaval do horror

Em declarações feitas à Interris.it, o Pe. Aldo Buonaiuto disse que seu livro "Halloween. O truque do diabo" tem a intenção de procurar "informar, educar e prevenir os perigos, é um subsídio para os pais e educadores, para os catequistas e para os sacerdotes, assim como para as crianças, de maneira que (possa existir) a consciência a respeito dos significados dos símbolos ocultos e satânicos deste carnaval do horror, que não deve ser trivializado".
Doces para evitar vinganças do deus da morte

Sobre o costume de, no dia do halloween, as crianças saírem pedindo doces e caramelos de casa em casa, usando o dito "doce ou travessura", ele chamou a atenção para o fato de que a frase "esconde algo muito mais sério e preocupante do que podemos ver".

O sacerdote recorda, então, que "no antigo culto pagão dos druidas, ‘trick or treat', significava a ‘maldição ou sacrifício': era a obrigação de oferecer presentes aos sacerdotes do deus da morte, a fim de evitar vinganças do além".

"Através desta conhecida moda festiva, difundem o prazer pelo horror como algo normal, a sedução de algo macabro, sentir mais atração pela morte do que pela vida. Está profanando o significado da morte. Como escrevi no livro, o truque do diabo é um doce mortal para a alma", salientou Padre Aldo.

O Comércio se alia ao Satanismo

O aspecto comercial que também envolve e promove o evento do halleween fazendo propaganda dele para seduzir os jovens, foi também apontado e criticado pelo sacerdote exorcista: "Na Europa, o lucro econômico com a ‘noite de bruxas' supera os 400 milhões de euros".

Para o Padre Aldo Buonaiuto, a aliança do comercio com o satanismo para atrair jovens e crianças é uma profanação ao sagrado "é um fenômeno daninho, no plano social, antropológico e cultural: uma proposta de valores negativos, vinculados a uma visão materialista e utilitarista da vida e do prazer. E é uma profanação da verdadeira festa, cristã, do culto aos Santos, da devoção por homens e mulheres que trataram de imitar o exemplo perfeito de Jesus no amor ao próximo e no respeito aos mandamentos divinos". (JSG)

 

(Da Redação Gaudium Press, com Informações ACI)

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/90898-Halloween--brincadeira-inofensiva-para-criancas--Sacerdote-exorcista-responde. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

A pintora Carmen Parra, que disse que é importante preservar a arte sacra após os terremotos, pois ...
 
São números que demonstram o grande interesse na Jornada que se desenvolverá na Cidade do Panamá ...
 
Na conclusão dos Exercícios Espirituais de Ariccia, Papa Francisco agradece ao Pe. Tolentino. ...
 
"Esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei". Veja como essa tocante súplica foi prontamente ...
 
Aprofundar o conhecimento de Fátima, descobrir sua Mensagem: fonte de espiritualidade para viver fe ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading