Loading
 
 
 
Loading
 
Criada Diocese de Cruz das Almas, na Bahia
Loading
 
22 de Novembro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Salvador - Bahia (Quarta-feira, 22-11-2017, Gaudium Press) O Brasil tem uma nova diocese. Trata-se do bispado de Cruz das Almas, na região do Recôncavo Baiano, com território desmembrado da Arquidiocese de Salvador.

Criada Diocese de Cruz das Almas, na Bahia.jpg

A diocese foi criada pelo Papa Francisco nesta quarta-feira, 22 de novembro. Nesta mesma data, o Santo Padre nomeou como o primeiro bispo da nova área episcopal Dom Antônio Tourinho Neto, atual auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife.

A Diocese de Cruz das Almas será composta pelos municípios de Cabaceiras do Paraguaçu, Cachoeira, Cruz das Almas, Governador Mangabeira, Maragogipe, Muritiba, Santo Amaro, São Félix, Sapeaçu e Saubara.

A instalação do novo bispado está marcada para o dia 28 de janeiro, às 10h, na Matriz da Paróquia Nossa do Bom Sucesso, que passará a ser a Catedral Diocesana. A cerimônia será presidida pelo Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D'Aniello.

Criada Diocese de Cruz das Almas, na Bahia.jpgO agora bispo de Cruz das Almas, Dom Tourinho Neto, em mensagem destinada aos fiéis da região do Recôncavo Baiano, expressou sua alegria pela criação da diocese:

"Neste dia em que é publicada a criação da Diocese de Cruz das Almas no Estado da Bahia e a minha nomeação como seu primeiro Bispo Diocesano, dirijo cordial saudação aos irmãos no episcopado: Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger, Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de São Salvador e Primaz do Brasil, Dom Hélio Pereira dos Santos, Bispo Auxiliar e até então referencial para a Forania de Cruz das Almas e demais Bispos Auxiliares; ao venerável Monsenhor José de Souza Neiva, aos Presbíteros e Diáconos, seminaristas, aos Religiosos e Consagrados, às lideranças leigas e a todo povo da Diocese de Cruz das Almas. Desejo a todos graça e paz da parte de Deus nosso Pai e de Nosso Senhor Jesus Cristo", escreve.

Dom Tourinho revela que no dia 16 de outubro passado, foi surpreendido com o telefonema do Núncio Apostólico, informando a escolha de sua pessoa como primeiro bispo diocesano da Igreja Particular recentemente erigida.

"Consciente da promessa de obediência ao Santo Padre no dia da minha ordenação episcopal, acolhi o desafio sem deixar de confiar na providência divina. Irei como pastor desta porção do Povo de Deus, tendo em vista um princípio: fazer-me servo por amor, pois creio que ‘o amor vence tudo'. Levo comigo as palavras do Papa Francisco dirigidas aos bispos, sucessores dos Apóstolos de Cristo: ‘O episcopado é um serviço, não é uma honra para se vangloriar (...). Este ministério não se procura, não se pede, não se compra, mas se acolhe em obediência, não para se elevar, mas para se rebaixar, como Jesus que se humilhou, fazendo-se obediente até a morte e uma morte de cruz (Fl2,8)'. Encontro-me de coração aberto e disponível para atender, na medida do possível, a solicitação de todos, sem distinção".

No final da carta, o novo bispo de Cruz das Almas declara ter ciência de que precisa conhecer a realidade local e depois, "em espírito de unidade, tendo Jesus em nosso meio e pelo impulso do Espírito Santo, construirmos o rosto pastoral da nossa recém-criada Diocese, respeitando as experiências positivas já existentes, em comunhão com a ação evangelizadora da Igreja no Brasil".

"Agradeço imensamente a Arquidiocese de São Salvador da Bahia pela generosidade em doar uma parte do seu território para que se constituísse uma nova Diocese em terras baianas. Deus há de recompensá-la infinitamente. Recomendo meu episcopado e a nova Diocese a Nossa Senhora do Bom Sucesso, excelsa Padroeira de Cruz das Almas. Recebam todos a minha bênção", concluiu Dom Antônio Tourinho. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Salvador

Loading
Criada Diocese de Cruz das Almas, na Bahia

Salvador - Bahia (Quarta-feira, 22-11-2017, Gaudium Press) O Brasil tem uma nova diocese. Trata-se do bispado de Cruz das Almas, na região do Recôncavo Baiano, com território desmembrado da Arquidiocese de Salvador.

Criada Diocese de Cruz das Almas, na Bahia.jpg

A diocese foi criada pelo Papa Francisco nesta quarta-feira, 22 de novembro. Nesta mesma data, o Santo Padre nomeou como o primeiro bispo da nova área episcopal Dom Antônio Tourinho Neto, atual auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife.

A Diocese de Cruz das Almas será composta pelos municípios de Cabaceiras do Paraguaçu, Cachoeira, Cruz das Almas, Governador Mangabeira, Maragogipe, Muritiba, Santo Amaro, São Félix, Sapeaçu e Saubara.

A instalação do novo bispado está marcada para o dia 28 de janeiro, às 10h, na Matriz da Paróquia Nossa do Bom Sucesso, que passará a ser a Catedral Diocesana. A cerimônia será presidida pelo Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D'Aniello.

Criada Diocese de Cruz das Almas, na Bahia.jpgO agora bispo de Cruz das Almas, Dom Tourinho Neto, em mensagem destinada aos fiéis da região do Recôncavo Baiano, expressou sua alegria pela criação da diocese:

"Neste dia em que é publicada a criação da Diocese de Cruz das Almas no Estado da Bahia e a minha nomeação como seu primeiro Bispo Diocesano, dirijo cordial saudação aos irmãos no episcopado: Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger, Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de São Salvador e Primaz do Brasil, Dom Hélio Pereira dos Santos, Bispo Auxiliar e até então referencial para a Forania de Cruz das Almas e demais Bispos Auxiliares; ao venerável Monsenhor José de Souza Neiva, aos Presbíteros e Diáconos, seminaristas, aos Religiosos e Consagrados, às lideranças leigas e a todo povo da Diocese de Cruz das Almas. Desejo a todos graça e paz da parte de Deus nosso Pai e de Nosso Senhor Jesus Cristo", escreve.

Dom Tourinho revela que no dia 16 de outubro passado, foi surpreendido com o telefonema do Núncio Apostólico, informando a escolha de sua pessoa como primeiro bispo diocesano da Igreja Particular recentemente erigida.

"Consciente da promessa de obediência ao Santo Padre no dia da minha ordenação episcopal, acolhi o desafio sem deixar de confiar na providência divina. Irei como pastor desta porção do Povo de Deus, tendo em vista um princípio: fazer-me servo por amor, pois creio que ‘o amor vence tudo'. Levo comigo as palavras do Papa Francisco dirigidas aos bispos, sucessores dos Apóstolos de Cristo: ‘O episcopado é um serviço, não é uma honra para se vangloriar (...). Este ministério não se procura, não se pede, não se compra, mas se acolhe em obediência, não para se elevar, mas para se rebaixar, como Jesus que se humilhou, fazendo-se obediente até a morte e uma morte de cruz (Fl2,8)'. Encontro-me de coração aberto e disponível para atender, na medida do possível, a solicitação de todos, sem distinção".

No final da carta, o novo bispo de Cruz das Almas declara ter ciência de que precisa conhecer a realidade local e depois, "em espírito de unidade, tendo Jesus em nosso meio e pelo impulso do Espírito Santo, construirmos o rosto pastoral da nossa recém-criada Diocese, respeitando as experiências positivas já existentes, em comunhão com a ação evangelizadora da Igreja no Brasil".

"Agradeço imensamente a Arquidiocese de São Salvador da Bahia pela generosidade em doar uma parte do seu território para que se constituísse uma nova Diocese em terras baianas. Deus há de recompensá-la infinitamente. Recomendo meu episcopado e a nova Diocese a Nossa Senhora do Bom Sucesso, excelsa Padroeira de Cruz das Almas. Recebam todos a minha bênção", concluiu Dom Antônio Tourinho. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Salvador

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/91369-Criada-Diocese-de-Cruz-das-Almas--na-Bahia-. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

...
 
A iniciativa calcula que um milhão e meio de terços, fabricados por famílias de Belém, serão do ...
 
A tese do escritor é claramente resumida no título do texto: “Homens sem convicções, templos s ...
 
A experiência demonstrou que há interesse por essas pregações já que elas são muito populares ...
 
O Papa ainda lembrou que a Quaresma é um período de arrependimento e conversão. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading