Loading
 
 
 
Loading
 
Lema episcopal “Que todos sejam um” inspira 5ª Festa da Unidade, no Rio
Loading
 
4 de Dezembro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Rio de Janeiro (Segunda-feira, 04-12-2017, Gaudium Press) O trecho extraído da Bíblia "Vós sois o sal da terra, vós sois a luz do mundo" (Mt 5, 13-16) serviu de inspiração para que, milhares de fiéis da Arquidiocese do Rio de Janeiro e de dioceses vizinhas, se reunissem na Catedral Metropolitana de São Sebastião a fim de festejar a 5ª Festa da Unidade. O Cardeal Arcebispo Orani João Tempesta presidiu a missa do encontro, intitulada "O Rio Celebra".

Lema episcopal Que todos sejam um inspira 5ª Festa da Unidade, no Rio.jpg

Criada através do lema episcopal de Dom Orani, "Que todos sejam um", a festa teve como intuito celebrar a unidade com toda a arquidiocese.

Ao longo da celebração eucarística, o Cardeal Tempesta afirmou que o mundo inteiro hoje vive momentos difíceis, mas que os cristãos são chamados a serem sinais de esperança diante de toda essa realidade.

"Desejamos novos tempos! Tempos de dignidade, onde todos vivam com fraternidade. A Palavra do Senhor nos diz: "Vós sois o sal da terra, vós sois a luz do mundo" (Mt 5, 13-16), por isso, somos chamados a ser sinais nesse mundo pensando sempre em primeiro lugar no outro, no meu próximo, além de promover continuamente a comunhão e a unidade na diversidade", disse Dom Orani.

Ao recordar o Ano do Laicato, que vem sendo celebrado pela Igreja no Brasil (e que se estende até 25 de novembro de 2018), o purpurado desejou que a celebração da Festa da Unidade marque a vida e o coração de todos os fiéis arquidiocesanos, ajudando-os ainda mais a continuar o trabalho que já vem sendo realizado.

"Neste belo momento de comunhão e unidade agradecemos pelos passos dados durante este ano, nos penitenciamos pelos que não foram dados, e nos colocamos a disposição para dar os passos necessários. Jesus deixou para todos nós o desejo de que vivêssemos em unidade e a Igreja almeja exatamente essa comunhão com Cristo e com os irmãos. Cremos que o Senhor vai nos conduzindo para fazermos cada vez melhor", lembrou o arcebispo.

A 5ª edição da Festa da Unidade foi encerrada com um momento de Adoração ao Santíssimo Sacramento. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese do Rio de Janeiro

Loading
Lema episcopal “Que todos sejam um” inspira 5ª Festa da Unidade, no Rio

Rio de Janeiro (Segunda-feira, 04-12-2017, Gaudium Press) O trecho extraído da Bíblia "Vós sois o sal da terra, vós sois a luz do mundo" (Mt 5, 13-16) serviu de inspiração para que, milhares de fiéis da Arquidiocese do Rio de Janeiro e de dioceses vizinhas, se reunissem na Catedral Metropolitana de São Sebastião a fim de festejar a 5ª Festa da Unidade. O Cardeal Arcebispo Orani João Tempesta presidiu a missa do encontro, intitulada "O Rio Celebra".

Lema episcopal Que todos sejam um inspira 5ª Festa da Unidade, no Rio.jpg

Criada através do lema episcopal de Dom Orani, "Que todos sejam um", a festa teve como intuito celebrar a unidade com toda a arquidiocese.

Ao longo da celebração eucarística, o Cardeal Tempesta afirmou que o mundo inteiro hoje vive momentos difíceis, mas que os cristãos são chamados a serem sinais de esperança diante de toda essa realidade.

"Desejamos novos tempos! Tempos de dignidade, onde todos vivam com fraternidade. A Palavra do Senhor nos diz: "Vós sois o sal da terra, vós sois a luz do mundo" (Mt 5, 13-16), por isso, somos chamados a ser sinais nesse mundo pensando sempre em primeiro lugar no outro, no meu próximo, além de promover continuamente a comunhão e a unidade na diversidade", disse Dom Orani.

Ao recordar o Ano do Laicato, que vem sendo celebrado pela Igreja no Brasil (e que se estende até 25 de novembro de 2018), o purpurado desejou que a celebração da Festa da Unidade marque a vida e o coração de todos os fiéis arquidiocesanos, ajudando-os ainda mais a continuar o trabalho que já vem sendo realizado.

"Neste belo momento de comunhão e unidade agradecemos pelos passos dados durante este ano, nos penitenciamos pelos que não foram dados, e nos colocamos a disposição para dar os passos necessários. Jesus deixou para todos nós o desejo de que vivêssemos em unidade e a Igreja almeja exatamente essa comunhão com Cristo e com os irmãos. Cremos que o Senhor vai nos conduzindo para fazermos cada vez melhor", lembrou o arcebispo.

A 5ª edição da Festa da Unidade foi encerrada com um momento de Adoração ao Santíssimo Sacramento. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese do Rio de Janeiro


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

“Por muitas razões históricas, entre outras, o dizer-se católico não soa bem na sociedade. Me ...
 
Recordar o amor vivido, compartilhar com humildade a própria dor e caminhar junto com os irmãos at ...
 
A cerimônia se converteu em uma oportunidade para unir a preparação espiritual do tempo da Quares ...
 
O relatório relata inúmeros atos de violência, impunidade anticristã e falta de ação por parte ...
 
A Basílica de Ecce Homo foi edificada no século XIX no lugar que corresponde segundo a tradição ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading