Loading
 
 
 
Loading
 
Autoridades comunistas destroem Igreja em Zhifang, China, no dia dos Santos Inocentes
Loading
 
3 de Janeiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Xi'an - China (Quarta-feira, 03-01-2018, Gaudium Press) Enquanto os católicos de todo o mundo recordavam o martírio dos Santos Inocentes, mortos pela intenção pessoal do Rei Herodes de perseguir e exterminar Nosso Senhor Jesus Cristo, os católicos chineses lamentavam um novo episódio de perseguição registrado na cidade de Zhifang, Diocese de Xi'an.

03-01-Autoridades comunistas destroem Igreja em Zhifang, China, no dia dos Santos Inocentes.jpg

As autoridades comunistas executaram uma ordem de demolição da única Igreja católica do lugar, construído de modo simples com autorização governamental em 1999.

"Depois do nascimento de Jesus, santos e inocentes crianças foram sacrificadas", disse um católico chinês através das redes sociais, segundo informou a AsiaNews. "Hoje, inclusive a Igreja inocente de Zhifang foi demolida violentamente. Oh, meu Deus, eles não sabem o que fazem!". 

Os fiéis afirmam que a Igreja foi destruída sem nenhuma razão e pediram respeito à liberdade religiosa no país.

Os católicos chineses denunciaram o fato pelas redes sociais, mostrando tanto as obras de demolição executadas por funcionários do governo, como a cópia de documentos que comprovam que a edificação tinha as autorizações necessárias para sua construção, fornecidas pelo Escritório de Assuntos Religiosos.

Os fiéis faziam uso ininterrupto e as autorizações de uso da terra para o culto religioso demonstram que a autorização do governo era de carácter permanente.

A Igreja ficava perto da rodovia Beijing-Kunming e as autoridades montaram um cerco a fim de impedir que os fiéis católicos pudessem aproximar-se da Igreja.

Eles protestaram em frente à prefeitura porque estavam impossibilitados de impedir a demolição ou de resgatar o Sacrário, os vasos sagrados e os ornamentos litúrgicos.

A demolição foi concretizada na tarde de 27 de dezembro. E até o presente momento, as autoridades do regime comunista chinês fazem silêncio sobre as manifestações havidas na pequena cidade. Parece que fazem questão de demonstrarem que não ouviram nada...   (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com informações AsiaNews.)

 

 

Loading
Autoridades comunistas destroem Igreja em Zhifang, China, no dia dos Santos Inocentes

Xi'an - China (Quarta-feira, 03-01-2018, Gaudium Press) Enquanto os católicos de todo o mundo recordavam o martírio dos Santos Inocentes, mortos pela intenção pessoal do Rei Herodes de perseguir e exterminar Nosso Senhor Jesus Cristo, os católicos chineses lamentavam um novo episódio de perseguição registrado na cidade de Zhifang, Diocese de Xi'an.

03-01-Autoridades comunistas destroem Igreja em Zhifang, China, no dia dos Santos Inocentes.jpg

As autoridades comunistas executaram uma ordem de demolição da única Igreja católica do lugar, construído de modo simples com autorização governamental em 1999.

"Depois do nascimento de Jesus, santos e inocentes crianças foram sacrificadas", disse um católico chinês através das redes sociais, segundo informou a AsiaNews. "Hoje, inclusive a Igreja inocente de Zhifang foi demolida violentamente. Oh, meu Deus, eles não sabem o que fazem!". 

Os fiéis afirmam que a Igreja foi destruída sem nenhuma razão e pediram respeito à liberdade religiosa no país.

Os católicos chineses denunciaram o fato pelas redes sociais, mostrando tanto as obras de demolição executadas por funcionários do governo, como a cópia de documentos que comprovam que a edificação tinha as autorizações necessárias para sua construção, fornecidas pelo Escritório de Assuntos Religiosos.

Os fiéis faziam uso ininterrupto e as autorizações de uso da terra para o culto religioso demonstram que a autorização do governo era de carácter permanente.

A Igreja ficava perto da rodovia Beijing-Kunming e as autoridades montaram um cerco a fim de impedir que os fiéis católicos pudessem aproximar-se da Igreja.

Eles protestaram em frente à prefeitura porque estavam impossibilitados de impedir a demolição ou de resgatar o Sacrário, os vasos sagrados e os ornamentos litúrgicos.

A demolição foi concretizada na tarde de 27 de dezembro. E até o presente momento, as autoridades do regime comunista chinês fazem silêncio sobre as manifestações havidas na pequena cidade. Parece que fazem questão de demonstrarem que não ouviram nada...   (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com informações AsiaNews.)

 

 


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

A pintora Carmen Parra, que disse que é importante preservar a arte sacra após os terremotos, pois ...
 
São números que demonstram o grande interesse na Jornada que se desenvolverá na Cidade do Panamá ...
 
Na conclusão dos Exercícios Espirituais de Ariccia, Papa Francisco agradece ao Pe. Tolentino. ...
 
"Esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei". Veja como essa tocante súplica foi prontamente ...
 
Aprofundar o conhecimento de Fátima, descobrir sua Mensagem: fonte de espiritualidade para viver fe ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading