Loading
 
 
 
Loading
 
Comunidade de Brasília festeja os 800 anos da Ordem das Mercês
Loading
 
24 de Janeiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Brasília (Quarta-feira, 24-01-2018, Gaudium Press) Fundada em Barcelona por São Pedro Nolasco, em 1218, após uma aparição da Virgem Maria, a Ordem da Virgem Maria das Mercês da redenção dos cativos de Santa Eulália, conhecida como a Ordem Mercedária, desembarcou no Brasil em 1639, na cidade de Belém do Pará, sendo trazida pelos portugueses.

Comunidade de Brasília festeja os 800 anos da Ordem das Mercês.jpg

Em 2017, a Ordem celebra seus 800 anos realizando uma extensa festa no próximo dia 3 de fevereiro, a partir das 16h30. Na programação, haverá apresentações musicais e Santa Missa presidida pelo Arcebispo de Brasília, Cardeal Sergio da Rocha, às 19h.

Após fundarem o primeiro convento no Brasil, já em 1940, em Belém, a Ordem se estabeleceu no país e atualmente está presente em vários estados brasileiros com paróquias, creches e escolas.

Na Arquidiocese de Brasília, a Ordem se encontra na Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Mercês, localizada na L2 Sul. Edificada em 2 de fevereiro de 1959, a comunidade é mais antiga que a própria Capital Federal e a Paróquia da Catedral.

Outro detalhe curioso é que, antigamente, todo o território arquidiocesano de Brasília pertencia à Igreja de Goiânia.

Ao chegar no local, o Padre Eduardo, missionário da Ordem do Sagrado Coração de Jesus, teve a missão de guiar a paróquia. Então, ele começou a construir a igreja viva, visitando e evangelizando os acampamentos de trabalhadores que erguiam Brasília, e simultaneamente, a igreja-templo, provisoriamente em madeira, inaugurada em 6 de agosto de 1960.

No mês de fevereiro de 1989, desembarcaram os padres Mercedários, que ficaram responsáveis pela Arquidiocese de Brasília no cuidado e atendimento da paróquia. Assim, os religiosos deram continuidade aos trabalhos pastorais já iniciados. Neste mesmo ano, o templo passou a ser também dedicado a Nossa Senhora das Mercês.

Hoje, a paróquia da L2 Sul conta com a ajuda missionária de 40 grupos, entre pastorais e movimentos, sendo realizadas em média 17 missas semanais. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Brasília

Loading
Comunidade de Brasília festeja os 800 anos da Ordem das Mercês

Brasília (Quarta-feira, 24-01-2018, Gaudium Press) Fundada em Barcelona por São Pedro Nolasco, em 1218, após uma aparição da Virgem Maria, a Ordem da Virgem Maria das Mercês da redenção dos cativos de Santa Eulália, conhecida como a Ordem Mercedária, desembarcou no Brasil em 1639, na cidade de Belém do Pará, sendo trazida pelos portugueses.

Comunidade de Brasília festeja os 800 anos da Ordem das Mercês.jpg

Em 2017, a Ordem celebra seus 800 anos realizando uma extensa festa no próximo dia 3 de fevereiro, a partir das 16h30. Na programação, haverá apresentações musicais e Santa Missa presidida pelo Arcebispo de Brasília, Cardeal Sergio da Rocha, às 19h.

Após fundarem o primeiro convento no Brasil, já em 1940, em Belém, a Ordem se estabeleceu no país e atualmente está presente em vários estados brasileiros com paróquias, creches e escolas.

Na Arquidiocese de Brasília, a Ordem se encontra na Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Mercês, localizada na L2 Sul. Edificada em 2 de fevereiro de 1959, a comunidade é mais antiga que a própria Capital Federal e a Paróquia da Catedral.

Outro detalhe curioso é que, antigamente, todo o território arquidiocesano de Brasília pertencia à Igreja de Goiânia.

Ao chegar no local, o Padre Eduardo, missionário da Ordem do Sagrado Coração de Jesus, teve a missão de guiar a paróquia. Então, ele começou a construir a igreja viva, visitando e evangelizando os acampamentos de trabalhadores que erguiam Brasília, e simultaneamente, a igreja-templo, provisoriamente em madeira, inaugurada em 6 de agosto de 1960.

No mês de fevereiro de 1989, desembarcaram os padres Mercedários, que ficaram responsáveis pela Arquidiocese de Brasília no cuidado e atendimento da paróquia. Assim, os religiosos deram continuidade aos trabalhos pastorais já iniciados. Neste mesmo ano, o templo passou a ser também dedicado a Nossa Senhora das Mercês.

Hoje, a paróquia da L2 Sul conta com a ajuda missionária de 40 grupos, entre pastorais e movimentos, sendo realizadas em média 17 missas semanais. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Brasília

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/92689-Comunidade-de-Brasilia-festeja-os-800-anos-da-Ordem-das-Merces. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Cardeal Angelo Amato: Santa Rita de Cássia encoraja os jovens a ter esperança no futuro. ...
 
Santo Antônio é considerado como o “Milagroso de Pádua”, um nome que não foi gratuito, já q ...
 
A peregrinação deste ano se encontrava sob o patrocínio de São José, e isso inspirou o tema da ...
 
O novo site www.diocesidiroma.it, substitui o anterior que foi colocado no ar em 2001. ...
 
Os mergulhadores e os devotos presentes realizaram uma oração pelas pessoas que faleceram no mar. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading