Loading
 
 
 
Loading
 
Novo milagre é reconhecido no Santuário de Nossa Senhora de Lourdes
Loading
 
14 de Fevereiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

França - Lourdes (Quarta-feira, 14-02-2018, Gaudium Press) No dia 11 de fevereiro, Festa de Nossa Senhora de Lourdes e Dia Mundial dos Enfermos, o Bispo de Beauvais, França, Dom Jacques Benoit-Gonin, proclamou oficialmente o milagre de cura da Irmã Bernadette Moriau, documentado pelo 'Bureau Médicale' do Santuário de Lourdes. A religiosa, que recuperou de maneira inexplicável para a ciência a capacidade de caminhar, visitou o Santuário em julho de 2008 e poucos dias depois experimentou a cura de maneira "repentina, instantânea, completa e duradoura", segundo informou o Bispo.

Novo milagre é reconhecido no Santuário de Nossa Senhora de Lourdes.jpg

"Em nenhum momento pedi a cura", declarou a religiosa de 79 anos, segundo informou o 'Vatican Insider'. A Irmã Moriau relatou que participou da peregrinação a Lourdes a convite de seu médico. A religiosa havia passado por quatro operações em sua coluna vertebral e foi declarada incapacitada em 1980 por causa de uma síndrome de "rabo de cavalo", uma opressão nas raízes nervosas da base da coluna. A Irmã teve que usar uma cadeira de rodas e um sistema de apoio para o torso além de sofrer intensas dores pelas quais lhe foram receitadas doses de morfina. "Na gruta notei a misteriosa presença de Maria e da pequena Bernadette", indicou. "Pedi a conversão do coração e a força para prosseguir no meu caminho de enferma".

Dom Benoit-Gonin informou em sua declaração oficial os detalhes do milagre, ocorrido em 11 de julho de 2008, três dias depois da peregrinação ao Santuário. "Ao entardecer, a Irmã Bernadette Moriau passou certo tempo em adoração que viveu em comunhão com Lourdes e a peregrinação que acabara de fazer". Nas palavras da religiosa, "revivia no meu coração o momento forte da bênção dos enfermos com o Santíssimo Sacramento e percebi verdadeiramente esta presença de Jesus... Ao final da adoração senti em meu corpo uma sensação de calor... Me senti bem." Ao retornar ao quarto, relatou ao Bispo que, "se sentiu chamada a livrar-se de sua prótese: o espartilho, as muletas e parou o neuroestimulador... Imediatamente se pôs a caminhar sem ajuda nenhuma, de maneira completamente autônoma". A Irmã chamou suas companheiras religiosas, que foram testemunhas do milagre.

O Bispo descreveu que a mudança ocorrida no corpo da religiosa, "repentina, instantânea, completa e durável" corresponde às características de um milagre autêntico. Embora existam inúmeros relatos de cura e graças espirituais obtidas no Santuário de Lourdes, apenas 70 casos foram certificados pela Igreja após uma minuciosa investigação e o cumprimento de condições rigorosas que permitem anunciar o milagre de maneira oficial. O caso da Irmã Moriau foi analisado nos dias 18 e 19 de novembro de 2016 pelo comitê médico do Departamento Médico Internacional de Lourdes depois de que o médico da religiosa a apresentou para avaliação. O veredicto dos especialistas foi de que as mudanças eram inexplicáveis "no estado atual do nosso conhecimento científico". (EPC)

Loading
Novo milagre é reconhecido no Santuário de Nossa Senhora de Lourdes

França - Lourdes (Quarta-feira, 14-02-2018, Gaudium Press) No dia 11 de fevereiro, Festa de Nossa Senhora de Lourdes e Dia Mundial dos Enfermos, o Bispo de Beauvais, França, Dom Jacques Benoit-Gonin, proclamou oficialmente o milagre de cura da Irmã Bernadette Moriau, documentado pelo 'Bureau Médicale' do Santuário de Lourdes. A religiosa, que recuperou de maneira inexplicável para a ciência a capacidade de caminhar, visitou o Santuário em julho de 2008 e poucos dias depois experimentou a cura de maneira "repentina, instantânea, completa e duradoura", segundo informou o Bispo.

Novo milagre é reconhecido no Santuário de Nossa Senhora de Lourdes.jpg

"Em nenhum momento pedi a cura", declarou a religiosa de 79 anos, segundo informou o 'Vatican Insider'. A Irmã Moriau relatou que participou da peregrinação a Lourdes a convite de seu médico. A religiosa havia passado por quatro operações em sua coluna vertebral e foi declarada incapacitada em 1980 por causa de uma síndrome de "rabo de cavalo", uma opressão nas raízes nervosas da base da coluna. A Irmã teve que usar uma cadeira de rodas e um sistema de apoio para o torso além de sofrer intensas dores pelas quais lhe foram receitadas doses de morfina. "Na gruta notei a misteriosa presença de Maria e da pequena Bernadette", indicou. "Pedi a conversão do coração e a força para prosseguir no meu caminho de enferma".

Dom Benoit-Gonin informou em sua declaração oficial os detalhes do milagre, ocorrido em 11 de julho de 2008, três dias depois da peregrinação ao Santuário. "Ao entardecer, a Irmã Bernadette Moriau passou certo tempo em adoração que viveu em comunhão com Lourdes e a peregrinação que acabara de fazer". Nas palavras da religiosa, "revivia no meu coração o momento forte da bênção dos enfermos com o Santíssimo Sacramento e percebi verdadeiramente esta presença de Jesus... Ao final da adoração senti em meu corpo uma sensação de calor... Me senti bem." Ao retornar ao quarto, relatou ao Bispo que, "se sentiu chamada a livrar-se de sua prótese: o espartilho, as muletas e parou o neuroestimulador... Imediatamente se pôs a caminhar sem ajuda nenhuma, de maneira completamente autônoma". A Irmã chamou suas companheiras religiosas, que foram testemunhas do milagre.

O Bispo descreveu que a mudança ocorrida no corpo da religiosa, "repentina, instantânea, completa e durável" corresponde às características de um milagre autêntico. Embora existam inúmeros relatos de cura e graças espirituais obtidas no Santuário de Lourdes, apenas 70 casos foram certificados pela Igreja após uma minuciosa investigação e o cumprimento de condições rigorosas que permitem anunciar o milagre de maneira oficial. O caso da Irmã Moriau foi analisado nos dias 18 e 19 de novembro de 2016 pelo comitê médico do Departamento Médico Internacional de Lourdes depois de que o médico da religiosa a apresentou para avaliação. O veredicto dos especialistas foi de que as mudanças eram inexplicáveis "no estado atual do nosso conhecimento científico". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/93136-Novo-milagre-e-reconhecido-no-Santuario-de-Nossa-Senhora-de-Lourdes. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O Secretário da Pontifícia Academia para o Latim, Padre Roberto Spataro, explicou os motivos pelos ...
 
Construída a pedido do ex-presidente da Venezuela, Herrera Campins, a imagem de Nossa Senhora da Pa ...
 
A Conferência Espiscopal dos Bispos peruanos coletam fundos, nas missas do dia 3 de junho, afim de ...
 
Reflexões para enfrentar os problemas de hoje dentro de uma perspectiva católica. ...
 
O texto entregue ao Presidente da República de Portugal tem o título: ‘Eutanásia, Suicídio Ass ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading