Loading
 
 
 
Loading
 
Cardeal Sarah convida fiéis a promoverem o silêncio como forma de melhorar sua união com Deus
Loading
 
14 de Março de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Canadá - Toronto (Quarta-feira, 14-03-2018, Gaudium Press) O Cardeal Robert Sarah, Prefeito da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, dirigiu uma conferência para cerca de 1.200 fiéis reunidos na Catedral de São Miguel em Toronto, Canadá, na última segunda-feira, 12 de março. O purpurado convidou os presentes a promover o silêncio como forma de melhorar sua união com Deus. "Nos foi dada uma surpreendente tarefa, uma tarefa difícil. Cada um de nós recebeu o desafio de viver com liberdade, de viver com dignidade", afirmou o prefeito, segundo informou o 'The Catholic Herald'.

Cardeal Sarah convida fiéis a promoverem o silêncio como forma de melhorar sua união com Deus.jpg

"Quando nos afastamos do barulho do mundo, em silêncio, ganhamos uma nova perspectiva sobre o barulho do mundo", afirmou o purpurado. "Retirar-se em silêncio é chegar a conhecer-nos a nós mesmos, a conhecer nossa dignidade". Para o Cardeal, o silêncio é uma condição necessária para permitir a Deus obrar plenamente na vida dos fiéis: "Se nos entregarmos às coisas efêmeras e insignificantes, nos entenderemos como efêmeros e insignificantes; se nos damos as coisas belas e eternas, nos entenderemos como belos e eternos".

A reflexão do Cardeal Sarah sobre o silêncio e a vida cristã foi precedida pela oração das Vésperas, presidida pelo Cardeal Thomas Collins, Arcebispo de Toronto, que liderou a oração junto com alguns seminaristas que serão ordenados sacerdotes em maio. A conferência do Prefeito havia sido preparada para uma audiência de estudantes universitários, pelo qual ele fez várias referências à necessidade de dar um lugar apropriado à tecnologia de forma que não seja um obstáculo para a vida espiritual. "Vos desafio a todos vocês: pensem de forma diferente sobre o que significa relaxar e descansar. Busquemos o silêncio porque no silêncio chegamos a conhecer a Deus e a nos conhecermos a nós mesmos", exortou o purpurado.

A conferência ocorreu na Catedral de São Miguel devido as entradas gratuitas para o evento inicial, que será realizado na Igreja de São Basílio no campus da Universidade de São Miguel, se esgotaram rapidamente e se demonstrou que o templo não teria a capacidade necessária para suprir a demanda. As reflexões do purpurado giram em torno dos conteúdos de seu último livro "O poder do Silêncio: contra a ditadura do barulho". (EPC)

Loading
Cardeal Sarah convida fiéis a promoverem o silêncio como forma de melhorar sua união com Deus

Canadá - Toronto (Quarta-feira, 14-03-2018, Gaudium Press) O Cardeal Robert Sarah, Prefeito da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, dirigiu uma conferência para cerca de 1.200 fiéis reunidos na Catedral de São Miguel em Toronto, Canadá, na última segunda-feira, 12 de março. O purpurado convidou os presentes a promover o silêncio como forma de melhorar sua união com Deus. "Nos foi dada uma surpreendente tarefa, uma tarefa difícil. Cada um de nós recebeu o desafio de viver com liberdade, de viver com dignidade", afirmou o prefeito, segundo informou o 'The Catholic Herald'.

Cardeal Sarah convida fiéis a promoverem o silêncio como forma de melhorar sua união com Deus.jpg

"Quando nos afastamos do barulho do mundo, em silêncio, ganhamos uma nova perspectiva sobre o barulho do mundo", afirmou o purpurado. "Retirar-se em silêncio é chegar a conhecer-nos a nós mesmos, a conhecer nossa dignidade". Para o Cardeal, o silêncio é uma condição necessária para permitir a Deus obrar plenamente na vida dos fiéis: "Se nos entregarmos às coisas efêmeras e insignificantes, nos entenderemos como efêmeros e insignificantes; se nos damos as coisas belas e eternas, nos entenderemos como belos e eternos".

A reflexão do Cardeal Sarah sobre o silêncio e a vida cristã foi precedida pela oração das Vésperas, presidida pelo Cardeal Thomas Collins, Arcebispo de Toronto, que liderou a oração junto com alguns seminaristas que serão ordenados sacerdotes em maio. A conferência do Prefeito havia sido preparada para uma audiência de estudantes universitários, pelo qual ele fez várias referências à necessidade de dar um lugar apropriado à tecnologia de forma que não seja um obstáculo para a vida espiritual. "Vos desafio a todos vocês: pensem de forma diferente sobre o que significa relaxar e descansar. Busquemos o silêncio porque no silêncio chegamos a conhecer a Deus e a nos conhecermos a nós mesmos", exortou o purpurado.

A conferência ocorreu na Catedral de São Miguel devido as entradas gratuitas para o evento inicial, que será realizado na Igreja de São Basílio no campus da Universidade de São Miguel, se esgotaram rapidamente e se demonstrou que o templo não teria a capacidade necessária para suprir a demanda. As reflexões do purpurado giram em torno dos conteúdos de seu último livro "O poder do Silêncio: contra a ditadura do barulho". (EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

“Caminhemos em família com Maria”, este é o lema com o qual milhares de uruguaios peregrinam a ...
 
“Aqueles [exorcismos] que nós vemos nos filmes são casos extremos, os quais são muito raros”, ...
 
Santuário de Fátima de olhos postos na Ásia: Ela é o eixo para onde o mundo cristão caminha, di ...
 
A plataforma faz uma seleção dos melhores artigos de diversos meios que podem interessar as mulher ...
 
“Acreditamos que o sino tem um papel muito importante na história. Não faz muito tempo que seu s ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading