Loading
 
 
 
Loading
 
Jovens italianos viverão um mês de formação humana com povos necessitados
Loading
 
29 de Março de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Itália - Roma (Quinta-feira, 29-03-2018, Gaudium Press) A Conferência Episcopal Italiana (CEI) e a Cáritas Itália, abriram uma nova convocatória para a iniciativa "In un altro mondo" (Em outro mundo), voltada para jovens com idade entre 20 e 30 anos que queiram viver uma experiência de voluntariado fora do seu país e com populações necessitadas.

Jovens italianos viverão um mês de formação humana com povos necessitados.jpg
"'Em outro mundo' é um curso de solidariedade para dedicar-se aos mais frágeis, é uma ocasião para olhar o mundo com 'novos olhos', reconhecer e apreciar o trabalho de um exército de voluntários e operadores que diariamente dão para fazer com que os mais fracos tenham uma vida digna. Porque os jovens estão dispostos ao sacrifício recompensado na verdadeira alegria de dar", indicam os promotores da iniciativa em seu website.

A proposta, que já está em sua 5ª edição e acontecerá a partir do final de julho e durante agosto, liga as comunidades fora da Itália que recebem ajuda graças à campanha de "8xmille", animada todos os anos pela Igreja Católica no país europeu. Ela convoca aos cidadãos italianos a oferecer sua contribuição para o trabalho da Igreja a partir da Declaração de Renda.

A iniciativa, como explica a CEI em um comunicado de imprensa, "oferece a possibilidade de participar de um projeto que dá um mês de formação humana a serviço dos últimos, dos esquecidos, naquelas 'periferias' do mundo sempre no coração do Papa Francisco".

Conforme anunciado pela CEI, este ano os jovens selecionados viajarão para a Jordânia, onde a Cáritas acolhe centenas de fugitivos provenientes do Iraque e Síria; a Madagascar, para acompanhar a associação de "Educadores sem fronteiras onlus", que há anos vem trabalhando em iniciativas de formação; assim como a Palestina e Belém para acompanhar aos anciãos e pessoas solteiras que apoiam a Associação 'Pro Terra Sancta' (ATS); além do Brasil, onde funciona a Associação Maria Mãe da Vida, que acolhe mães e filhos.

Desde o dia 23 de março até 23 de abril, as inscrições para os jovens voluntários que desejam participar dessa iniciativa permanecerão abertas. Para fazê-lo devem inscrever sua candidatura através da web inunaltromondo.it, na seção "Come Participare". Entre os dias 29 e 30 de maio serão conhecidos os nomes dos 20 finalistas que participarão de um acampamento de formação em Roma organizado pela CEI e pela Cáritas Italiana, ao término do qual serão selecionados 4 jovens, que serão confiados por um mês como voluntários em cada um dos destinos.

"É uma ocasião para aproximar os jovens do Evangelho, propondo-lhes uma fraternidade que chama a se manifestar de uma forma muito concreta", afirma Matteo Calabresi, responsável do serviço de promoção e sustento econômico da CEI, responsável pela iniciativa, que acrescenta que a proposta é um convite para "ser generosos, altruístas, dispostos a ajudar o próximo, doar algo do próprio, compartilhar o tempo, não é um esforço destinado a poucos, aos melhores. O demonstraram concretamente os jovens 'normais' que participaram das edições anteriores. Normais e extraordinários ao mesmo tempo, não porque sejam super-heróis, mas porque estão dispostos a se colocar em jogo na primeira pessoa com sacrifício e responsabilidade". (EPC)

Loading
Jovens italianos viverão um mês de formação humana com povos necessitados

Itália - Roma (Quinta-feira, 29-03-2018, Gaudium Press) A Conferência Episcopal Italiana (CEI) e a Cáritas Itália, abriram uma nova convocatória para a iniciativa "In un altro mondo" (Em outro mundo), voltada para jovens com idade entre 20 e 30 anos que queiram viver uma experiência de voluntariado fora do seu país e com populações necessitadas.

Jovens italianos viverão um mês de formação humana com povos necessitados.jpg
"'Em outro mundo' é um curso de solidariedade para dedicar-se aos mais frágeis, é uma ocasião para olhar o mundo com 'novos olhos', reconhecer e apreciar o trabalho de um exército de voluntários e operadores que diariamente dão para fazer com que os mais fracos tenham uma vida digna. Porque os jovens estão dispostos ao sacrifício recompensado na verdadeira alegria de dar", indicam os promotores da iniciativa em seu website.

A proposta, que já está em sua 5ª edição e acontecerá a partir do final de julho e durante agosto, liga as comunidades fora da Itália que recebem ajuda graças à campanha de "8xmille", animada todos os anos pela Igreja Católica no país europeu. Ela convoca aos cidadãos italianos a oferecer sua contribuição para o trabalho da Igreja a partir da Declaração de Renda.

A iniciativa, como explica a CEI em um comunicado de imprensa, "oferece a possibilidade de participar de um projeto que dá um mês de formação humana a serviço dos últimos, dos esquecidos, naquelas 'periferias' do mundo sempre no coração do Papa Francisco".

Conforme anunciado pela CEI, este ano os jovens selecionados viajarão para a Jordânia, onde a Cáritas acolhe centenas de fugitivos provenientes do Iraque e Síria; a Madagascar, para acompanhar a associação de "Educadores sem fronteiras onlus", que há anos vem trabalhando em iniciativas de formação; assim como a Palestina e Belém para acompanhar aos anciãos e pessoas solteiras que apoiam a Associação 'Pro Terra Sancta' (ATS); além do Brasil, onde funciona a Associação Maria Mãe da Vida, que acolhe mães e filhos.

Desde o dia 23 de março até 23 de abril, as inscrições para os jovens voluntários que desejam participar dessa iniciativa permanecerão abertas. Para fazê-lo devem inscrever sua candidatura através da web inunaltromondo.it, na seção "Come Participare". Entre os dias 29 e 30 de maio serão conhecidos os nomes dos 20 finalistas que participarão de um acampamento de formação em Roma organizado pela CEI e pela Cáritas Italiana, ao término do qual serão selecionados 4 jovens, que serão confiados por um mês como voluntários em cada um dos destinos.

"É uma ocasião para aproximar os jovens do Evangelho, propondo-lhes uma fraternidade que chama a se manifestar de uma forma muito concreta", afirma Matteo Calabresi, responsável do serviço de promoção e sustento econômico da CEI, responsável pela iniciativa, que acrescenta que a proposta é um convite para "ser generosos, altruístas, dispostos a ajudar o próximo, doar algo do próprio, compartilhar o tempo, não é um esforço destinado a poucos, aos melhores. O demonstraram concretamente os jovens 'normais' que participaram das edições anteriores. Normais e extraordinários ao mesmo tempo, não porque sejam super-heróis, mas porque estão dispostos a se colocar em jogo na primeira pessoa com sacrifício e responsabilidade". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/94105-Jovens-italianos-viverao-um-mes-de-formacao-humana-com-povos-necessitados. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Estão sendo realizados vários eventos para encerrar os ‘Oito séculos da presença franciscana e ...
 
Mais de 15 mil peregrinos procedentes de diversas partes do mundo serão acolhidos em Nicarágua no ...
 
É essencial que continuemos fazendo o esforço consciente de motivar os jovens a estarem abertos a ...
 
As missões salesianas fazem parte da Rede de Dom Bosco -Dom Bosco Network-, federação mundial de ...
 
"Fátima Hoje: qual o sentido?": procurar novas maneiras de dizer Fátima, para a humanidade do séc ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading