Loading
 
 
 
Loading
 
Pontífice abre Mês de Maria com recitação do rosário e apelo pela paz
Loading
 
2 de Maio de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Roma (Quarta-feira, 02-05-2018, Gaudium Press) Para abrir o mês de maio, mês dedicado a Nossa Senhora, o Pontífice deixou o Vaticano para ir rezar o rosário diante da imagem de Nossa Senhora dos Milagres, que está exposta no Santuário de Nossa Senhora do Divino Amor, situado no bairro de Castel di Leva, em Roma.

02Pontífice abre Mês de Maria com recitação do rosário e apelo pela paz.jpg

Chegando ao Santuário, o Santo Padre foi acolhido por milhares de romanos na praça em frente à Torre do Primeiro Milagre do Santuário de Nossa Senhora do Divino Amor, poucos minutos antes das 17h locais.

Era o primeiro dia maio quando, neste mês de Maria, celebra-se o dia de São José Operário e o dia do trabalhador.

Antes de entrar no antigo santuário para a oração do Terço, Francisco saudou os fiéis presentes na praça.
"Obrigado pelo acolhimento. São muito festivos! Peço-lhes acompanhem a oração, daqui. Oremos juntos. Vemo-nos depois, mas rezemos, sim? Obrigado pelo acolhimento", disse.

No interior do Santuário o Papa rezou dinte da imagem de Nossa Senhora dos Milagres, enquanto uma leitora repetia o apelo pela paz feito pelo Pontífice na Páscoa, durante sua mensagem "Urbi et Orbe":

"A luz de Cristo Ressuscitado ilumine as consciências de todos os responsáveis políticos e militares, para que se ponha imediatamente termo ao extermínio em curso, respeite o direito humanitário e proveja a facilitar o acesso às ajudas de que têm urgente necessidade estes nossos irmãos e irmãs, assegurando ao mesmo tempo condições adequadas para o regresso de quantos foram desalojados"

O Papa rezou os cinco mistérios dolorosos do Rosário.

No final da oração do Terço no antigo Santuário do Divino Amor, o Papa Francisco recebeu de presente um quadro com a imagem de Nossa Senhora do Divino Amor, e doou um cálice ao antigo Santuário.
Saudou, em seguida, os hóspedes das duas estruturas de acolhimento do santuário: Lar do Divino Amor, que acolhe 24 idosos, homens e mulheres acima de 65 anos, e a Casa Família Mater Divini Amoris que acolhe mães e crianças, confiada à Congregação das Filhas do Divino Amor.

Depois, rezou uma Ave-Maria com os fiéis que estavam do lado de fora do santuário e os abençoou e pediu para que não se esquecessem de rezar por ele, ainda antes de retornar ao Vaticano. (JSG)

 

 

Loading
Pontífice abre Mês de Maria com recitação do rosário e apelo pela paz

Roma (Quarta-feira, 02-05-2018, Gaudium Press) Para abrir o mês de maio, mês dedicado a Nossa Senhora, o Pontífice deixou o Vaticano para ir rezar o rosário diante da imagem de Nossa Senhora dos Milagres, que está exposta no Santuário de Nossa Senhora do Divino Amor, situado no bairro de Castel di Leva, em Roma.

02Pontífice abre Mês de Maria com recitação do rosário e apelo pela paz.jpg

Chegando ao Santuário, o Santo Padre foi acolhido por milhares de romanos na praça em frente à Torre do Primeiro Milagre do Santuário de Nossa Senhora do Divino Amor, poucos minutos antes das 17h locais.

Era o primeiro dia maio quando, neste mês de Maria, celebra-se o dia de São José Operário e o dia do trabalhador.

Antes de entrar no antigo santuário para a oração do Terço, Francisco saudou os fiéis presentes na praça.
"Obrigado pelo acolhimento. São muito festivos! Peço-lhes acompanhem a oração, daqui. Oremos juntos. Vemo-nos depois, mas rezemos, sim? Obrigado pelo acolhimento", disse.

No interior do Santuário o Papa rezou dinte da imagem de Nossa Senhora dos Milagres, enquanto uma leitora repetia o apelo pela paz feito pelo Pontífice na Páscoa, durante sua mensagem "Urbi et Orbe":

"A luz de Cristo Ressuscitado ilumine as consciências de todos os responsáveis políticos e militares, para que se ponha imediatamente termo ao extermínio em curso, respeite o direito humanitário e proveja a facilitar o acesso às ajudas de que têm urgente necessidade estes nossos irmãos e irmãs, assegurando ao mesmo tempo condições adequadas para o regresso de quantos foram desalojados"

O Papa rezou os cinco mistérios dolorosos do Rosário.

No final da oração do Terço no antigo Santuário do Divino Amor, o Papa Francisco recebeu de presente um quadro com a imagem de Nossa Senhora do Divino Amor, e doou um cálice ao antigo Santuário.
Saudou, em seguida, os hóspedes das duas estruturas de acolhimento do santuário: Lar do Divino Amor, que acolhe 24 idosos, homens e mulheres acima de 65 anos, e a Casa Família Mater Divini Amoris que acolhe mães e crianças, confiada à Congregação das Filhas do Divino Amor.

Depois, rezou uma Ave-Maria com os fiéis que estavam do lado de fora do santuário e os abençoou e pediu para que não se esquecessem de rezar por ele, ainda antes de retornar ao Vaticano. (JSG)

 

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/94907-Pontifice-abre-Mes-de-Maria-com-recitacao-do-rosario-e-apelo-pela-paz. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Mantendo a tradição, há mais de 80 anos as ruas são enfeitadas formando grandes tapetes colorido ...
 
A visita ocorreu por ocasião da “Sexta-feira da Misericórdia”, iniciativa lançada pelo Pontí ...
 
Maria Santíssima: Ela é a inefável Luz que brilha no Céu anunciando a vitória de Deus sobre a H ...
 
Na ocasião se reunirão os diretores nacionais das OMP provenientes de todos os continentes, junto ...
 
Além de ser o dia dedicado à Nossa Senhora Auxiliadora, neste ano de 2018 se completaram 150 anos ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading