Loading
 
 
 
Loading
 
Descubra o que caracteriza e distingue as “Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro”
Loading
 
22 de Março de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Bourges - França (Sexta-feira, 22-03-2019, Gaudium Press) O Instituto das Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro, tem vocação contemplativa.

Descubra o que caracteriza e distingue as ?Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro?1.jpg

A Comunidade de religiosas foi fundada em 1985.

No ano de 1999 ela foi erigida como Instituto religioso de vida contemplativa por Dom Pierre Plateau bispo de uma cidade de 77 mil habitantes localizada na região central da França que se chama Bourges.

Em 15 de dezembro de 2011, Dom Maillard, Arcebispo de Bourges, aprova de maneira definitiva as Constituições do Instituto das Irmãs Pequenas Discípulas do Cordeiro.

Até aqui tudo ocorre como todos os institutos e congregações religiosas, mas as Irmãs Pequenas Discípulas do Cordeiro, além de terem seu carisma próprio e a sua espiritualidade característica, tem algo mais:
As pequenas Discípulas do Cordeiro recebem em suas fileiras jovens portadoras da síndrome de Down oferecendo-lhes a possibilidade de realizar sua vocação religiosa.

Uma conquista caracterizada por muita caridade e amor a Deus e ao próximo e que só pode ser possível porque é apoiada por irmãs que não possuem síndrome de Dowm e que responderam a um chamado para amar os pequenos, consagrando-se a Deus com suas irmãs com deficiência para formar uma única comunidade com elas.

Uma historia e muitos resultados

Descubra o que caracteriza e distingue as ?Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro?2.jpg

Tudo começou com o encontro de duas jovens: Madre Line (que agora é agora priora da comunidade) e Irmã Véronique, uma jovem com Síndrome de Down, agora uma religiosa contemplativa.

Madre Line viu na alma da jovem Véronique uma verdadeira vocação.

Ela percebeu que precisaria de ajuda, muita ajuda, porque todas as comunidades religiosas em que Véronique havia tentado entrar estavam relutantes em recebe-la.

Assim, diz o site das As pequenas Discípulas do Cordeiro, ano após ano, a comunidade -reconhecida pela igreja e liderada pelo Espírito Santo- adaptou-se a Sindrome de Down à vida religiosa.

A comunidade foi reconhecida em 1990 pelo então Arcebispo de Tours, Dom Jean Honoré, como uma associação pública de fiéis leigos, o que foi confirmado em 1995 pelo então Bispo de Bourges, Dom Pierre Plateau.

Em dezembro de 2011, Dom Armand Maillard, Bispo de Bourges, aprovou definitivamente a Constituição do Instituto das Irmãzinhas Discípulas do Cordeiro.

Em sua vida cotidiana, estas religiosas participam da Missa, rezam e realizam trabalhos de costura, bordados, confeitaria, entre outros.

A comunidade recebe assistência do mosteiro beneditino de Fontgombault.

No Campo espiritual, validez e incapacidade são termos relativos...

Descubra o que caracteriza e distingue as ?Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro?.jpg

Madre Line afirmou, em declarações feitas ao jornal espanhol ‘La Razón', em 2009, que "no âmbito espiritual, os termos de ‘validez' e de ‘incapacidade' devem se relativizar".

E ela continua: "a incapacidade mais grave acaso não é aquela produzida pelo pecado, que obstaculiza a vida de Deus na alma?", pergunta, para logo afirmar: "uma pessoa que acolhe plenamente a graça se constrói e se abre também humanamente".

Um Conselho

Em 2005, por ocasião dos 20 anos de fundação do Instituto das Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro, Dom Pierre Plateau animou a comunidade de religiosas contemplativas a seguir respondendo o chamado de Cristo afirmando que, "porque as ama, Jesus as chamou, provavelmente porque quer que sua pequena comunidade mostre para um mundo muito egoísta a ternura de Deus para todos os que o reconhecem e como os pequenos são capazes de demonstrar muito amor e até mais que outros. Esta é a maneira do Instituto proclamar a Boa Nova". (JSG)

 

Loading
Descubra o que caracteriza e distingue as “Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro”

Bourges - França (Sexta-feira, 22-03-2019, Gaudium Press) O Instituto das Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro, tem vocação contemplativa.

Descubra o que caracteriza e distingue as ?Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro?1.jpg

A Comunidade de religiosas foi fundada em 1985.

No ano de 1999 ela foi erigida como Instituto religioso de vida contemplativa por Dom Pierre Plateau bispo de uma cidade de 77 mil habitantes localizada na região central da França que se chama Bourges.

Em 15 de dezembro de 2011, Dom Maillard, Arcebispo de Bourges, aprova de maneira definitiva as Constituições do Instituto das Irmãs Pequenas Discípulas do Cordeiro.

Até aqui tudo ocorre como todos os institutos e congregações religiosas, mas as Irmãs Pequenas Discípulas do Cordeiro, além de terem seu carisma próprio e a sua espiritualidade característica, tem algo mais:
As pequenas Discípulas do Cordeiro recebem em suas fileiras jovens portadoras da síndrome de Down oferecendo-lhes a possibilidade de realizar sua vocação religiosa.

Uma conquista caracterizada por muita caridade e amor a Deus e ao próximo e que só pode ser possível porque é apoiada por irmãs que não possuem síndrome de Dowm e que responderam a um chamado para amar os pequenos, consagrando-se a Deus com suas irmãs com deficiência para formar uma única comunidade com elas.

Uma historia e muitos resultados

Descubra o que caracteriza e distingue as ?Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro?2.jpg

Tudo começou com o encontro de duas jovens: Madre Line (que agora é agora priora da comunidade) e Irmã Véronique, uma jovem com Síndrome de Down, agora uma religiosa contemplativa.

Madre Line viu na alma da jovem Véronique uma verdadeira vocação.

Ela percebeu que precisaria de ajuda, muita ajuda, porque todas as comunidades religiosas em que Véronique havia tentado entrar estavam relutantes em recebe-la.

Assim, diz o site das As pequenas Discípulas do Cordeiro, ano após ano, a comunidade -reconhecida pela igreja e liderada pelo Espírito Santo- adaptou-se a Sindrome de Down à vida religiosa.

A comunidade foi reconhecida em 1990 pelo então Arcebispo de Tours, Dom Jean Honoré, como uma associação pública de fiéis leigos, o que foi confirmado em 1995 pelo então Bispo de Bourges, Dom Pierre Plateau.

Em dezembro de 2011, Dom Armand Maillard, Bispo de Bourges, aprovou definitivamente a Constituição do Instituto das Irmãzinhas Discípulas do Cordeiro.

Em sua vida cotidiana, estas religiosas participam da Missa, rezam e realizam trabalhos de costura, bordados, confeitaria, entre outros.

A comunidade recebe assistência do mosteiro beneditino de Fontgombault.

No Campo espiritual, validez e incapacidade são termos relativos...

Descubra o que caracteriza e distingue as ?Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro?.jpg

Madre Line afirmou, em declarações feitas ao jornal espanhol ‘La Razón', em 2009, que "no âmbito espiritual, os termos de ‘validez' e de ‘incapacidade' devem se relativizar".

E ela continua: "a incapacidade mais grave acaso não é aquela produzida pelo pecado, que obstaculiza a vida de Deus na alma?", pergunta, para logo afirmar: "uma pessoa que acolhe plenamente a graça se constrói e se abre também humanamente".

Um Conselho

Em 2005, por ocasião dos 20 anos de fundação do Instituto das Pequenas Irmãs Discípulas do Cordeiro, Dom Pierre Plateau animou a comunidade de religiosas contemplativas a seguir respondendo o chamado de Cristo afirmando que, "porque as ama, Jesus as chamou, provavelmente porque quer que sua pequena comunidade mostre para um mundo muito egoísta a ternura de Deus para todos os que o reconhecem e como os pequenos são capazes de demonstrar muito amor e até mais que outros. Esta é a maneira do Instituto proclamar a Boa Nova". (JSG)

 


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Os jihadistas destruiram e saquearam uma importante parte da coleção de obras da biblioteca de Qar ...
 
Na Casa Santa Marta, o Papa Francisco comenta, na missa matutina, a carta de São Paulo a Timóteo, ...
 
Fiéis devotos da Irmã Dulce já podem venerar de perto as relíquias da próxima Santa brasileira, ...
 
"Maria é a amada de Yahvé e Nicarágua é de Maria. Lhes convidamos a rezar em família o Santo Ro ...
 
A Basílica São Miguel, que recebeu esse título do Vaticano no dia 21 de junho de 2018, é a únic ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading