Loading
 
 
 
Loading
 
Sri Lanka – Medo ainda ronda Cristãos depois de um mês dos atentados
Loading
 
18 de Junho de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Colombo - Sri Lanka (Terça-feira, 18-06-2019, Gaudium Press) Há dois meses orquestrados atentados contra cristãos abalaram e espalharam pânico no Sri Lanka.

Sri Lanka ? Medo ainda ronda Cristãos depois de um mês dos atentados-Foto Pública.jpg

Era 21 de abril, domingo de Páscoa quando o ódio religioso falou mais alto e atentados foram feitos contra três igrejas cristãs e hotéis em Colombo: 300 pessoas morreram e 500 ficaram feridas e muita gente tem medo de ir a uma Igreja.

De acordo com a ACI, Veronique Voguel, que pertence a uma organização católica, viajou foi até o Sri Lanka para informar e conhecer pessoalmente a situação em que vivem os cristãos na ilha.

"As medidas de segurança em todo o Sri Lanka foram muito grandes durante a nossa visita; as forças de segurança e os militares estavam presentes em todos os lugares. Particularmente, a população cristã ainda tem medo.

Sabe-se que no Domingo de Páscoa, havia mais pessoas envolvidas nos atentados do que aquelas que foram investigadas e presas posteriormente.

Deste modo, todo mundo sabe exatamente: em algum lugar ainda há pessoas muito perigosas em liberdade, que poderiam atacar novamente a qualquer momento", disse Voguel.

Reabertura das Igrejas - os sinos espantam

No último dia 21 de maio as igrejas do Sri Lanka reabriram.
Mas os fiéis estão com medo, eles "sentem-se atemorizados quando ouvem o som dos sinos. É um testemunho aflito de como as lembranças do Domingo de Páscoa são angustiantes para eles".

Estes fiéis "Não entendem porque esse sofrimento lhes aconteceu após a situação relativamente tranquila dos últimos anos".
Eles "têm uma imensa vontade de viver e uma fé forte.

Só a Fé vence o Medo

Voguel visitou um convento franciscano na cidade de Negombo que fica em frente à igreja católica de São Sebastião, onde pelo menos 100 pessoas foram mortas durante os ataques.

"Os franciscanos nos mostraram vídeos com cenas terríveis do dia do crime; disseram-nos que logo após as explosões, foram ao local para cuidar dos feridos e recolher os mortos", lembrou Voguel.

No entanto, Voguel ressaltou que, "apesar dessas experiências traumáticas, são atualmente um testemunho de caridade vivida, que não deixam que a fé e a vontade de ajudar desapareçam por causa do terror e da violência".
(JSG)

 

Loading
Sri Lanka – Medo ainda ronda Cristãos depois de um mês dos atentados

Colombo - Sri Lanka (Terça-feira, 18-06-2019, Gaudium Press) Há dois meses orquestrados atentados contra cristãos abalaram e espalharam pânico no Sri Lanka.

Sri Lanka ? Medo ainda ronda Cristãos depois de um mês dos atentados-Foto Pública.jpg

Era 21 de abril, domingo de Páscoa quando o ódio religioso falou mais alto e atentados foram feitos contra três igrejas cristãs e hotéis em Colombo: 300 pessoas morreram e 500 ficaram feridas e muita gente tem medo de ir a uma Igreja.

De acordo com a ACI, Veronique Voguel, que pertence a uma organização católica, viajou foi até o Sri Lanka para informar e conhecer pessoalmente a situação em que vivem os cristãos na ilha.

"As medidas de segurança em todo o Sri Lanka foram muito grandes durante a nossa visita; as forças de segurança e os militares estavam presentes em todos os lugares. Particularmente, a população cristã ainda tem medo.

Sabe-se que no Domingo de Páscoa, havia mais pessoas envolvidas nos atentados do que aquelas que foram investigadas e presas posteriormente.

Deste modo, todo mundo sabe exatamente: em algum lugar ainda há pessoas muito perigosas em liberdade, que poderiam atacar novamente a qualquer momento", disse Voguel.

Reabertura das Igrejas - os sinos espantam

No último dia 21 de maio as igrejas do Sri Lanka reabriram.
Mas os fiéis estão com medo, eles "sentem-se atemorizados quando ouvem o som dos sinos. É um testemunho aflito de como as lembranças do Domingo de Páscoa são angustiantes para eles".

Estes fiéis "Não entendem porque esse sofrimento lhes aconteceu após a situação relativamente tranquila dos últimos anos".
Eles "têm uma imensa vontade de viver e uma fé forte.

Só a Fé vence o Medo

Voguel visitou um convento franciscano na cidade de Negombo que fica em frente à igreja católica de São Sebastião, onde pelo menos 100 pessoas foram mortas durante os ataques.

"Os franciscanos nos mostraram vídeos com cenas terríveis do dia do crime; disseram-nos que logo após as explosões, foram ao local para cuidar dos feridos e recolher os mortos", lembrou Voguel.

No entanto, Voguel ressaltou que, "apesar dessas experiências traumáticas, são atualmente um testemunho de caridade vivida, que não deixam que a fé e a vontade de ajudar desapareçam por causa do terror e da violência".
(JSG)

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/103655-Sri-Lanka--ndash--Medo-ainda-ronda-Cristaos-depois-de-um-mes-dos-atentados. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Reportagem exclusiva à Gaudium Press traz esclarecimentos sobre o comissariado dos Arautos do Evan ...
 
"Não envelhecemos por termos vivido um certo número de anos. Ficamos velhos porque desertamos de n ...
 
Nascida na Itália, Santa Francisca Xavier Cabrini adotou a cidadania estado-unidense, realizando um ...
 
O Papa Francisco visitará o Japão de 23 a 26 de novembro e se encontrará os 440.893 católicos do ...
 
A fama de santidade de Beata Benigna começou logo após o seu martírio, há mais de 70 anos. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading