Loading
 
 
 
Loading
 
Sinos históricos voltam a paróquia nas Filipinas e atraem mais de 100 mil fiéis
Loading
 
15 de Julho de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Filipinas - Balangiga (Segunda-feira, 15-07-2019, Gaudium Press) Os Sinos da Paróquia de São Lourenço Mártir em Balangiga, Filipinas, são uma parte importante da história da Igreja local. Após seu tardio retorno, 117 anos depois de terem sido derrubados do templo e levados por soldados norte-americanos, mais de 100 mil pessoas visitaram o templo para "cuidar e valorizar" o que é considerado "um precioso legado da profunda Fé, o heroísmo e a coragem de nossos antepassados", nas palavras do Bispo de Borongan, Dom Crispin Varquez.

Sinos histo?ricos voltam a paro?quia nas Filipinas e atraem mais de 100 mil fie?is.jpeg

Os sinos deste templo são objeto de uma dupla reivindicação de mais de um século de esforços. Os sinos foram instalados como espólio de guerra na Base da Força Aérea Francis E. Warren em Wyoming, Estados Unidos e na base de Camp Cloud Red na Coreia do Sul. Vários pedidos diplomáticos e eclesiásticos buscaram seu retorno para as Filipinas, que finalmente ocorreu no dia 11 de dezembro de 2018.

Uma vez enviados às Filipinas, a Igreja teve que enfrentar uma segunda tarefa: conseguir que fossem enviados à sua paróquia ao invés de um museu, como havia sido proposto por parte dos integrantes do governo. Finalmente prevaleceu o sentido de justiça e os sinos retornaram ao seu lar, onde se dispôs um momento em honra aos fiéis que padeceram a guerra.

Ao celebrar a cerimônia de entrega dos sinos em 15 de dezembro, Dom Varquez agradeceu o esforço de todos os fiéis que pressionaram pela restituição dos sinos. "Devemos a nossos antepassados e temos que continuar trabalhando juntos com mais força e com mais compromisso para que estes sinos ajudem a reforçar nossa Fé, nossa história, nossa dignidade e nosso desenvolvimento sócio-econômico", manifestou o Bispo nesta ocasião. (EPC)

Loading
Sinos históricos voltam a paróquia nas Filipinas e atraem mais de 100 mil fiéis

Filipinas - Balangiga (Segunda-feira, 15-07-2019, Gaudium Press) Os Sinos da Paróquia de São Lourenço Mártir em Balangiga, Filipinas, são uma parte importante da história da Igreja local. Após seu tardio retorno, 117 anos depois de terem sido derrubados do templo e levados por soldados norte-americanos, mais de 100 mil pessoas visitaram o templo para "cuidar e valorizar" o que é considerado "um precioso legado da profunda Fé, o heroísmo e a coragem de nossos antepassados", nas palavras do Bispo de Borongan, Dom Crispin Varquez.

Sinos histo?ricos voltam a paro?quia nas Filipinas e atraem mais de 100 mil fie?is.jpeg

Os sinos deste templo são objeto de uma dupla reivindicação de mais de um século de esforços. Os sinos foram instalados como espólio de guerra na Base da Força Aérea Francis E. Warren em Wyoming, Estados Unidos e na base de Camp Cloud Red na Coreia do Sul. Vários pedidos diplomáticos e eclesiásticos buscaram seu retorno para as Filipinas, que finalmente ocorreu no dia 11 de dezembro de 2018.

Uma vez enviados às Filipinas, a Igreja teve que enfrentar uma segunda tarefa: conseguir que fossem enviados à sua paróquia ao invés de um museu, como havia sido proposto por parte dos integrantes do governo. Finalmente prevaleceu o sentido de justiça e os sinos retornaram ao seu lar, onde se dispôs um momento em honra aos fiéis que padeceram a guerra.

Ao celebrar a cerimônia de entrega dos sinos em 15 de dezembro, Dom Varquez agradeceu o esforço de todos os fiéis que pressionaram pela restituição dos sinos. "Devemos a nossos antepassados e temos que continuar trabalhando juntos com mais força e com mais compromisso para que estes sinos ajudem a reforçar nossa Fé, nossa história, nossa dignidade e nosso desenvolvimento sócio-econômico", manifestou o Bispo nesta ocasião. (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/104045-Sinos-historicos-voltam-a-paroquia-nas-Filipinas-e-atraem-mais-de-100-mil-fieis. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Em entrevista, Bispo diz que quardará segredo de confissão e que está pronto para ser preso. ...
 
Bispo de Frederico Westphalen, comenta a liturgia do XXI Domingo do Tempo Comum e ressalta a uni ...
 
O 8.º encontro bilateral realçou “desenvolvimentos positivos” na relação entre a Santa Sé e ...
 
Seu nome de batismo era Isabel Mariana de Jesus Paredes Flores y Oliva. Bela como uma flor, todos a ...
 
Em outubro a Igreja vai promover em todo o mundo o Mês Missionário Extraordinário, com o tema: Ba ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading