Loading
 
 
 
Loading
 
Papa viaja a Moçambique, Madagascar e Maurício – Sala Stampa Vaticana dá detalhes
Loading
 
3 de Setembro de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Cidade do Vaticano (Terça-feira, 03-09-2019, Gaudium Press) Matteo Bruni, diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, no habitual briefing com os jornalistas antes das viagens do Papa, tratou da 31ª viagem Apostólica que o Pontífice inicia nesta quarta-feira, 04/09, e deve ir até o próximo dia 10 de setembro.

Papa viaja a Moçambique, Madagascar e Maurício ? Sala Stampa dá detalhes .jpeg

Três países fazem parte do roteiro do Papa Francisco: Moçambique, Madagascar e Maurício, que anteriormente foram visitados por João Paulo II em viagens realizadas entre 1988 e 1989.

Alegria e gratidão do Papa

Bruni explicou que "O Papa Francisco encontrará países que mudaram muito". Na época de anteriores viagens papais, aqueles países eram países voltados mais para as atividades rurais. A agricultura era forte nessas nações que hoje oferecem outras oportunidades, mas que também viram surgir novos tipos de pobrezas.

Disse Bruni: "O Papa está se preparando com gratidão para com todos aqueles que estão trabalhando na realização da viagem e com alegria pela ocasião de anunciar o Evangelho em uma parte do mundo rica em variedade e humanidade".

O Diretor da Sala de Imprensa destacou que há também "alegria pela possibilidade de encontrar esta bela terra, como destacou o Papa em uma mensagem em vídeo, por causa de sua gente e da sua santidade".

Enfermeira e discursos

Acompanhando o Papa Francisco irá uma enfermeira que é funcionária do Vaticano e que trabalha no FAS, Fundo de Assistência Sanitária, entidade criada para cuidar do pessoal eclesiástico, religioso e leigo do Vaticano.

O Diretor da Sala de Imprensa, Bruni, informou que o Papa pronunciará cinco discursos.

Em Moçambique ele falará em português, os restantes 10 discursos serão em italiano (8 em Madagáscar e 2 em Maurício).

Encontro com os fiéis de Beira

O diretor informou que "a visita à Beira não foi incluída no programa porque está em plena reconstrução".
A segunda maior cidade de Moçambique, foi devastada em março passado pelo ciclone Idai, que causou quase mil mortes.

"Haverá um abraço com os fiéis de Beira e o Papa dirigir-se-á a eles. Em vez disso, o encontro privado com a comunidade de Xai-Xai na Nunciatura, em Maputo, foi confirmado porque "o Papa Francisco quer saber em que ponto está a irmandade entre as dioceses que ele tinha feito quando era cardeal arcebispo de Buenos Aires".

Outros encontros

Um dos encontros especiais de Francisco será com os sobreviventes de uma epidemia de sarampo que, de abril de 2018 a abril de 2019, causou 1.200 mortes em Madagascar.

O Papa visitará uma família de três pessoas depois de visitar as Carmelitas Descalços no mosteiro de Antanananarivo, por ocasião da bênção do altar da Catedral de Morondava.

(JSG)

 

 

Loading
Papa viaja a Moçambique, Madagascar e Maurício – Sala Stampa Vaticana dá detalhes

Cidade do Vaticano (Terça-feira, 03-09-2019, Gaudium Press) Matteo Bruni, diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, no habitual briefing com os jornalistas antes das viagens do Papa, tratou da 31ª viagem Apostólica que o Pontífice inicia nesta quarta-feira, 04/09, e deve ir até o próximo dia 10 de setembro.

Papa viaja a Moçambique, Madagascar e Maurício ? Sala Stampa dá detalhes .jpeg

Três países fazem parte do roteiro do Papa Francisco: Moçambique, Madagascar e Maurício, que anteriormente foram visitados por João Paulo II em viagens realizadas entre 1988 e 1989.

Alegria e gratidão do Papa

Bruni explicou que "O Papa Francisco encontrará países que mudaram muito". Na época de anteriores viagens papais, aqueles países eram países voltados mais para as atividades rurais. A agricultura era forte nessas nações que hoje oferecem outras oportunidades, mas que também viram surgir novos tipos de pobrezas.

Disse Bruni: "O Papa está se preparando com gratidão para com todos aqueles que estão trabalhando na realização da viagem e com alegria pela ocasião de anunciar o Evangelho em uma parte do mundo rica em variedade e humanidade".

O Diretor da Sala de Imprensa destacou que há também "alegria pela possibilidade de encontrar esta bela terra, como destacou o Papa em uma mensagem em vídeo, por causa de sua gente e da sua santidade".

Enfermeira e discursos

Acompanhando o Papa Francisco irá uma enfermeira que é funcionária do Vaticano e que trabalha no FAS, Fundo de Assistência Sanitária, entidade criada para cuidar do pessoal eclesiástico, religioso e leigo do Vaticano.

O Diretor da Sala de Imprensa, Bruni, informou que o Papa pronunciará cinco discursos.

Em Moçambique ele falará em português, os restantes 10 discursos serão em italiano (8 em Madagáscar e 2 em Maurício).

Encontro com os fiéis de Beira

O diretor informou que "a visita à Beira não foi incluída no programa porque está em plena reconstrução".
A segunda maior cidade de Moçambique, foi devastada em março passado pelo ciclone Idai, que causou quase mil mortes.

"Haverá um abraço com os fiéis de Beira e o Papa dirigir-se-á a eles. Em vez disso, o encontro privado com a comunidade de Xai-Xai na Nunciatura, em Maputo, foi confirmado porque "o Papa Francisco quer saber em que ponto está a irmandade entre as dioceses que ele tinha feito quando era cardeal arcebispo de Buenos Aires".

Outros encontros

Um dos encontros especiais de Francisco será com os sobreviventes de uma epidemia de sarampo que, de abril de 2018 a abril de 2019, causou 1.200 mortes em Madagascar.

O Papa visitará uma família de três pessoas depois de visitar as Carmelitas Descalços no mosteiro de Antanananarivo, por ocasião da bênção do altar da Catedral de Morondava.

(JSG)

 

 


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

A iniciativa, organizada pela Diocese de Getafe, se propõem animar a reflexão sobre a necessidade ...
 
O evento é organizado de forma conjunta pela Conferência Episcopal Portuguesa, da Rede Mundial de ...
 
O Papa Francisco recebeu, no Vaticano, a equipe técnica de televisão e de jornalismo do canal ...
 
“Os sacerdotes não podem cumprir com a lei que lhes exigiria violar seu compromisso com o ensinam ...
 
O Calendário com as cerimônias que serão presididas pelo Papa Francisco nos meses de setembro e o ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading