Loading
 
 
 
Loading
 
Papa visita Catacumba e celebra Missa de Finados
Loading
 
4 de Novembro de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 04-11-2019, Gaudium Press) No último sábado, Dia de Finados, o Papa Francisco visitou a catacumba de Priscila onde celebrou uma Missa .

Papa visita Catacumba e celebra Missa de Finados -Foto Divulgação.jpg

Foi esta a primeira vez que Francisco foi a uma catacumba no dia em que a Igreja comemora os fiéis defuntos.

Em sua homilia Francisco chamou a atenção para a "verdadeira identidade do cristão".

Comentando passagens do Evangelho ele destacou que "Com as duas passagens do Evangelho, as Bem-Aventuranças e o Grande Protocolo (Mateus 25), nós mostramos nossa identidade de cristãos".

"Sem isso, não há identidade. Há uma pretensão de ser cristão, mas não uma identidade", sublinhou.

As Catacumbas de hoje

Francisco descreveu as catacumbas como sendo espaço de segurança, "onde as pessoas vinham para se esconder, também para sepultar os mortos".

Mas o Pontífice lembrou também os cristãos que não têm lugares seguros para celebrar e que ainda celebram hoje a "Eucaristia em segredo".

"Tantas catacumbas noutros países onde até mesmo devem fingir fazer festa ou um aniversário para celebrar a Eucaristia, porque naquele lugar é proibido fazê-lo: também hoje existem cristãos perseguidos, mais do que nos primeiros séculos".

"As catacumbas, a perseguição, os cristãos - e essas leituras fazem-me pensar em três palavras: a identidade, o lugar e a esperança", disse.

Catacumbas: identidade, lugar, esperança

"E hoje podemos perguntar: mas eu, onde me sinto mais seguro?

Nas mãos de Deus ou com outras coisas, com outras seguranças que nós "alugamos", mas que no final caem, que não têm consistência? 

Esses cristãos com essa carteira de identidade que viviam e vivem nas mãos de Deus, são homens e mulheres de esperança: e esta é a terceira palavra que me ocorre hoje: esperança".

Após a celebração o Papa Francisco regressou ao Vaticano. Lá chegando dirigiu-se para as Grutas da Basílica de São Pedro e sozinho, rezou em silêncio por alguns instantes diante dos túmulos onde estão sepultados diversos Papas.

(JSG)

 

 

Loading
Papa visita Catacumba e celebra Missa de Finados

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 04-11-2019, Gaudium Press) No último sábado, Dia de Finados, o Papa Francisco visitou a catacumba de Priscila onde celebrou uma Missa .

Papa visita Catacumba e celebra Missa de Finados -Foto Divulgação.jpg

Foi esta a primeira vez que Francisco foi a uma catacumba no dia em que a Igreja comemora os fiéis defuntos.

Em sua homilia Francisco chamou a atenção para a "verdadeira identidade do cristão".

Comentando passagens do Evangelho ele destacou que "Com as duas passagens do Evangelho, as Bem-Aventuranças e o Grande Protocolo (Mateus 25), nós mostramos nossa identidade de cristãos".

"Sem isso, não há identidade. Há uma pretensão de ser cristão, mas não uma identidade", sublinhou.

As Catacumbas de hoje

Francisco descreveu as catacumbas como sendo espaço de segurança, "onde as pessoas vinham para se esconder, também para sepultar os mortos".

Mas o Pontífice lembrou também os cristãos que não têm lugares seguros para celebrar e que ainda celebram hoje a "Eucaristia em segredo".

"Tantas catacumbas noutros países onde até mesmo devem fingir fazer festa ou um aniversário para celebrar a Eucaristia, porque naquele lugar é proibido fazê-lo: também hoje existem cristãos perseguidos, mais do que nos primeiros séculos".

"As catacumbas, a perseguição, os cristãos - e essas leituras fazem-me pensar em três palavras: a identidade, o lugar e a esperança", disse.

Catacumbas: identidade, lugar, esperança

"E hoje podemos perguntar: mas eu, onde me sinto mais seguro?

Nas mãos de Deus ou com outras coisas, com outras seguranças que nós "alugamos", mas que no final caem, que não têm consistência? 

Esses cristãos com essa carteira de identidade que viviam e vivem nas mãos de Deus, são homens e mulheres de esperança: e esta é a terceira palavra que me ocorre hoje: esperança".

Após a celebração o Papa Francisco regressou ao Vaticano. Lá chegando dirigiu-se para as Grutas da Basílica de São Pedro e sozinho, rezou em silêncio por alguns instantes diante dos túmulos onde estão sepultados diversos Papas.

(JSG)

 

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/105954-Papa-visita-Catacumba-e-celebra-Missa-de-Finados-. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O homem é feito para viver em comunhão com Deus, no qual encontra sua felicidade. ...
 
Inspirado na ‘Ratio Fundamentalis Institutionis Sacerdotalis - O dom da vocação presbiteral', o ...
 
A visita será de 23 a 26 de novembro, quando Francisco visitará Tóquio, Nagasaki e Hiroshima. ...
 
Bento XVI (2009): “esta festa nos proporciona a ocasião de ressaltar o significado e o valor da I ...
 
Uma turba de manifestantes, forçou um dos acessos do templo para levar os bancos para a rua e incen ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading