Loading
 
 
 
Loading
 
Fulton Sheen, Arcebispo que evangelizava pela TV será beatificado
Loading
 
19 de Novembro de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Peoria - USA (Terça-feira, 19-11-2019, Gaudium Press) Fulton Sheen, arcebispo norte americano, famoso por evangelizar utilizando eximiamente os meios de comunicação, será declarado beato no próximo dia 21 de dezembro, na Catedral de Santa Maria da Imaculada Conceição, anunciou a Diocese de Peoria, em Illinois nos Estados Unidos.

Segundo declarou a Diocese, "Parece inteiramente apropriado que a beatificação ocorra no final dos cem anos de sua ordenação sacerdotal".

Fulton Sheen, Arcebispo que evangelizava pela TV será beatificado .jpg

Quem foi ele

Fulton Sheen nasceu em Illinois, em 1895, e tinha 24 anos quando foi ordenado sacerdote na catedral da diocese em 20 de setembro de 1919.

Em 1951, foi nomeado Bispo Auxiliar de Nova York, onde permaneceu até sua nomeação como Bispo de Rochester, em 1966.

O Arcebispo Sheen foi um catequista de televisão muito querido nas décadas de 1950 e 1960 nos Estados Unidos. 

Seu programa de televisão "Life is Worth Living" que poderia ser uma mensagem que afirmava algo como "Vale a pena viver", ou "a vida vale a pena de ser vivida" alentou e fortaleceu na Fé milhões e milhões de americanos enquanto foi publicado e deixou frutos.
Eram tantos os ouvintes de seu programa que ele foi vencedor de um prêmio Emmy.

Aposentou-se em 1969 e retornou para Nova York, onde morou até sua morte, em 1979.

Processo de Canonização

A Diocese de Peoria abriu a causa de beatificação de Dom Fulton Sheen em 2002, depois que a Arquidiocese de Nova York disse que não iria explorar o caso.

Em 2012, Bento XVI reconheceu as virtudes heroicas do Arcebispo.

Em setembro de 2014, o Bispo de Peoria, Dom Daniel Jenky, suspendeu a causa de Fulton Sheen, alegando que a Santa Sé esperava que restos mortais dele estivessem na Diocese de Peoria.

Em 6 de julho último, a Congregação para as Causas dos Santos promulgou o decreto que reconhece o milagre atribuído à intercessão de Dom Fulton Sheen e que abre oportunidade para sua beatificação.

Um milagre

O milagre atribuído a sua intercessão envolve a recuperação inexplicável de James Fulton Engstrom, filho de Bonnie e Travis Engstrom, que nasceu aparentemente morto em setembro de 2010, na cidade de Goodfield, na região de Peoria.

O bebê não mostrava sinais de vida quando os profissionais médicos tentaram reanimá-lo.

No entanto, a mãe e o pai da criança, Bonnie e Travis Engstrom, rezaram ao Arcebispo Sheen para curar seu filho e o milagre ocorreu.  (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com informações ACI Digital)

 

 

Loading
Fulton Sheen, Arcebispo que evangelizava pela TV será beatificado

Peoria - USA (Terça-feira, 19-11-2019, Gaudium Press) Fulton Sheen, arcebispo norte americano, famoso por evangelizar utilizando eximiamente os meios de comunicação, será declarado beato no próximo dia 21 de dezembro, na Catedral de Santa Maria da Imaculada Conceição, anunciou a Diocese de Peoria, em Illinois nos Estados Unidos.

Segundo declarou a Diocese, "Parece inteiramente apropriado que a beatificação ocorra no final dos cem anos de sua ordenação sacerdotal".

Fulton Sheen, Arcebispo que evangelizava pela TV será beatificado .jpg

Quem foi ele

Fulton Sheen nasceu em Illinois, em 1895, e tinha 24 anos quando foi ordenado sacerdote na catedral da diocese em 20 de setembro de 1919.

Em 1951, foi nomeado Bispo Auxiliar de Nova York, onde permaneceu até sua nomeação como Bispo de Rochester, em 1966.

O Arcebispo Sheen foi um catequista de televisão muito querido nas décadas de 1950 e 1960 nos Estados Unidos. 

Seu programa de televisão "Life is Worth Living" que poderia ser uma mensagem que afirmava algo como "Vale a pena viver", ou "a vida vale a pena de ser vivida" alentou e fortaleceu na Fé milhões e milhões de americanos enquanto foi publicado e deixou frutos.
Eram tantos os ouvintes de seu programa que ele foi vencedor de um prêmio Emmy.

Aposentou-se em 1969 e retornou para Nova York, onde morou até sua morte, em 1979.

Processo de Canonização

A Diocese de Peoria abriu a causa de beatificação de Dom Fulton Sheen em 2002, depois que a Arquidiocese de Nova York disse que não iria explorar o caso.

Em 2012, Bento XVI reconheceu as virtudes heroicas do Arcebispo.

Em setembro de 2014, o Bispo de Peoria, Dom Daniel Jenky, suspendeu a causa de Fulton Sheen, alegando que a Santa Sé esperava que restos mortais dele estivessem na Diocese de Peoria.

Em 6 de julho último, a Congregação para as Causas dos Santos promulgou o decreto que reconhece o milagre atribuído à intercessão de Dom Fulton Sheen e que abre oportunidade para sua beatificação.

Um milagre

O milagre atribuído a sua intercessão envolve a recuperação inexplicável de James Fulton Engstrom, filho de Bonnie e Travis Engstrom, que nasceu aparentemente morto em setembro de 2010, na cidade de Goodfield, na região de Peoria.

O bebê não mostrava sinais de vida quando os profissionais médicos tentaram reanimá-lo.

No entanto, a mãe e o pai da criança, Bonnie e Travis Engstrom, rezaram ao Arcebispo Sheen para curar seu filho e o milagre ocorreu.  (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com informações ACI Digital)

 

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/106207-Fulton-Sheen--Arcebispo-que-evangelizava-pela-TV-sera-beatificado-. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Porei “inimizades entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a descendência dela” e Ela t ...
 
O mundo parece ter medo de recordar o que realmente é o Natal e mostra só um imaginário banal e c ...
 
A cerimônia foi presidida pelo cardeal Bertello, presidente do Governatorato da Cidade do Vaticano. ...
 
Cardeal Sturla: a iniciativa “volta a colocar Jesus no centro da atenção natalina num país tão ...
 
O Bispo de Phoenix, Estados Unidos, Dom Thomas Olmsted, escreveu um artigo para analisar um dos tran ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading