Loading
 
 
 
Loading
 
Novo ataque anticristão e o silêncio da imprensa
Loading
 
4 de Dezembro de 2019 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Burkina Faso - Uagadugú (Quarta-feira, 04-12-2019, Gaudium Press) O Bispo de Ouahigouya, Burkina Faso, Dom Justin Kientega, fez uma forte denúncia por ocasião de um novo ataque contra fiéis cristãos em Hantoukoura com um saldo de 14 pessoas assassinadas, majoritariamente crianças. O prelado rejeitou o silêncio do Ocidente sobre a grave situação dos fiéis e denunciou a campanha de grupos extremistas islâmicos para motivar um enfrentamento de ordem religiosa.

Novo ataque anticristão e o silêncio da imprensa.jpg

"Uma perseguição aos cristãos está sendo levada a cabo", indicou o Bispo, segundo informou o Vatican News. Dom Kientega indicou que os Bispos do país levam meses advertindo sobre esta situação "mas ninguém escuta. Obviamente preferem proteger seus próprios interesses. Segundo o prelado, os atentados tentam destruir a harmonia e a convivência pacífica entre os cidadãos cristãos e muçulmanos.

Entre os fatos criticados pelo Bispo se encontra o silêncio dos meios de comunicação sobre os fatos de violência. "Nos perguntamos como poderia ser possível que tanta gente não soubesse nada de nossa situação e de como os governos e os meios de comunicação ocidentais simplesmente não fazem nenhuma menção à respeito", lamentou o prelado. "Muitas potências ocidentais obviamente tem alguma razão para deixar que continue a violência".

"Suas ganâncias são mais importantes que nossa vidas", alertou Dom Kientega, que pediu a intervenção da comunidade internacional para frear a violência contra os fiéis. "As potências ocidentais devem deter os que cometem estes crimes ao invés de lhes vender as armas que usam para matar cristãos". (EPC)

Loading
Novo ataque anticristão e o silêncio da imprensa

Burkina Faso - Uagadugú (Quarta-feira, 04-12-2019, Gaudium Press) O Bispo de Ouahigouya, Burkina Faso, Dom Justin Kientega, fez uma forte denúncia por ocasião de um novo ataque contra fiéis cristãos em Hantoukoura com um saldo de 14 pessoas assassinadas, majoritariamente crianças. O prelado rejeitou o silêncio do Ocidente sobre a grave situação dos fiéis e denunciou a campanha de grupos extremistas islâmicos para motivar um enfrentamento de ordem religiosa.

Novo ataque anticristão e o silêncio da imprensa.jpg

"Uma perseguição aos cristãos está sendo levada a cabo", indicou o Bispo, segundo informou o Vatican News. Dom Kientega indicou que os Bispos do país levam meses advertindo sobre esta situação "mas ninguém escuta. Obviamente preferem proteger seus próprios interesses. Segundo o prelado, os atentados tentam destruir a harmonia e a convivência pacífica entre os cidadãos cristãos e muçulmanos.

Entre os fatos criticados pelo Bispo se encontra o silêncio dos meios de comunicação sobre os fatos de violência. "Nos perguntamos como poderia ser possível que tanta gente não soubesse nada de nossa situação e de como os governos e os meios de comunicação ocidentais simplesmente não fazem nenhuma menção à respeito", lamentou o prelado. "Muitas potências ocidentais obviamente tem alguma razão para deixar que continue a violência".

"Suas ganâncias são mais importantes que nossa vidas", alertou Dom Kientega, que pediu a intervenção da comunidade internacional para frear a violência contra os fiéis. "As potências ocidentais devem deter os que cometem estes crimes ao invés de lhes vender as armas que usam para matar cristãos". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/106455-Novo-ataque-anticristao-e-o-silencio-da-imprensa. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O Cardeal Orani tem exortado os fiéis a seguirem o exemplo de São Sebastião e viverem a missionar ...
 
Celibato: carisma dado a alguns membros da Igreja, chamado para consagrar completamente a vida a Deu ...
 
O Caminho de Santiago de Compostela, cuja meta é a Catedral de Santiago, é conhecido também como ...
 
“A Assembleia da República manifesta o seu pesar pelos mais de 1.000 cristãos mortos em 2019 na ...
 
Seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Príncipe da Paz, Rei dos Reis, Senhor dos Senhores (Isaías 9-6 ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading