Loading
 
 
 
Loading
 
Colégio Cardinalício: Papa aprova eleições do Decano e Vice-decano
Loading
 
27 de Janeiro de 2020 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 27-01-2020, Gaudium Press) A sala de Imprensa da Santa Sé informou que o Papa Francisco aprovou a eleição do Cardeal italiano Giovanni Battista Re como novo decano do Colégio Cardinalício e do Cardeal argentino Leonardo Sandri como novo vice-decano.

Colégio Cardinalício Papa aprova eleições do Decano e Vice-decano-Foto Arquivo Gaudium Press.jpg
Cardeal Giovanni Battista Re.

A eleição foi realizada pelos Cardeais da Ordem dos Bispos e aprovada pelo Pontífice.

"Motu Proprio" sobre o cargo de Decano do Colégio Cardinalício

Em 21 de dezembro de 2019, diante dos cardeais e superiores da Cúria Romana reunidos para o tradicional encontro de felicitações natalinas que o Papa Francisco anunciou que aceitava a renúncia do Cardeal Angelo Sodano, que vinha desempenhando o cargo de Decano desde 30 de abril de 2005, tendo sido outorgado ao dito cardeal o título de Decano emérito do mesmo Colégio Cardinalício.

Foi nesse mesmo dia que Francisco publicou uma Carta apostólica em forma de "Motu Proprio" sobre o cargo de Decano do Colégio Cardinalício.

Nela o Papa indicou que tal cargo será desempenhado por um período de cinco anos, "se for necessário renovável":

"Pareceu-me oportuno que, doravante, o Cardeal Decano, que continuará a ser eleito entre os membros da Ordem dos Bispos, segundo as modalidades estabelecidas pelo cân. 352 § 2 do Código de Direito Canónico, permaneça no cargo por um período de cinco anos, se for necessário renovável, e no final do seu serviço, possa receber o título de Decano Emérito do Colégio Cardinalício", escreveu o Papa.

Deste modo, o Cardeal Giovanni Battista Re substitui o Cardeal Angelo Sodano como Decano do Colégio Cardinalício e assumirá, junto ao título da Igreja Suburbicária de Sabina-Poggio Mirteto, juntamente da Igreja Suburbicária de Ostia, própria do Decano.

Cardeal Re

Giovanni Battista Re nasceu em 30 de janeiro de 1934, em Borno, diocese de Brescia, Itália.

Cursou o Seminário de Brescia, obteve doutorado em Direito Canônico na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, e estudou na Pontifícia Academia Eclesiástica.

Foi ordenado sacerdote em 3 de março de 1957, em Brescia; ordenado bispo em 7 de novembro de 1987, na Basílica de São Pedro, pelo Papa João Paulo II; e criado cardeal em 21 de fevereiro de 2001.

Entre os cargos que desempenhou, está o de substituto da Secretaria de Estado e ainda as funções de prefeito da Congregação para os Bispos e presidente da Pontifícia Comissão para a América Latina.

Na Cúria Romana, é membro da Secretaria de Estado, da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé e da Pontifícia Comissão para o Estado do Vaticano.

Colégio Cardinalício- Papa aprova eleições do Decano e Vice-decano-Sandri-fotoyoutube.jpg
Cardeal Leonardo Sandri

Cardeal Sandri

Leonardo Sandri nasceu em 18 de novembro de 1943, em Buenos Aires, Argentina.

Cursou o Seminário Metropolitano de Buenos Aires, obteve doutorado em Direito Canônico na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, e estudou na Pontifícia Academia Eclesiástica.

Foi ordenado sacerdote em 2 de dezembro de 1967; ordenado bispo em 11 de outubro de 1997, na patriarcal basílica Vaticana da Cidade do Vaticano; e criado cardeal em 24 de novembro de 2007.

Entre os cargos que desempenhou, foi núncio apostólico na Venezuela e no México e substituto da Secretaria de Estado para Assuntos Gerais.

Além disso, anunciou ao mundo a morte do Papa João Paulo I em 2 de abril de 2005, na Praça de São Pedro, e foi nomeado prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais em 9 de junho de 2007, cargo que desempenha até hoje.

Na Cúria, é membro do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso. (ARM)

 

 

Loading
Colégio Cardinalício: Papa aprova eleições do Decano e Vice-decano

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 27-01-2020, Gaudium Press) A sala de Imprensa da Santa Sé informou que o Papa Francisco aprovou a eleição do Cardeal italiano Giovanni Battista Re como novo decano do Colégio Cardinalício e do Cardeal argentino Leonardo Sandri como novo vice-decano.

Colégio Cardinalício Papa aprova eleições do Decano e Vice-decano-Foto Arquivo Gaudium Press.jpg
Cardeal Giovanni Battista Re.

A eleição foi realizada pelos Cardeais da Ordem dos Bispos e aprovada pelo Pontífice.

"Motu Proprio" sobre o cargo de Decano do Colégio Cardinalício

Em 21 de dezembro de 2019, diante dos cardeais e superiores da Cúria Romana reunidos para o tradicional encontro de felicitações natalinas que o Papa Francisco anunciou que aceitava a renúncia do Cardeal Angelo Sodano, que vinha desempenhando o cargo de Decano desde 30 de abril de 2005, tendo sido outorgado ao dito cardeal o título de Decano emérito do mesmo Colégio Cardinalício.

Foi nesse mesmo dia que Francisco publicou uma Carta apostólica em forma de "Motu Proprio" sobre o cargo de Decano do Colégio Cardinalício.

Nela o Papa indicou que tal cargo será desempenhado por um período de cinco anos, "se for necessário renovável":

"Pareceu-me oportuno que, doravante, o Cardeal Decano, que continuará a ser eleito entre os membros da Ordem dos Bispos, segundo as modalidades estabelecidas pelo cân. 352 § 2 do Código de Direito Canónico, permaneça no cargo por um período de cinco anos, se for necessário renovável, e no final do seu serviço, possa receber o título de Decano Emérito do Colégio Cardinalício", escreveu o Papa.

Deste modo, o Cardeal Giovanni Battista Re substitui o Cardeal Angelo Sodano como Decano do Colégio Cardinalício e assumirá, junto ao título da Igreja Suburbicária de Sabina-Poggio Mirteto, juntamente da Igreja Suburbicária de Ostia, própria do Decano.

Cardeal Re

Giovanni Battista Re nasceu em 30 de janeiro de 1934, em Borno, diocese de Brescia, Itália.

Cursou o Seminário de Brescia, obteve doutorado em Direito Canônico na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, e estudou na Pontifícia Academia Eclesiástica.

Foi ordenado sacerdote em 3 de março de 1957, em Brescia; ordenado bispo em 7 de novembro de 1987, na Basílica de São Pedro, pelo Papa João Paulo II; e criado cardeal em 21 de fevereiro de 2001.

Entre os cargos que desempenhou, está o de substituto da Secretaria de Estado e ainda as funções de prefeito da Congregação para os Bispos e presidente da Pontifícia Comissão para a América Latina.

Na Cúria Romana, é membro da Secretaria de Estado, da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé e da Pontifícia Comissão para o Estado do Vaticano.

Colégio Cardinalício- Papa aprova eleições do Decano e Vice-decano-Sandri-fotoyoutube.jpg
Cardeal Leonardo Sandri

Cardeal Sandri

Leonardo Sandri nasceu em 18 de novembro de 1943, em Buenos Aires, Argentina.

Cursou o Seminário Metropolitano de Buenos Aires, obteve doutorado em Direito Canônico na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, e estudou na Pontifícia Academia Eclesiástica.

Foi ordenado sacerdote em 2 de dezembro de 1967; ordenado bispo em 11 de outubro de 1997, na patriarcal basílica Vaticana da Cidade do Vaticano; e criado cardeal em 24 de novembro de 2007.

Entre os cargos que desempenhou, foi núncio apostólico na Venezuela e no México e substituto da Secretaria de Estado para Assuntos Gerais.

Além disso, anunciou ao mundo a morte do Papa João Paulo I em 2 de abril de 2005, na Praça de São Pedro, e foi nomeado prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais em 9 de junho de 2007, cargo que desempenha até hoje.

Na Cúria, é membro do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso. (ARM)

 

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/107268-Colegio-Cardinalicio--Papa-aprova-eleicoes-do-Decano-e-Vice-decano--. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Quarta-Feira de Cinzas: seriedade, recolhimento, preparação das almas para receberem Cristo na P ...
 
Em sua proposta, a urista e teóloga Maria Garabis Davis afirmou que esta iniciativa a levou de uma ...
 
De acordo com o Decreto ‘Enchiridion Indulgentiarum' da Penitenciaria Apostólica, "ao fiel crist ...
 
Pontos que é bom saber para viver intensamente este tempo de preparação para Páscoa. ...
 
O Cardeal Raymundo Damasceno Assis, Arcebispo Emérito de Aparecida e Comissário, iniciou sua visit ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading