Loading
 
 
 
Loading
 
Polêmica ou não, imagem de Cristo na cadeira elétrica enche catedral na França
Loading
 
14 de Abril de 2009 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Paris (Terça, 14-04-2009, Gaudium Press) Os fiéis que adentraram a catedral de Gap, no sul da França, dificilmente esperavam se chocar com a imagem ali presente durante as festividades de Páscoa, pelo menos da maneira como se encontrava. Ao fundo da Igreja, em vez de pregado na cruz, como de costume, a imagem de Cristo jazia em uma cadeira elétrica, de braços abertos circundados pelas amarras soltas, como se a descarga elétrica já tivesse vencido-lhe. A coroa de espinhos permanecia à cabeça.

"É uma obra que certamente não nos deixa indiferentes, mas falar de polêmica é falso. O escândalo não está onde alguém crê que esteja", destaca Dom di Falco, bispo da diocese de Gap e responsável pelo Conselho da Comunicação Episcopal Francesa. A obra é assinada pelo artista britânico Paul Fryer.

Batizada "Pieta" - nome em italiano - a escultura, que faz parte da coleção de arte de um empresário francês - suscitou vivas reações, "na maioria positivas", observou o bispo, o qual abriu o site da sua diocese para que os fiéis e visitantes pudessem fazer seus comentários. Foram mais de três mil os acessos.

"A cruz não era o equivalente, na época romana, à cadeira elétrica de hoje?", se pergunta um dos fiéis por meio do site. "Hoje entramos em uma igreja e muitas vezes até mesmo sem olhar para o Cristo na Cruz. Então eu digo, muito obrigado a Dom di Falco por ter-me despertado para isso", diz outro internauta.

Mas também foram registradas vozes discordantes: "A exposição desta obra não deve ser feita em uma catedral na Sexta-feira Santa". Ou ainda: "Se é arte, deveria ter sido colocada em um outro lugar".

 

Loading
Polêmica ou não, imagem de Cristo na cadeira elétrica enche catedral na França

Paris (Terça, 14-04-2009, Gaudium Press) Os fiéis que adentraram a catedral de Gap, no sul da França, dificilmente esperavam se chocar com a imagem ali presente durante as festividades de Páscoa, pelo menos da maneira como se encontrava. Ao fundo da Igreja, em vez de pregado na cruz, como de costume, a imagem de Cristo jazia em uma cadeira elétrica, de braços abertos circundados pelas amarras soltas, como se a descarga elétrica já tivesse vencido-lhe. A coroa de espinhos permanecia à cabeça.

"É uma obra que certamente não nos deixa indiferentes, mas falar de polêmica é falso. O escândalo não está onde alguém crê que esteja", destaca Dom di Falco, bispo da diocese de Gap e responsável pelo Conselho da Comunicação Episcopal Francesa. A obra é assinada pelo artista britânico Paul Fryer.

Batizada "Pieta" - nome em italiano - a escultura, que faz parte da coleção de arte de um empresário francês - suscitou vivas reações, "na maioria positivas", observou o bispo, o qual abriu o site da sua diocese para que os fiéis e visitantes pudessem fazer seus comentários. Foram mais de três mil os acessos.

"A cruz não era o equivalente, na época romana, à cadeira elétrica de hoje?", se pergunta um dos fiéis por meio do site. "Hoje entramos em uma igreja e muitas vezes até mesmo sem olhar para o Cristo na Cruz. Então eu digo, muito obrigado a Dom di Falco por ter-me despertado para isso", diz outro internauta.

Mas também foram registradas vozes discordantes: "A exposição desta obra não deve ser feita em uma catedral na Sexta-feira Santa". Ou ainda: "Se é arte, deveria ter sido colocada em um outro lugar".

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/3346-Polemica-ou-nao--imagem-de-Cristo-na-cadeira-eletrica-enche-catedral-na-Franca. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Cardeal Zen Ze-kiun, afirmou que o governo comunista chinês quer a rendição do Vaticano. ...
 
O caso acontece duas semanas após o assassinato de Michael Nnadi. Seminarista que havia sido seques ...
 
Papa: para os diplomatas vaticanos será necessária a realização de uma ação missionária de um ...
 
A ideia nasceu do desejo de tornar público o melhor das coleções e ter a maneira de dar a conhece ...
 
Os cardeais Conselheiros reúnem-se nesses três dias com o Papa para a 33ª Reunião do Conselho de ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading