Loading
 
 
 
Loading
 
O milagre Eucarístico de Alkmaar
Loading
 
21 de Maio de 2013 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Amsterdã - Holada (Terça-feira, 21-05-2013, Gaudium Press) - Corria a primeira década do século XV . Na cidade de Alkmaa, localizada na província da Holanda do Norte, Países Baixos, vivia o jovem Folquert. Os pais ricos pagavam-lhes os estudos porem, de temperamento rebelde, preferia esconder-se para se entregar a bebedeiras e jogos de azar.

alkaamar.JPG

As tantas, para satisfazer o seu temperamento fogoso, ingressou no exercito de Jacobo de Baviera e em 1414 participou da batalha de Hoorn quando matou muitíssima gente. Depois deste episodio, talvez atormentado pela sua má conduta, o jovem decidiu voltar aos estudos, porem desta vez com o objetivo de tornar-se sacerdote.

No primeiro dia de maio d 1429, celebra a sua primeira missa na Igreja de São Lourenço em Alkmaar. Estava muito nervoso, considerava-se sacerdote indigno porque jamais revelara aos seus superiores o fato de que havia matado muita gente com o medo de que talvez uma vez revelado este segredo se recusassem a ordená-lo.

Depois da consagração, ao tomar o sangue de Cristo, deixou cair 3 gotas deste na casula que a deixaram-na com manchas sangue. Ainda mais nervoso, ao fim da missa na sacristia, recortou o pedaço do tecido manchado, tentou queimá-lo mas milagrosamente o fogo recusava-se a destruí-lo. Finalmente escondeu o tecido manchado detrás do altar.

Alguns anos depois um capitão de navio enfrentava uma tempestade violenta perto da costa. Sentia ele que certamente o navio afundaria morrendo assim todos os tripulantes. No meio da angustia apareceu-lhe um anjo que lhe contou o milagre ocorrido em 1429 e que se ele prometesse revelar o local onde estava a relíquia escondida ao pároco da igreja, o anjo o salvaria da tempestade. E assim o fez.

O pároco encontrou o tecido, relatou o fato ao bispo de Utrecht o qual declarou a autenticidade do milagre e para que tão preciosa relíquia fosse devidamente venerada mandou forjar um anjo de prata que segura nas mãos o pedaço da casula.

Depois de 1566 as autoridades municipais protestantes proibiram o culto católico das relíquias. Para evitar que fosse profanada, ou destruída, esteve escondida durante muitos anos até que por volta de 1885 o bispo de Haarlem, Mons. Gaspar Bottemanne, retomou a veneração da Santa relíquia Em 1902 foi feito uma nova imagem do anjo, desta vez em prata de melhor qualidade.

A partir de então a relíquia fica exposta todos os domingos aos olhos dos fiéis num altar lateral da igreja, conhecido como o Santo Altar do Sangre Consagrado. (J)

Aldo Leone - Gaudium Press - Amsterdã

Loading
O milagre Eucarístico de Alkmaar

Amsterdã - Holada (Terça-feira, 21-05-2013, Gaudium Press) - Corria a primeira década do século XV . Na cidade de Alkmaa, localizada na província da Holanda do Norte, Países Baixos, vivia o jovem Folquert. Os pais ricos pagavam-lhes os estudos porem, de temperamento rebelde, preferia esconder-se para se entregar a bebedeiras e jogos de azar.

alkaamar.JPG

As tantas, para satisfazer o seu temperamento fogoso, ingressou no exercito de Jacobo de Baviera e em 1414 participou da batalha de Hoorn quando matou muitíssima gente. Depois deste episodio, talvez atormentado pela sua má conduta, o jovem decidiu voltar aos estudos, porem desta vez com o objetivo de tornar-se sacerdote.

No primeiro dia de maio d 1429, celebra a sua primeira missa na Igreja de São Lourenço em Alkmaar. Estava muito nervoso, considerava-se sacerdote indigno porque jamais revelara aos seus superiores o fato de que havia matado muita gente com o medo de que talvez uma vez revelado este segredo se recusassem a ordená-lo.

Depois da consagração, ao tomar o sangue de Cristo, deixou cair 3 gotas deste na casula que a deixaram-na com manchas sangue. Ainda mais nervoso, ao fim da missa na sacristia, recortou o pedaço do tecido manchado, tentou queimá-lo mas milagrosamente o fogo recusava-se a destruí-lo. Finalmente escondeu o tecido manchado detrás do altar.

Alguns anos depois um capitão de navio enfrentava uma tempestade violenta perto da costa. Sentia ele que certamente o navio afundaria morrendo assim todos os tripulantes. No meio da angustia apareceu-lhe um anjo que lhe contou o milagre ocorrido em 1429 e que se ele prometesse revelar o local onde estava a relíquia escondida ao pároco da igreja, o anjo o salvaria da tempestade. E assim o fez.

O pároco encontrou o tecido, relatou o fato ao bispo de Utrecht o qual declarou a autenticidade do milagre e para que tão preciosa relíquia fosse devidamente venerada mandou forjar um anjo de prata que segura nas mãos o pedaço da casula.

Depois de 1566 as autoridades municipais protestantes proibiram o culto católico das relíquias. Para evitar que fosse profanada, ou destruída, esteve escondida durante muitos anos até que por volta de 1885 o bispo de Haarlem, Mons. Gaspar Bottemanne, retomou a veneração da Santa relíquia Em 1902 foi feito uma nova imagem do anjo, desta vez em prata de melhor qualidade.

A partir de então a relíquia fica exposta todos os domingos aos olhos dos fiéis num altar lateral da igreja, conhecido como o Santo Altar do Sangre Consagrado. (J)

Aldo Leone - Gaudium Press - Amsterdã

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/46907-O-milagre-Eucaristico-de-Alkmaar. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O Bispo de Phoenix, Estados Unidos, Dom Thomas Olmsted, escreveu um artigo para analisar um dos tran ...
 
O Natal é a festa da gratuidade, recorda Arcebispo de Turim ...
 
Superior a tudo quanto foi criado, inferior somente à humanidade santíssima de Jesus, Maria recebe ...
 
O Ano Jubilar Mariano ocorre por ocasião dos 400 anos do encontro da sagrada imagem de Nossa Senhor ...
 
As velas acesas do Advento simbolizam nossa fé, nossa alegria, nossa esperança que não decepciona ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading