Loading
 
 
 
Loading
 
Programa de TV mostra que maioria da população de Medellín é contra a Clínica das Mulheres
Loading
 
2 de Setembro de 2009 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Medellín (Quarta, 02-09-2009, Gaudium Press) Por conta da polêmica gerada na cidade de Medellín provocada pela possível construção da Clínica da Mulher, o programa de televisão local ‘De Frente', da emisora Telemedellín, consultou a opinião pública sobre a criação da clínica, onde supostamente seriam praticados abortos - nos casos despenalizados pela Corte Constitucional Colombiana em 2006.

"Você está de acordo com a criação da clínica da Mulher em Medellín?" foi a pregunta feita. Dos 1.763 entrevistados, 65% disse ser contra.

A grande maioria dos 170 comentários registrados na página de internet da emisora critica a ação, porém sem denegrir a imagem da clínica ou de pessoas envolvidas na obra, avaliada em 8 milhões de dólares - dinheiro proveniente dos cofres municipais.

A repercussão negativa pode provocar discussões sobre o assunto ou até mesmo provocar uma mudança de procedimentos por parte das autoridades locais, acredita a imprensa da cidade.

A arquidiocese de Medellín disse, semanas atrás, que ‘toda iniciativa que contribua com o cuidado e desenvolvimento total das mulheres é bem vinda', mas nada pode estar ‘contra a vida'.

O arcebispo da cidade, monsenhor Giraldo Jaramillo, disse em uma de suas mensagens semanais, sob o título ‘A Defesa da Vida', que a sociedade, ‘quando opta pela negação e supressão da vida, acaba por não encontrar a motivação e a energia necessárias para se esforçar no serviço do verdadeiro bem ao homem', em referência clara à execução da obra.

 

Loading
Programa de TV mostra que maioria da população de Medellín é contra a Clínica das Mulheres

Medellín (Quarta, 02-09-2009, Gaudium Press) Por conta da polêmica gerada na cidade de Medellín provocada pela possível construção da Clínica da Mulher, o programa de televisão local ‘De Frente', da emisora Telemedellín, consultou a opinião pública sobre a criação da clínica, onde supostamente seriam praticados abortos - nos casos despenalizados pela Corte Constitucional Colombiana em 2006.

"Você está de acordo com a criação da clínica da Mulher em Medellín?" foi a pregunta feita. Dos 1.763 entrevistados, 65% disse ser contra.

A grande maioria dos 170 comentários registrados na página de internet da emisora critica a ação, porém sem denegrir a imagem da clínica ou de pessoas envolvidas na obra, avaliada em 8 milhões de dólares - dinheiro proveniente dos cofres municipais.

A repercussão negativa pode provocar discussões sobre o assunto ou até mesmo provocar uma mudança de procedimentos por parte das autoridades locais, acredita a imprensa da cidade.

A arquidiocese de Medellín disse, semanas atrás, que ‘toda iniciativa que contribua com o cuidado e desenvolvimento total das mulheres é bem vinda', mas nada pode estar ‘contra a vida'.

O arcebispo da cidade, monsenhor Giraldo Jaramillo, disse em uma de suas mensagens semanais, sob o título ‘A Defesa da Vida', que a sociedade, ‘quando opta pela negação e supressão da vida, acaba por não encontrar a motivação e a energia necessárias para se esforçar no serviço do verdadeiro bem ao homem', em referência clara à execução da obra.

 


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O monumental presépio é um dos maiores de Andaluzia, ganhando ano após ano mais fama e presença. ...
 
O problema do sofrimento não está tanto no que o ocasiona, mas no modo como é suportado. Ele exis ...
 
Apesar de ser uma apresentação gratuita, os espectadores são convidados a doarem ao menos um quil ...
 
A neve nos fala da inocência sem mancha, da beleza virginal e pura que tem o condão de encantar os ...
 
Podemos correr o risco de fazer a festa sem a presença do festejado e o que Ele é e significa para ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading