Loading
 
 
 
Loading
 
Devotos cearenses rendem homenagens durante Romaria da Mãe Rainha
Loading
 
20 de Julho de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Mauriti - Ceará (Sexta-feira, 20-07-2018, Gaudium Press) A cidade de Mauriti, no cariri cearense, celebrou com entusiasmo a fervorosa devoção a Mãe Rainha Três Vezes Admirável de Schoenstatt através da tradicional romaria em honra a Virgem Maria.

Devotos cearenses rendem homenagens durante Romaria da Mãe Rainha

Na zona rural de Gravatazinho, distrito de São Miguel, o fervor devocional dos fiéis é redescoberto a cada ano por meio desta peregrinação, que teve seu início 18 anos atrás com uma caminha da Igreja Matriz da Imaculada Conceição, Padroeira de Mauriti, até a comunidade de Gravatazinho, local em que foi erguida uma capela em homenagem a Mãe Admirável.

"Quando a gente precisou comprar a imagem da Padroeira, eu pedi para a imagem vir do Santuário de Santa Maria (no Rio Grande do Sul). Eu tive a ideia de trazê-la da Matriz até a comunidade a pé. A gente saiu com 30, 40 pessoas. Quando a gente chegou aqui (na capela), tinha mais de 500 pessoas. Então, começamos a contar como a primeira romaria, que continuou a cada dia 18 (dia de renovação da Aliança de Amor, um dos pontos mais fortes da espiritualidade do Movimento de Schoenstatt)", contou o Diácono Francisco Alves de Souza.

Após esse episódio, a capela tornou-se santuário paroquial, que acolhe anualmente milhares de peregrinos vindos das mais variadas regiões do Cariri e até de outros estados, como Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

Na tarde da última quarta-feira, 18 de julho, o bispo diocesano de Crato, Dom Gilberto Pastana, presidiu a Santa Missa de encerramento da romaria. Em sua homilia, lembrou que "cada romaria é uma experiência amorosa diferente".

Na sequencia, Dom Pastana desejou que a caminhada dedicada a Mãe Santíssima seja ocasião para "fortalecer a nossa humildade diante de Deus, para conhecê-lo mais, amá-lo mais e estar disposto a fazer a sua vontade na nossa vida e nas nossas comunidades".

Devotos cearenses rendem homenagens durante Romaria da Mãe Rainha

"Como Jesus, nós também devemos entrar em sintonia com o Pai e com o Espírito Santo. E quantos de nós não saímos de casa para aqui, também, rezar, louvar ao Senhor, nos enchendo da Sua graça, para termos força de enfrentar o mundo", acrescentou.

A 18ª edição da Romaria da Mãe Rainha teve como tema "No ano do Fundador, celebramos Maria, filha predileta do Pai", inspirado no Padre José Kentenich, fundador do Movimento da Mãe Rainha, na Alemanha. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações da Diocese de Crato

Loading
Devotos cearenses rendem homenagens durante Romaria da Mãe Rainha

Mauriti - Ceará (Sexta-feira, 20-07-2018, Gaudium Press) A cidade de Mauriti, no cariri cearense, celebrou com entusiasmo a fervorosa devoção a Mãe Rainha Três Vezes Admirável de Schoenstatt através da tradicional romaria em honra a Virgem Maria.

Devotos cearenses rendem homenagens durante Romaria da Mãe Rainha

Na zona rural de Gravatazinho, distrito de São Miguel, o fervor devocional dos fiéis é redescoberto a cada ano por meio desta peregrinação, que teve seu início 18 anos atrás com uma caminha da Igreja Matriz da Imaculada Conceição, Padroeira de Mauriti, até a comunidade de Gravatazinho, local em que foi erguida uma capela em homenagem a Mãe Admirável.

"Quando a gente precisou comprar a imagem da Padroeira, eu pedi para a imagem vir do Santuário de Santa Maria (no Rio Grande do Sul). Eu tive a ideia de trazê-la da Matriz até a comunidade a pé. A gente saiu com 30, 40 pessoas. Quando a gente chegou aqui (na capela), tinha mais de 500 pessoas. Então, começamos a contar como a primeira romaria, que continuou a cada dia 18 (dia de renovação da Aliança de Amor, um dos pontos mais fortes da espiritualidade do Movimento de Schoenstatt)", contou o Diácono Francisco Alves de Souza.

Após esse episódio, a capela tornou-se santuário paroquial, que acolhe anualmente milhares de peregrinos vindos das mais variadas regiões do Cariri e até de outros estados, como Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

Na tarde da última quarta-feira, 18 de julho, o bispo diocesano de Crato, Dom Gilberto Pastana, presidiu a Santa Missa de encerramento da romaria. Em sua homilia, lembrou que "cada romaria é uma experiência amorosa diferente".

Na sequencia, Dom Pastana desejou que a caminhada dedicada a Mãe Santíssima seja ocasião para "fortalecer a nossa humildade diante de Deus, para conhecê-lo mais, amá-lo mais e estar disposto a fazer a sua vontade na nossa vida e nas nossas comunidades".

Devotos cearenses rendem homenagens durante Romaria da Mãe Rainha

"Como Jesus, nós também devemos entrar em sintonia com o Pai e com o Espírito Santo. E quantos de nós não saímos de casa para aqui, também, rezar, louvar ao Senhor, nos enchendo da Sua graça, para termos força de enfrentar o mundo", acrescentou.

A 18ª edição da Romaria da Mãe Rainha teve como tema "No ano do Fundador, celebramos Maria, filha predileta do Pai", inspirado no Padre José Kentenich, fundador do Movimento da Mãe Rainha, na Alemanha. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações da Diocese de Crato

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/96730-Devotos-cearenses-rendem-homenagens-durante-Romaria-da-Mae-Rainha. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O evento, que seguiu o lema “Não temas Maria, pois encontras-te graça diante de Deus”, foi con ...
 
“A capela de adoração é uma iniciativa do Senhor para que tivéssemos um lugar adequado para or ...
 
Conforme o purpurado, Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos. ...
 
Criada em 27 de maio de 1998 pelo Papa João Paulo II, o bispado de Criciúma foi desmembrado da Dio ...
 
O sucesso vocacional do sacerdote depende das orações dos fiéis, afirma arcebispo de Malanje, no ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading