Loading
 
 
 
Loading
 
Para combater violência sacerdote quer aumentar horas de Adoração e Confissão em Basílica nos EUA
Loading
 
10 de Agosto de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Estados Unidos - Baltimore (Sexta-feira, 10-08-2018, Gaudium Press) O reitor da Basílica do Santuário Nacional da Assunção da Santíssima Virgem Maria, Padre James Boric, está promovendo um trabalho intenso para evangelizar uma das cidades mais perigosas nos Estados Unidos: Baltimore.

Para combater violência sacerdote quer aumentar horas de Adoração e Confissão em Basílica nos EUA

O sacerdote lançou uma campanha intitulada: 'A fonte de toda a Esperança'. A iniciativa pretende aumentar as horas de adoração e confissão no templo, com o objetivo de dessa forma promover a chegada de novos missionários.

No site da campanha, o Padre Boric explica que "a cidade de Baltimore está sofrendo. Está sangrando. Precisa de esperança e cura. Precisa de Jesus Cristo na Eucaristia, a fonte de toda esperança".

Em 2017 ocorreram 347 assassinatos em Baltimore, cerca de um por dia, fato que fez com que o jornal 'USA Today' intitulasse Baltimore como a cidade mais perigosa dos Estados Unidos.

O Padre James Boric lamentou ser obrigado a fechar a Basílica da Assunção todos os dias às 16h. "Isso me causa uma tristeza no coração. Nas minhas orações, sei que Deus está me pedindo para abrir a Basílica. Proporcionar um refúgio aqui na cidade. Honestamente, sei que Deus me pede isso", afirmou, expressando o seu desejo de levar Jesus às pessoas que estão perdidas, desabrigadas e sem esperança.

Um dos planos dessa campanha é estender o horário de adoração e confissões no templo de segunda a sexta-feira para às 20h. Atualmente, há somente meia hora de confissões na parte da manhã durante a semana e, aos finais de semana, há confissões apenas à tarde. Para isso, a campanha visa arrecadar fundos para garantir as medidas de segurança e os custos para manter a Basílica aberta nas horas extras.

A campanha é baseada no 'Christ in the City', ministério aplicado em Denver no ano de 2010 e que envia jovens missionários às ruas para evangelizar entre os menos favorecidos.

"Eu amo ser sacerdote. Adoro ser o reitor da Basílica do Santuário Nacional da Assunção da Santíssima Virgem Maria. E tudo o que eu desejo é levar as almas a Cristo", ressaltou o sacerdote.

Acolhida com entusiasmo pelos fiéis, a iniciativa já superou sua meta de 106 mil dólares. (EPC)

Loading
Para combater violência sacerdote quer aumentar horas de Adoração e Confissão em Basílica nos EUA

Estados Unidos - Baltimore (Sexta-feira, 10-08-2018, Gaudium Press) O reitor da Basílica do Santuário Nacional da Assunção da Santíssima Virgem Maria, Padre James Boric, está promovendo um trabalho intenso para evangelizar uma das cidades mais perigosas nos Estados Unidos: Baltimore.

Para combater violência sacerdote quer aumentar horas de Adoração e Confissão em Basílica nos EUA

O sacerdote lançou uma campanha intitulada: 'A fonte de toda a Esperança'. A iniciativa pretende aumentar as horas de adoração e confissão no templo, com o objetivo de dessa forma promover a chegada de novos missionários.

No site da campanha, o Padre Boric explica que "a cidade de Baltimore está sofrendo. Está sangrando. Precisa de esperança e cura. Precisa de Jesus Cristo na Eucaristia, a fonte de toda esperança".

Em 2017 ocorreram 347 assassinatos em Baltimore, cerca de um por dia, fato que fez com que o jornal 'USA Today' intitulasse Baltimore como a cidade mais perigosa dos Estados Unidos.

O Padre James Boric lamentou ser obrigado a fechar a Basílica da Assunção todos os dias às 16h. "Isso me causa uma tristeza no coração. Nas minhas orações, sei que Deus está me pedindo para abrir a Basílica. Proporcionar um refúgio aqui na cidade. Honestamente, sei que Deus me pede isso", afirmou, expressando o seu desejo de levar Jesus às pessoas que estão perdidas, desabrigadas e sem esperança.

Um dos planos dessa campanha é estender o horário de adoração e confissões no templo de segunda a sexta-feira para às 20h. Atualmente, há somente meia hora de confissões na parte da manhã durante a semana e, aos finais de semana, há confissões apenas à tarde. Para isso, a campanha visa arrecadar fundos para garantir as medidas de segurança e os custos para manter a Basílica aberta nas horas extras.

A campanha é baseada no 'Christ in the City', ministério aplicado em Denver no ano de 2010 e que envia jovens missionários às ruas para evangelizar entre os menos favorecidos.

"Eu amo ser sacerdote. Adoro ser o reitor da Basílica do Santuário Nacional da Assunção da Santíssima Virgem Maria. E tudo o que eu desejo é levar as almas a Cristo", ressaltou o sacerdote.

Acolhida com entusiasmo pelos fiéis, a iniciativa já superou sua meta de 106 mil dólares. (EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

A relíquia se conserva em um relicário de ouro, incrustada em uma imagem de São Juan Diego. ...
 
O Pregador da Casa Pontifícia ministrou a primeira meditação do Advento intitulada 'Deus existe!' ...
 
“Os Artesãos e seus Presépios II” exibe 33 presépios criados por 15 artesãos paulistas. ...
 
O Arcebispo Dom Wilson Tadeu Jönck preside a missa e abençoa o templo, que estava fechado há seis ...
 
O purpurado recordou aos novos sacerdotes e diáconos que suas vocações são um dom dado por Deus. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading