Loading
 
 
 
Loading
 
Iniciam em Roma ciclos de catequese sobre a santidade
Loading
 
11 de Outubro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Cidade do Vaticano (Quinta-feira, 11-10-2018, Gaudium Press) 'É possível hoje aspirar a santidade?', esta foi uma das perguntas que tentou responder o Cardeal Angelo De Donatis, Vigário do Papa para a Diocese de Roma, ao abrir o ciclo de catequeses mensais sobre a santidade na Basílica de São João de Latrão.

Iniciam em Roma ciclos de catequese sobre a santidade 1.jpg

Inspirado na exortação apostólica 'Gaudete et exsultate' do Papa Francisco, o purpurado refletiu sobre os desafios que representa hoje o chamado à santidade, indicando que atualmente o próprio termo 'santidade' se entende por alguns como "uma palavra obsoleta, distante da linguagem comum", e que em geral os cristãos não a utilizam, não dizem frases como 'meu propósito na vida é ser Santo'.

A este respeito recordou que o Concílio Vaticano II "fez um chamado universal à santidade, um dos pontos mais qualificados de seu ensinamento, reiterando que esse chamado se dirige a todos".

O Cardenal De Donatis assinalou que a santidade "é a mesma vida ordinária que experimentamos de maneira extraordinária porque é bela pela graça de Deus, pela ação do Espírito Santo recebido no Batismo. O fruto do Espírito é, de fato, uma vida vivida na alegria do amor, e nisto consiste a santidade".

Iniciam em Roma ciclos de catequese sobre a santidade 2.jpg

"Não há condições particulares: a santidade não é prerrogativa de quem vive dedicado muito tempo à oração ou ao estudo teológico ou exercendo um particular ministério na Igreja, mas é aquela vida nova que por dom de Deus é concretamente possível a todos, nas ocupações de cada dia, onde cada um se encontra", acrescentou o Vigário da Diocese de Roma.

Em outro momento, o Cardeal De Donatis disse que a santidade não é possível solitariamente, já que o "individualismo e a pretensão de autossuficiência não conduzem à vida verdadeira". "Necessitamos dos demais, temos necessidade de sentir que nossa vida está inserida naquela do Povo de Deus, na que o Espírito de Deus derrama sua Santidade".

Na ocasião também interveio Dom Marco Frisina, reitor da Basílica de Santa Cecilia a Trastevere, que disse: "Nestas reuniões mensais que faremos juntos, encontraremos aos amigos, porque os Santos são os amigos. Temos o costume um pouco de pensar nos Santos como imagens e, quiçá, um pouco habituados a iconografia barroca daqueles Santos olhando com os olhos na lua e com pose teatral. Mas os Santos eram pessoas normais, como nós".

"Estas pessoas normais têm feito coisas extraordinárias com a Graça, e eram pessoas como qualquer um", acrescentou.

Em seguida, afirmou: "O que o Senhor faz é belo: toma a pessoa com a graça, com o Espírito Santo a molda. Faz assim conosco, com cada um de nós. Porque o Senhor é um artista (...) O faz as coisas com o coração e com a originalidade, nunca faz uma coisa como a outra, nunca fará um Santo como qualquer outro". (EPC)

Loading
Iniciam em Roma ciclos de catequese sobre a santidade

Cidade do Vaticano (Quinta-feira, 11-10-2018, Gaudium Press) 'É possível hoje aspirar a santidade?', esta foi uma das perguntas que tentou responder o Cardeal Angelo De Donatis, Vigário do Papa para a Diocese de Roma, ao abrir o ciclo de catequeses mensais sobre a santidade na Basílica de São João de Latrão.

Iniciam em Roma ciclos de catequese sobre a santidade 1.jpg

Inspirado na exortação apostólica 'Gaudete et exsultate' do Papa Francisco, o purpurado refletiu sobre os desafios que representa hoje o chamado à santidade, indicando que atualmente o próprio termo 'santidade' se entende por alguns como "uma palavra obsoleta, distante da linguagem comum", e que em geral os cristãos não a utilizam, não dizem frases como 'meu propósito na vida é ser Santo'.

A este respeito recordou que o Concílio Vaticano II "fez um chamado universal à santidade, um dos pontos mais qualificados de seu ensinamento, reiterando que esse chamado se dirige a todos".

O Cardenal De Donatis assinalou que a santidade "é a mesma vida ordinária que experimentamos de maneira extraordinária porque é bela pela graça de Deus, pela ação do Espírito Santo recebido no Batismo. O fruto do Espírito é, de fato, uma vida vivida na alegria do amor, e nisto consiste a santidade".

Iniciam em Roma ciclos de catequese sobre a santidade 2.jpg

"Não há condições particulares: a santidade não é prerrogativa de quem vive dedicado muito tempo à oração ou ao estudo teológico ou exercendo um particular ministério na Igreja, mas é aquela vida nova que por dom de Deus é concretamente possível a todos, nas ocupações de cada dia, onde cada um se encontra", acrescentou o Vigário da Diocese de Roma.

Em outro momento, o Cardeal De Donatis disse que a santidade não é possível solitariamente, já que o "individualismo e a pretensão de autossuficiência não conduzem à vida verdadeira". "Necessitamos dos demais, temos necessidade de sentir que nossa vida está inserida naquela do Povo de Deus, na que o Espírito de Deus derrama sua Santidade".

Na ocasião também interveio Dom Marco Frisina, reitor da Basílica de Santa Cecilia a Trastevere, que disse: "Nestas reuniões mensais que faremos juntos, encontraremos aos amigos, porque os Santos são os amigos. Temos o costume um pouco de pensar nos Santos como imagens e, quiçá, um pouco habituados a iconografia barroca daqueles Santos olhando com os olhos na lua e com pose teatral. Mas os Santos eram pessoas normais, como nós".

"Estas pessoas normais têm feito coisas extraordinárias com a Graça, e eram pessoas como qualquer um", acrescentou.

Em seguida, afirmou: "O que o Senhor faz é belo: toma a pessoa com a graça, com o Espírito Santo a molda. Faz assim conosco, com cada um de nós. Porque o Senhor é um artista (...) O faz as coisas com o coração e com a originalidade, nunca faz uma coisa como a outra, nunca fará um Santo como qualquer outro". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/98590-Iniciam-em-Roma-ciclos-de-catequese-sobre-a-santidade. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

“Temos que chamar os jovens a ser Santos e nós também devemos ser Santos”, ressaltou Dom José ...
 
Segundo o Padre Davide Carbonaro, a ideia da procissão “é iluminar esta noite especial para nós ...
 
Proveniente de Portugal, a imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima viajou para a Colômbia onde ...
 
Por causa 92ª Jornada Missionária Mundial a ser realizada no domingo, 21/10, foram publicadas vár ...
 
“Senso do maravilhoso”: tendência natural que leva a buscar Deus, glorificá-Lo nos seus reflex ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading