Loading
 
 
 
Loading
 
Portugal: quase mil católicos no voluntariado missionário 2016
Loading
 
14 de Julho de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Lisboa - Portugal (Quinta-feira, 14/07/2016, Gaudium Press) - A Fundação Fé e Cooperação (FEC), um organismo da Igreja Católica, informou que nesta quinta-feira, 14 de julho, 860 portugueses estarão engajados em ações do voluntariado missionário 2016.

Nos dados estatísticos fornecidos pela FEC percebe-se que 341 jovens e adultos vão realizar projetos de voluntariado missionário em países em vias de desenvolvimento e que 519 estão desenvolvendo atividades de voluntariado e missão dentro de Portugal.

Quem são

"Com idades compreendidas entre os 18 e os 35 anos, 14 pessoas deixam o seu emprego e 9 pedem uma licença sem vencimento para partir este ano para países em desenvolvimento", assinala um comunicado da FEC distribuído hoje à imprensa.

A este número juntam-se 9 desempregados que vão dedicar o seu tempo a experiências de voluntariado missionário, representando um total de 3% no universo do número dos que partem para a missão.

Para onde vão, o que farão

Os 341 voluntários portugueses no estrangeiro distribuem-se pela África, América do Sul, América Central e Ásia.

Eles participam de projetos de curta e longa duração e estão distribuídos por países como Cabo Verde que vai acolher 119 voluntários, Moçambique que vai receber 66, São Tomé e Príncipe terão 64, Angola 40, Guiné-Bissau 25, Timor Leste 13 e o Brasil 12, todos países onde se fala o português.

Dois voluntários partem para a República Centro Africana, onde não se fala o português.

Embora o número de voluntários não chegue ao de 2015, o número de missionários que partem para o exterior cresceu em 19%.

Nos projetos de curta duração (de 15 dias a 6 meses) partem para os países em desenvolvimento 305 pessoas; as outras 36 integram projetos de longa duração (7 meses a 2 ou mais anos).

Dos 341 voluntários que participam em projetos de voluntariado missionário, 70 vão repetir a experiência.

As principais áreas de intervenção são a agricultura, animação sociocultural, construção de infraestruturas, educação e formação, pastoral, saúde e dinamização comunitária.

Quem são

Segundo a FEC, a "grande maioria" dos voluntários que partem em 2016 tem entre 18 e 35 anos;

85% são estudantes, recém-licenciados ou pessoas empregadas que utilizam o seu tempo de férias para se dedicar ao desenvolvimento de projetos de voluntariado internacional.

Loading
Portugal: quase mil católicos no voluntariado missionário 2016

Lisboa - Portugal (Quinta-feira, 14/07/2016, Gaudium Press) - A Fundação Fé e Cooperação (FEC), um organismo da Igreja Católica, informou que nesta quinta-feira, 14 de julho, 860 portugueses estarão engajados em ações do voluntariado missionário 2016.

Nos dados estatísticos fornecidos pela FEC percebe-se que 341 jovens e adultos vão realizar projetos de voluntariado missionário em países em vias de desenvolvimento e que 519 estão desenvolvendo atividades de voluntariado e missão dentro de Portugal.

Quem são

"Com idades compreendidas entre os 18 e os 35 anos, 14 pessoas deixam o seu emprego e 9 pedem uma licença sem vencimento para partir este ano para países em desenvolvimento", assinala um comunicado da FEC distribuído hoje à imprensa.

A este número juntam-se 9 desempregados que vão dedicar o seu tempo a experiências de voluntariado missionário, representando um total de 3% no universo do número dos que partem para a missão.

Para onde vão, o que farão

Os 341 voluntários portugueses no estrangeiro distribuem-se pela África, América do Sul, América Central e Ásia.

Eles participam de projetos de curta e longa duração e estão distribuídos por países como Cabo Verde que vai acolher 119 voluntários, Moçambique que vai receber 66, São Tomé e Príncipe terão 64, Angola 40, Guiné-Bissau 25, Timor Leste 13 e o Brasil 12, todos países onde se fala o português.

Dois voluntários partem para a República Centro Africana, onde não se fala o português.

Embora o número de voluntários não chegue ao de 2015, o número de missionários que partem para o exterior cresceu em 19%.

Nos projetos de curta duração (de 15 dias a 6 meses) partem para os países em desenvolvimento 305 pessoas; as outras 36 integram projetos de longa duração (7 meses a 2 ou mais anos).

Dos 341 voluntários que participam em projetos de voluntariado missionário, 70 vão repetir a experiência.

As principais áreas de intervenção são a agricultura, animação sociocultural, construção de infraestruturas, educação e formação, pastoral, saúde e dinamização comunitária.

Quem são

Segundo a FEC, a "grande maioria" dos voluntários que partem em 2016 tem entre 18 e 35 anos;

85% são estudantes, recém-licenciados ou pessoas empregadas que utilizam o seu tempo de férias para se dedicar ao desenvolvimento de projetos de voluntariado internacional.

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/80641-Portugal--quase-mil-catolicos-no-voluntariado-missionario-2016. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading