Loading
 
 
 
Loading
 
Fiéis pernambucanos prestam a suas homenagens a Nossa Senhora do Carmo
Loading
 
19 de Julho de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Recife - Pernambuco (Terça-feira, 19-07-2016, Gaudium Press) A Igreja de Olinda e Recife celebrou no dia 16 de julho a memória de sua Padroeira, Nossa Senhora do Carmo. Na ocasião, a cerimônia ocorreu no Pátio da Basílica do Carmo, no centro da capital.

Gaudium Press.jpg

O Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, acompanhado pelo clero e integrantes das ordens religiosas criadas sob a proteção da santa, expressou sua união e apreço pela padroeira excelsa do Recife.

Durante a festividade, houve diversos momentos de oração e Fé. As Santas Missas, confissões e preces de intercessão antecederam o encerramento, no qual o povo de Deus esteve em comunhão com a Igreja.

Antes, no período da manhã, o bispo auxiliar Dom Antônio Tourinho Neto presidiu a Missa Solene no interior da Basílica do Carmo.

Já na parte da tarde, no Pátio do Carmo, Dom Fernando Saburido presidiu a Solene Missa de encerramento da festa de Nossa Senhora do Carmo, concelebrada por freis da província carmelitana.

Em sua homilia, o prelado ressaltou Nossa Senhora como um modelo de coragem, representando a âncora de nossa estabilidade espiritual.

Depois, fez questão de saudar a multidão de fiéis devotos reunida no local, e lembrou que a visão do povo de Deus, reunido em torno do Evangelho e da Fé, alegra a Virgem Santíssima do Carmo.

Ao final da cerimônia, o público se dirigiu para a Solene Procissão pelas ruas do centro da capital pernambucana.

Dom Fernando Saburido, junto com Dom Frei Francisco Sales, nomeado Bispo da Diocese de Cajazeiras, na Paraíba, caminhou pelo meio da população, sendo seguido por religiosos representantes da Ordem Terceira do Carmo, da Irmandade de Bom Jesus dos Passos, de Nossa Senhora da Luz, da Fraternidade Franciscana da Penha, dentre outros.

O andor da procissão, decorado com flores vermelhas e brancas que remetiam a um enorme ramalhete, emocionou a multidão de fiéis.

No retorno à Basílica do Carmo, a procissão reuniu mais devotos no Pátio do Carmo. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Olinda e Recife

Loading
Fiéis pernambucanos prestam a suas homenagens a Nossa Senhora do Carmo

Recife - Pernambuco (Terça-feira, 19-07-2016, Gaudium Press) A Igreja de Olinda e Recife celebrou no dia 16 de julho a memória de sua Padroeira, Nossa Senhora do Carmo. Na ocasião, a cerimônia ocorreu no Pátio da Basílica do Carmo, no centro da capital.

Gaudium Press.jpg

O Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, acompanhado pelo clero e integrantes das ordens religiosas criadas sob a proteção da santa, expressou sua união e apreço pela padroeira excelsa do Recife.

Durante a festividade, houve diversos momentos de oração e Fé. As Santas Missas, confissões e preces de intercessão antecederam o encerramento, no qual o povo de Deus esteve em comunhão com a Igreja.

Antes, no período da manhã, o bispo auxiliar Dom Antônio Tourinho Neto presidiu a Missa Solene no interior da Basílica do Carmo.

Já na parte da tarde, no Pátio do Carmo, Dom Fernando Saburido presidiu a Solene Missa de encerramento da festa de Nossa Senhora do Carmo, concelebrada por freis da província carmelitana.

Em sua homilia, o prelado ressaltou Nossa Senhora como um modelo de coragem, representando a âncora de nossa estabilidade espiritual.

Depois, fez questão de saudar a multidão de fiéis devotos reunida no local, e lembrou que a visão do povo de Deus, reunido em torno do Evangelho e da Fé, alegra a Virgem Santíssima do Carmo.

Ao final da cerimônia, o público se dirigiu para a Solene Procissão pelas ruas do centro da capital pernambucana.

Dom Fernando Saburido, junto com Dom Frei Francisco Sales, nomeado Bispo da Diocese de Cajazeiras, na Paraíba, caminhou pelo meio da população, sendo seguido por religiosos representantes da Ordem Terceira do Carmo, da Irmandade de Bom Jesus dos Passos, de Nossa Senhora da Luz, da Fraternidade Franciscana da Penha, dentre outros.

O andor da procissão, decorado com flores vermelhas e brancas que remetiam a um enorme ramalhete, emocionou a multidão de fiéis.

No retorno à Basílica do Carmo, a procissão reuniu mais devotos no Pátio do Carmo. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Olinda e Recife

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/80726-Fieis-pernambucanos-prestam-a-suas-homenagens-a-Nossa-Senhora-do-Carmo. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O evento, que seguiu o lema “Não temas Maria, pois encontras-te graça diante de Deus”, foi con ...
 
“A capela de adoração é uma iniciativa do Senhor para que tivéssemos um lugar adequado para or ...
 
Conforme o purpurado, Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos. ...
 
Criada em 27 de maio de 1998 pelo Papa João Paulo II, o bispado de Criciúma foi desmembrado da Dio ...
 
O sucesso vocacional do sacerdote depende das orações dos fiéis, afirma arcebispo de Malanje, no ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading