Loading
 
 
 
Loading
 
Sangue de São Genaro volta a liquefazer-se
Loading
 
22 de Setembro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Nápoles - Itália (Quarta-feira, 21/09/2016, Gaudium Press) - Na segunda-feira, 19/09, a multidão que, desde a madrugada, aglomerava-se diante da Catedral de Nápoles, recebeu o anúncio esperado e muito pedido em orações: o sangue de São Genaro havia liquefeito!

Um grande aplauso ecoou prolongadamente pela praça.

O sangue do Bispo e santo padroeiro de Nápoles, que um dia foi recolhido e está posto em uma ampola em um relicário, mais uma vez voltou a liquefazer-se no dia em que foi o santo foi martirizado. Eram 10:38 horas na manhã desta segunda-feira.


O Cardeal Crescenzio Sepe, Arcebispo de Nápoles, apresentou à multidão o relicário que guarda a preciosa relíquia do santo morto no século III.

Esta também foi a hora de os napolitanos, como fazem costumeiramente, depois que certificam-se de que o sangue liquefez-se: eles fazem esvoaçar seus tradicionais lenços brancos por um longo tempo.

As relíquias poderão ser vistas por vários dias, antes de serem devolvidas para a capela do tesouro da catedral, novamente "petrificado".

Milagre que se repete a séculos

O sangue seco de São Januário é conservado em duas ampolas de vidro e tradicionalmente a liquefação do sangue acontece três vezes a cada ano:

no primeiro domingo de maio, no dia 19 de setembro, data do martírio e festa do Santo e em 16 de dezembro.

O milagre acontece com os fiéis pedindo com insistência e fé para que a liquefação se faça na mesma forma como há séculos vem acontecendo.

O fenômeno consiste em que o sangue já solidificado e que se encontra aderido a um lado da ampola, depois de algum tempo, se converte em sangue inteiramente líquido chegando a cobrir todo o recipiente em que se encontra.

Por vezes, o fenômeno da liquefação dura algumas horas e até dias. Às vezes, também, o sangue não se liquefaz.
Quando o sangue não se liquefaz, os fiéis locais interpretam como um aviso de que pode acontecer algum desastre, uma desgraça qualquer.

Neste ano, o milagre aconteceu. (JSG)

Loading
Sangue de São Genaro volta a liquefazer-se

Nápoles - Itália (Quarta-feira, 21/09/2016, Gaudium Press) - Na segunda-feira, 19/09, a multidão que, desde a madrugada, aglomerava-se diante da Catedral de Nápoles, recebeu o anúncio esperado e muito pedido em orações: o sangue de São Genaro havia liquefeito!

Um grande aplauso ecoou prolongadamente pela praça.

O sangue do Bispo e santo padroeiro de Nápoles, que um dia foi recolhido e está posto em uma ampola em um relicário, mais uma vez voltou a liquefazer-se no dia em que foi o santo foi martirizado. Eram 10:38 horas na manhã desta segunda-feira.


O Cardeal Crescenzio Sepe, Arcebispo de Nápoles, apresentou à multidão o relicário que guarda a preciosa relíquia do santo morto no século III.

Esta também foi a hora de os napolitanos, como fazem costumeiramente, depois que certificam-se de que o sangue liquefez-se: eles fazem esvoaçar seus tradicionais lenços brancos por um longo tempo.

As relíquias poderão ser vistas por vários dias, antes de serem devolvidas para a capela do tesouro da catedral, novamente "petrificado".

Milagre que se repete a séculos

O sangue seco de São Januário é conservado em duas ampolas de vidro e tradicionalmente a liquefação do sangue acontece três vezes a cada ano:

no primeiro domingo de maio, no dia 19 de setembro, data do martírio e festa do Santo e em 16 de dezembro.

O milagre acontece com os fiéis pedindo com insistência e fé para que a liquefação se faça na mesma forma como há séculos vem acontecendo.

O fenômeno consiste em que o sangue já solidificado e que se encontra aderido a um lado da ampola, depois de algum tempo, se converte em sangue inteiramente líquido chegando a cobrir todo o recipiente em que se encontra.

Por vezes, o fenômeno da liquefação dura algumas horas e até dias. Às vezes, também, o sangue não se liquefaz.
Quando o sangue não se liquefaz, os fiéis locais interpretam como um aviso de que pode acontecer algum desastre, uma desgraça qualquer.

Neste ano, o milagre aconteceu. (JSG)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/82244-Sangue-de-Sao-Genaro-volta-a-liquefazer-se. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Junto com a peça os visitantes podem assistir a um vídeo com os testemunhos das pessoas que partic ...
 
“A mensagem de Fátima continua a desafiar a uma atitude de oferta da própria vida a Deus e aos ...
 
As celebrações seguiram o lema: “Com Lourenço servidor, do povo protetor, escutamos e anunciamo ...
 
Bispos da Igreja Caldeia Católica apelaram para o fim da guerra na Síria e em todo o Médio Orient ...
 
“A lei que penaliza o aborto provocado está a serviço de um valor altíssimo, que é a vida do n ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading