Loading
 
 
 
Loading
 
Encontro de bispos em Aparecida discute desafios e urgências nos países de língua portuguesa
Loading
 
29 de Setembro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Aparecida - São Paulo (Quinta-feira, 29-09-2016, Gaudium Press) O 12º Encontro de Bispos Lusófonos teve lugar no Seminário Bom Jesus, em Aparecida, entre os dias 23 e 27 de setembro.

Encontro de bispos em Aparecida discute desafios e urgências nos países de língua portuguesa.jpg

Na ocasião, a iniciativa proporcionou o fortalecimento da comunhão eclesial, bem como a cooperação em prol das comunidades e a criação de espaço para aprofundar o conhecimento mútuo entre as Igrejas católicas dos países de falam o idioma português.

O Brasil foi representado pelo Arcebispo de Aparecida, Cardeal Raymundo Damasceno Assis, pelo Arcebispo de Brasília e presidente da CNBB, Dom Sergio da Rocha, pelo bispo auxiliar de Brasília e secretário geral da Conferência, Dom Leonardo Steiner, e pelo assessor da Comissão para os Ministérios Ordenados, Padre Deusmar Jesus da Silva.

Desafios, urgências e soluções que a Igreja enfrenta

Ao longo do encontro, o episcopado lusófono discutiu os desafios, as urgências e as soluções que a Igreja enfrenta nos diversos países.

Os demais assuntos que estiveram em pauta foram "a Igreja e a Família" e as formas de "fortalecer e institucionalizar estes encontros".

Ainda no evento, os bispos destacaram algumas orientações, como a necessidade de continuar a fazer uma análise rigorosa e competente sobre as situações concretas em que a Igreja está presente.

Os prelados também ressaltaram a urgência de cuidar da evangelização na sua ligação profunda com a promoção humana e o encorajamento da presença e ação dos leigos nas várias áreas de intervenção na sociedade.

Maior divulgação da Bíblia e cuidado pastoral da família

Um dos desafios relatados pelo episcopado lusófono foi a sugestão pela maior valorização e a divulgação da Bíblia em todos os setores das Igrejas particulares, assim como o cuidado pastoral da família e de todas as problemáticas que a envolvem e a atenção orante e pastoral às vocações ao sacerdócio e de especial consagração.

Além disso, ficou explícito o desejo de intensificar a presença da Igreja nas universidades, a partir da formação de uma pastoral universitária mais articulada e em rede.

O próximo Encontro de Bispos dos Países Lusófonos ocorrerá na cidade de Praia, capital de Cabo Verde, de 27 a 29 de abril de 2018. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações CNBB

Loading
Encontro de bispos em Aparecida discute desafios e urgências nos países de língua portuguesa

Aparecida - São Paulo (Quinta-feira, 29-09-2016, Gaudium Press) O 12º Encontro de Bispos Lusófonos teve lugar no Seminário Bom Jesus, em Aparecida, entre os dias 23 e 27 de setembro.

Encontro de bispos em Aparecida discute desafios e urgências nos países de língua portuguesa.jpg

Na ocasião, a iniciativa proporcionou o fortalecimento da comunhão eclesial, bem como a cooperação em prol das comunidades e a criação de espaço para aprofundar o conhecimento mútuo entre as Igrejas católicas dos países de falam o idioma português.

O Brasil foi representado pelo Arcebispo de Aparecida, Cardeal Raymundo Damasceno Assis, pelo Arcebispo de Brasília e presidente da CNBB, Dom Sergio da Rocha, pelo bispo auxiliar de Brasília e secretário geral da Conferência, Dom Leonardo Steiner, e pelo assessor da Comissão para os Ministérios Ordenados, Padre Deusmar Jesus da Silva.

Desafios, urgências e soluções que a Igreja enfrenta

Ao longo do encontro, o episcopado lusófono discutiu os desafios, as urgências e as soluções que a Igreja enfrenta nos diversos países.

Os demais assuntos que estiveram em pauta foram "a Igreja e a Família" e as formas de "fortalecer e institucionalizar estes encontros".

Ainda no evento, os bispos destacaram algumas orientações, como a necessidade de continuar a fazer uma análise rigorosa e competente sobre as situações concretas em que a Igreja está presente.

Os prelados também ressaltaram a urgência de cuidar da evangelização na sua ligação profunda com a promoção humana e o encorajamento da presença e ação dos leigos nas várias áreas de intervenção na sociedade.

Maior divulgação da Bíblia e cuidado pastoral da família

Um dos desafios relatados pelo episcopado lusófono foi a sugestão pela maior valorização e a divulgação da Bíblia em todos os setores das Igrejas particulares, assim como o cuidado pastoral da família e de todas as problemáticas que a envolvem e a atenção orante e pastoral às vocações ao sacerdócio e de especial consagração.

Além disso, ficou explícito o desejo de intensificar a presença da Igreja nas universidades, a partir da formação de uma pastoral universitária mais articulada e em rede.

O próximo Encontro de Bispos dos Países Lusófonos ocorrerá na cidade de Praia, capital de Cabo Verde, de 27 a 29 de abril de 2018. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações CNBB


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O evento, que seguiu o lema “Não temas Maria, pois encontras-te graça diante de Deus”, foi con ...
 
“A capela de adoração é uma iniciativa do Senhor para que tivéssemos um lugar adequado para or ...
 
Conforme o purpurado, Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos. ...
 
Criada em 27 de maio de 1998 pelo Papa João Paulo II, o bispado de Criciúma foi desmembrado da Dio ...
 
O sucesso vocacional do sacerdote depende das orações dos fiéis, afirma arcebispo de Malanje, no ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading