Loading
 
 
 
Loading
 
Missionários salesianos saem para evangelizar o mundo
Loading
 
30 de Setembro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Turim - Itália (Sexta-feira, 30-09-2016, Gaudium Press) "Testemunhas de Deus entre os necessitados" é o lema da expedição número 147 dos missionários salesianos que começou no último domingo, 25 de setembro, desde Turim para o mundo: 46 missionários da Congregação Salesiana, de diversas nacionalidades, foram enviados para evangelizar a vários pontos do planeta.

O envio missionário, que ocorre todos os anos na Basílica de Maria Auxiliadora em Turim -casa da família salesiana-, é uma tradição que começou com o próprio São João Bosco no dia 11 de novembro de 1875. Naquela oportunidade um grupo de missionários, entre eles sacerdotes e jovens, partiram até a América, chegando à Patagônia, Argentina, o que marcou o início da expansão da Congregação pelo Novo Continente.

A cada ano o Reitor Maior dos Salesianos, em nome de Dom Bosco, preside a celebração de envio durante uma Missa no templo de Maria Auxiliadora, ali entrega a cada um o crucifixo missionário, que é sinal de envio evangelizador e educativo, e recordação da primeira expedição da Argentina.

"Somos herdeiros de uma tradição mais que centenária de nossa Família Salesiana. Proclamai com valentia a infinita misericórdia e gratidão da parte de Deus, que se manifesta sobretudo entre os mais pobres e necessitados", foram as Palavras que dirigiu o Reitor Maior, Dom Ángel Fernández Artime, ao saudar aos missionários durante a Missa de envio do último domingo.

Durante a homilia, o sucessor de Dom Bosco também destacou a humanidade para transmiti-la no próprio serviço "a que haveis recebido de vossas famílias e cultura, e a profunda que alimentais diariamente na relação confiada com o Senhor".

Além disso, lhe convidou a ser testemunhas da misericórdia optando sempre pelos últimos, os mais necessitados, sem deixar de lado o anúncio da Boa Nova, inspirada em Dom Bosco. "Ajudando-lhes a salvar suas vidas abrindo seu coração ao serviço dos últimos", manifestou o Reitor Maior.

Participam desta 147ª expedição 18 salesianos, 19 Filhas de Maria Auxiliadora, 8 voluntárias e um voluntário, quem foram confiados à maternal proteção de Maria Auxiliadora.

Entre os missionários se encontra o sacerdote mexicano Gabriel Cruz que esperou cerca de 20 anos desde que pela primeira vez solicitou permissão para partir como missionário após uma experiência que viveu com uma comunidade indígena em seu país. "O grupo missionário nos convidou a ir durante a Páscoa entre os indígenas da cidade de Oaxaca. Meu coração ficou tocado por aquela experiência, tanto que depois repeti cada ano no período da Páscoa".

Outro dos missionários recebeu sua vocação de maneira diferente. "Eu não era católico. Estando no estrangeiro sofri um acidente no mar. Me vi arrastado pela correnteza e estive a ponto de afogar-me. Não conseguia chegar à margem. Me salvei milagrosamente. Então senti uma sacudida interior e comecei a pensar em minha vocação: a vontade de Deus para mim", comentou o Padre Reto Wanner, salesiano coadjutor suíço de 44 anos. (GPE/EPC)

Loading
Missionários salesianos saem para evangelizar o mundo

Turim - Itália (Sexta-feira, 30-09-2016, Gaudium Press) "Testemunhas de Deus entre os necessitados" é o lema da expedição número 147 dos missionários salesianos que começou no último domingo, 25 de setembro, desde Turim para o mundo: 46 missionários da Congregação Salesiana, de diversas nacionalidades, foram enviados para evangelizar a vários pontos do planeta.

O envio missionário, que ocorre todos os anos na Basílica de Maria Auxiliadora em Turim -casa da família salesiana-, é uma tradição que começou com o próprio São João Bosco no dia 11 de novembro de 1875. Naquela oportunidade um grupo de missionários, entre eles sacerdotes e jovens, partiram até a América, chegando à Patagônia, Argentina, o que marcou o início da expansão da Congregação pelo Novo Continente.

A cada ano o Reitor Maior dos Salesianos, em nome de Dom Bosco, preside a celebração de envio durante uma Missa no templo de Maria Auxiliadora, ali entrega a cada um o crucifixo missionário, que é sinal de envio evangelizador e educativo, e recordação da primeira expedição da Argentina.

"Somos herdeiros de uma tradição mais que centenária de nossa Família Salesiana. Proclamai com valentia a infinita misericórdia e gratidão da parte de Deus, que se manifesta sobretudo entre os mais pobres e necessitados", foram as Palavras que dirigiu o Reitor Maior, Dom Ángel Fernández Artime, ao saudar aos missionários durante a Missa de envio do último domingo.

Durante a homilia, o sucessor de Dom Bosco também destacou a humanidade para transmiti-la no próprio serviço "a que haveis recebido de vossas famílias e cultura, e a profunda que alimentais diariamente na relação confiada com o Senhor".

Além disso, lhe convidou a ser testemunhas da misericórdia optando sempre pelos últimos, os mais necessitados, sem deixar de lado o anúncio da Boa Nova, inspirada em Dom Bosco. "Ajudando-lhes a salvar suas vidas abrindo seu coração ao serviço dos últimos", manifestou o Reitor Maior.

Participam desta 147ª expedição 18 salesianos, 19 Filhas de Maria Auxiliadora, 8 voluntárias e um voluntário, quem foram confiados à maternal proteção de Maria Auxiliadora.

Entre os missionários se encontra o sacerdote mexicano Gabriel Cruz que esperou cerca de 20 anos desde que pela primeira vez solicitou permissão para partir como missionário após uma experiência que viveu com uma comunidade indígena em seu país. "O grupo missionário nos convidou a ir durante a Páscoa entre os indígenas da cidade de Oaxaca. Meu coração ficou tocado por aquela experiência, tanto que depois repeti cada ano no período da Páscoa".

Outro dos missionários recebeu sua vocação de maneira diferente. "Eu não era católico. Estando no estrangeiro sofri um acidente no mar. Me vi arrastado pela correnteza e estive a ponto de afogar-me. Não conseguia chegar à margem. Me salvei milagrosamente. Então senti uma sacudida interior e comecei a pensar em minha vocação: a vontade de Deus para mim", comentou o Padre Reto Wanner, salesiano coadjutor suíço de 44 anos. (GPE/EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/82534-Missionarios-salesianos-saem-para-evangelizar-o-mundo. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Matriz da Boa Vista acolherá grupos das paróquias que vão se revezar nas Adorações ao Santís ...
 
...
 
Mais de 8 mil católicos, 100 sacerdotes, 120 religiosas e 10 Bispos de todo o país, participaram d ...
 
Segundo o diretor da Rede do Apostolado da Oração do Papa, elas são fruto de um longo processo de ...
 
Desde a infância, ela tinha uma piedade intensa. Aos dez anos dedicou sua virgindade a Deus. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading