Loading
 
 
 
Loading
 
Conheça os detalhes do novo manto da Virgem de Nazaré
Loading
 
7 de Outubro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Belém - Pará (Sexta-feira, 07-10-2016, Gaudium Press) Após a celebração da Santa Missa presidida pelo Arcebispo de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, houve a apresentação do manto oficial que irá revestir a Imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré ao longo das romarias da Festa do Círio de 2016.

Conheça os detalhes do novo manto da Virgem de Nazaré.png

O ornamento foi inspirado no tema "Salve Rainha, Mãe de Misericórdia", bem como no hino "Vós Sois o Lírio Mimoso", composto pelo poeta maranhense Euclides Farias no ano de 1909.

Desenhada pela ilustradora, Aline Folha, e confeccionada pela estilista Marilza Ramos, a peça vinha sendo elaborada desde o início do mês de março deste ano.

Agora, o manto poderá ser visto a partir desta sexta-feira, 7, durante o traslado para Ananindeua, primeira das romarias oficiais da 223ª edição do Círio.

 

O frontão da Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré

1.png

Na borda inferior do manto, representado por uma coluna romana em formato triangular, encimada pela Cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo. Em suas extremidades estão pedras na cor vermelha, simbolizando o Preciosíssimo Sangue de Jesus Misericordioso. A Cruz encerra em si mesma a Misericórdia infinita. Na base da Cruz, em dourado, encontramos a letra "M", que retrata o Santíssimo Nome de Maria. O situar-se do "M" abaixo da Cruz simboliza a virtude da humildade e o dom da força espiritual, que nos são ensinados pela Virgem Maria: a humildade de colocar-se a serviço de seu Filho e Senhor, e a força espiritual por ela demonstrada ao permanecer de pé no Calvário.

 

A silhueta da frente da Sé Catedral

Os arabescos que compõem a borda superior do manto retratam a silhueta da frente da Sé Catedral, local marcado pelo início da evangelização na Amazônia, que em 2016 celebra seus 400 anos. Nesses arabescos está simbolizado o espaço sagrado onde acontece o encerramento da Trasladação e o início do Círio, considerado pelos fiéis paraenses como o Círio dos 400 anos de Evangelização na Amazônia.

 

A noite estrelada da trasladação

2.png

Situado na borda superior da costa do manto, há um céu azul, pontilhado de estrelas douradas, pequenas e grandes, que remetem para a noite estrelada do sábado da trasladação, sob a qual caminhamos, em oração.

 

 

 

 

O sol, a coroa da rainha e o domingo ensolarado

3.png

Atrás da Cruz é possível ver um sol em dourado suave, do qual emanam raios de luz e estrelas, pequenas e grandes. O sol enseja a Coroa da Rainha, a Virgem Santíssima, a Mulher vestida de sol, coroada de estrelas. Além disso, representa, também, o delicado nascer do dia no domingo, a Luz que anuncia o encontro de misericórdia entre o céu e a terra, a Festa da Rainha da Amazônia.

 

O Caminho Místico da Fé

Entre a Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré (simbolizada pela bela arte de seu frontão) e a Catedral da Sé (representada pela delicadeza dos arabescos que remetem a silhueta da sua frente), acontece o Caminho Místico da Fé, que reúne o céu estrelado do sábado da trasladação com o dia ensolarado do domingo do Círio.

 

Jardim de lírios

4.png

Emoldurando toda a extensão horizontal inferior do manto, foi confeccionado um Jardim de Lírios, em alto relevo, formando assim um verdadeiro "abraço materno de misericórdia", o abraço da Mãe Santíssima do Céu a seus filhos, o abraço do Lírio Mimoso.


O Coração Imaculado de Maria Santíssima

5.png

O broche dourado que fecha o abraço materno da Misericórdia traz o Coração Imaculado de Nossa Senhora, cravejado de pedras vermelhas, entrelaçado de rosas e traspassado pela espada de dor. O formato do broche, aliás, foi inspirado no arabesco inferior de um dos portões da Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré, que se abre para a Porta Santa da Misericórdia. Ainda, na cercadura do broche, está gravada a evocação em latim "Mater Misericordiae", que nos remete a frase disposta no frontão: "Salve Regina, Mater Misericordiae" (Salve Rainha, Mãe de Misericórdia), tema do Círio 2016.

 

(LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Fundação Nazaré de Comunicação, Site oficial do Círio de Nazaré e Basílica Santuário de Nazaré

Loading
Conheça os detalhes do novo manto da Virgem de Nazaré

Belém - Pará (Sexta-feira, 07-10-2016, Gaudium Press) Após a celebração da Santa Missa presidida pelo Arcebispo de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, houve a apresentação do manto oficial que irá revestir a Imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré ao longo das romarias da Festa do Círio de 2016.

Conheça os detalhes do novo manto da Virgem de Nazaré.png

O ornamento foi inspirado no tema "Salve Rainha, Mãe de Misericórdia", bem como no hino "Vós Sois o Lírio Mimoso", composto pelo poeta maranhense Euclides Farias no ano de 1909.

Desenhada pela ilustradora, Aline Folha, e confeccionada pela estilista Marilza Ramos, a peça vinha sendo elaborada desde o início do mês de março deste ano.

Agora, o manto poderá ser visto a partir desta sexta-feira, 7, durante o traslado para Ananindeua, primeira das romarias oficiais da 223ª edição do Círio.

 

O frontão da Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré

1.png

Na borda inferior do manto, representado por uma coluna romana em formato triangular, encimada pela Cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo. Em suas extremidades estão pedras na cor vermelha, simbolizando o Preciosíssimo Sangue de Jesus Misericordioso. A Cruz encerra em si mesma a Misericórdia infinita. Na base da Cruz, em dourado, encontramos a letra "M", que retrata o Santíssimo Nome de Maria. O situar-se do "M" abaixo da Cruz simboliza a virtude da humildade e o dom da força espiritual, que nos são ensinados pela Virgem Maria: a humildade de colocar-se a serviço de seu Filho e Senhor, e a força espiritual por ela demonstrada ao permanecer de pé no Calvário.

 

A silhueta da frente da Sé Catedral

Os arabescos que compõem a borda superior do manto retratam a silhueta da frente da Sé Catedral, local marcado pelo início da evangelização na Amazônia, que em 2016 celebra seus 400 anos. Nesses arabescos está simbolizado o espaço sagrado onde acontece o encerramento da Trasladação e o início do Círio, considerado pelos fiéis paraenses como o Círio dos 400 anos de Evangelização na Amazônia.

 

A noite estrelada da trasladação

2.png

Situado na borda superior da costa do manto, há um céu azul, pontilhado de estrelas douradas, pequenas e grandes, que remetem para a noite estrelada do sábado da trasladação, sob a qual caminhamos, em oração.

 

 

 

 

O sol, a coroa da rainha e o domingo ensolarado

3.png

Atrás da Cruz é possível ver um sol em dourado suave, do qual emanam raios de luz e estrelas, pequenas e grandes. O sol enseja a Coroa da Rainha, a Virgem Santíssima, a Mulher vestida de sol, coroada de estrelas. Além disso, representa, também, o delicado nascer do dia no domingo, a Luz que anuncia o encontro de misericórdia entre o céu e a terra, a Festa da Rainha da Amazônia.

 

O Caminho Místico da Fé

Entre a Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré (simbolizada pela bela arte de seu frontão) e a Catedral da Sé (representada pela delicadeza dos arabescos que remetem a silhueta da sua frente), acontece o Caminho Místico da Fé, que reúne o céu estrelado do sábado da trasladação com o dia ensolarado do domingo do Círio.

 

Jardim de lírios

4.png

Emoldurando toda a extensão horizontal inferior do manto, foi confeccionado um Jardim de Lírios, em alto relevo, formando assim um verdadeiro "abraço materno de misericórdia", o abraço da Mãe Santíssima do Céu a seus filhos, o abraço do Lírio Mimoso.


O Coração Imaculado de Maria Santíssima

5.png

O broche dourado que fecha o abraço materno da Misericórdia traz o Coração Imaculado de Nossa Senhora, cravejado de pedras vermelhas, entrelaçado de rosas e traspassado pela espada de dor. O formato do broche, aliás, foi inspirado no arabesco inferior de um dos portões da Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré, que se abre para a Porta Santa da Misericórdia. Ainda, na cercadura do broche, está gravada a evocação em latim "Mater Misericordiae", que nos remete a frase disposta no frontão: "Salve Regina, Mater Misericordiae" (Salve Rainha, Mãe de Misericórdia), tema do Círio 2016.

 

(LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Fundação Nazaré de Comunicação, Site oficial do Círio de Nazaré e Basílica Santuário de Nazaré

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/82698-Conheca-os-detalhes-do-novo-manto-da-Virgem-de-Nazare. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading