Loading
 
 
 
Loading
 
Santo Rosário é arma na luta contra o terrorismo
Loading
 
18 de Outubro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Maiduguri - Nigéria (Terça-feira, 18-10-2016, Gaudium Press) Dom Oliver Doeme, Bispo de Maiduguri, Nigéria, é um dos prelados que enfrenta diretamente os estragos da violência do grupo terrorista Boko Haram, responsável por numerosos atentados anticristãos no norte da Nigéria. Para combater esta situação, o prelado convocou uma campanha de oração pedindo a Deus sua intervenção. "Devemos promover a devoção a Nossa Senhora", indicou. "Maria é a solução para o mundo de hoje".

Santo Rosário é arma na luta contra o terrorismo.jpg

"Boko Haram quer destruir a Cristandade no noroeste, na Nigéria e no mundo inteiro", explicou o prelado ao 'National Catholic Register'. De acordo com o Bispo, cerca de cinco mil católicos já foram eliminados pelo grupo terrorista. "Eles estão no Céu com os milhões de outros Santos e Mártires, intercedendo por nós agora", exclamou. O prelado expôs como 25 de seus 46 sacerdotes foram expulsos de seus territórios, e 45 religiosas tiveram que refugiar-se em outros lugares. 350 templos foram destruídos e 22 centros paroquiais e capelanias abandonadas.

Uma resposta celestial

No entanto, Dom Doeme conserva a esperança, pois uma experiência que viveu em outubro de 2014 lhe mostrou uma saída. "Estava na minha capela em oração, recitando o Rosário diante do Santíssimo Sacramento exposto. Então o Senhor me apareceu, de pé junto ao altar", relatou o Bispo. "Ele apareceu como Jesus, o Bom Pastor, e sustentava uma espada com ambas as mãos. Diante disso fiquei nervoso. Lhe disse: 'Senhor, o que é isto?' Ele não disse nada, apenas se aproximou de mim e, se inclinando, me deu a espada, a qual se transformou em um Rosário". A visão concluiu quando Jesus Cristo lhe disse: "Boko Haram se foi; Boko Haram se foi; Boko Haram se foi".

Durante meses Dom Doeme manteve isto em silêncio e refletiu que Jesus havia se manifestado pois conhece a dor de seu povo e deseja fortalecer sua Fé em momentos em que fraqueja sua esperança. Em janeiro de 2015 revelou o fato, consagrando sua Diocese ao Imaculado Coração de Maria e redigindo uma Carta Pastoral na qual pedia a recitação do Santo Rosário e a realização de procissões em todos os lugares. (EPC)

Com informações da National Catholic Register

Loading
Santo Rosário é arma na luta contra o terrorismo

Maiduguri - Nigéria (Terça-feira, 18-10-2016, Gaudium Press) Dom Oliver Doeme, Bispo de Maiduguri, Nigéria, é um dos prelados que enfrenta diretamente os estragos da violência do grupo terrorista Boko Haram, responsável por numerosos atentados anticristãos no norte da Nigéria. Para combater esta situação, o prelado convocou uma campanha de oração pedindo a Deus sua intervenção. "Devemos promover a devoção a Nossa Senhora", indicou. "Maria é a solução para o mundo de hoje".

Santo Rosário é arma na luta contra o terrorismo.jpg

"Boko Haram quer destruir a Cristandade no noroeste, na Nigéria e no mundo inteiro", explicou o prelado ao 'National Catholic Register'. De acordo com o Bispo, cerca de cinco mil católicos já foram eliminados pelo grupo terrorista. "Eles estão no Céu com os milhões de outros Santos e Mártires, intercedendo por nós agora", exclamou. O prelado expôs como 25 de seus 46 sacerdotes foram expulsos de seus territórios, e 45 religiosas tiveram que refugiar-se em outros lugares. 350 templos foram destruídos e 22 centros paroquiais e capelanias abandonadas.

Uma resposta celestial

No entanto, Dom Doeme conserva a esperança, pois uma experiência que viveu em outubro de 2014 lhe mostrou uma saída. "Estava na minha capela em oração, recitando o Rosário diante do Santíssimo Sacramento exposto. Então o Senhor me apareceu, de pé junto ao altar", relatou o Bispo. "Ele apareceu como Jesus, o Bom Pastor, e sustentava uma espada com ambas as mãos. Diante disso fiquei nervoso. Lhe disse: 'Senhor, o que é isto?' Ele não disse nada, apenas se aproximou de mim e, se inclinando, me deu a espada, a qual se transformou em um Rosário". A visão concluiu quando Jesus Cristo lhe disse: "Boko Haram se foi; Boko Haram se foi; Boko Haram se foi".

Durante meses Dom Doeme manteve isto em silêncio e refletiu que Jesus havia se manifestado pois conhece a dor de seu povo e deseja fortalecer sua Fé em momentos em que fraqueja sua esperança. Em janeiro de 2015 revelou o fato, consagrando sua Diocese ao Imaculado Coração de Maria e redigindo uma Carta Pastoral na qual pedia a recitação do Santo Rosário e a realização de procissões em todos os lugares. (EPC)

Com informações da National Catholic Register

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/82936-Santo-Rosario-e-arma-na-luta-contra-o-terrorismo. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading