Loading
 
 
 
Loading
 
Basílica de Nossa Senhora Imaculada de Gênova pode ser visitada através de um aplicativo
Loading
 
7 de Novembro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Gênova - Itália (Segunda-feira, 07-11-2016, Gaudium Press) Com a finalidade de viver uma nova experiência de visita interativa, o Departamento Nacional para os Bens Culturais Eclesiásticos em união com o Serviço Informativo da Conferência Episcopal Italiana e a Arquidiocese de Gênova apresentaram recentemente um aplicativo que faz possível percorrer em detalhes a Basílica de Maria Imaculada Gênova.

Basílica de Nossa Senhora Imaculada de Gênova pode ser visitada através de um aplicativo.jpg

O 'app' foi dado a conhecer em setembro passado por ocasião do 26º Congresso Eucarístico Nacional que ocorreu na cidade italiana. Através dele se pode acessar em detalhes os objetos, obras de arte e seus autores, capelas e arquitetura do templo genovês, graças à tecnologia chamada "iBeacon App", dedicada aos lugares de culto.

Durante o Congresso Eucarístico de setembro passado, os visitantes do templo tiveram a oportunidade de interagir com a Basílica fazendo uso do 'app'. A Basílica colocou ao alcance dos peregrinos vários dispositivos móveis com o aplicativo instalado para favorecer a experiência interativa da visita.

"O visitante teve à disposição diretamente sobre o dispositivo os textos, conteúdo extra, como música e imagens fotográficas de arquivo, com a possibilidade de explorar os materiais de construção do edifício, sobre as obras conservadas em seu interior e sobre os autores que as realizaram", expõem a partir da iniciativa 'Vie della Belleza', projeto promovido pela Conferência Episcopal Italiana.

"Desta maneira, tem sido possível admirar detalhes particularmente difíceis de ver a simples vista como por exemplo os Mistérios do Rosário de Nicolò Barabino, a pequeníssima mesa disposta na estrutura do altar de Nossa Senhora do Rosário; ou ter novos pontos de vista (...)", prosseguem.

A Basílica de Santa Maria Imaculada de Gênova é exemplo da arquitetura neo-renascentista sacra. Foi a primeira igreja que se dedicou à Imaculada Conceição depois que o Papa Pio IX proclamou o dogma no dia 08 de dezembro de 1854.

Seu interior guarda tesouros artísticos que falam de Deus e comunicam a beleza da Fé. Entre eles precisamente se destacam os afrescos de Barabino onde está representada Nossa Senhora do Rosário com São Domingos e Santa Catarina.

Tal como ocorre ao visitar os lugares santos, os visitantes interativos do 'app', poderão percorrer a Basílica escolhendo duas modalidades: a visita guiada ou a visita livre.

O aplicativo está disponível somente em italiano na 'App Store' com o nome de "Basilica di Santa Maria Immacolata".

Ela faz parte do projeto de inventário das dioceses italianas, animado a partir da Conferência Episcopal, onde se tem desenvolvido outros 'app', entre eles "Cattedrali d'Italia" e a "AICE", este último dedicado aos arquivos das bibliotecas e museus eclesiásticos do país europeu. (GPE/EPC)

Loading
Basílica de Nossa Senhora Imaculada de Gênova pode ser visitada através de um aplicativo

Gênova - Itália (Segunda-feira, 07-11-2016, Gaudium Press) Com a finalidade de viver uma nova experiência de visita interativa, o Departamento Nacional para os Bens Culturais Eclesiásticos em união com o Serviço Informativo da Conferência Episcopal Italiana e a Arquidiocese de Gênova apresentaram recentemente um aplicativo que faz possível percorrer em detalhes a Basílica de Maria Imaculada Gênova.

Basílica de Nossa Senhora Imaculada de Gênova pode ser visitada através de um aplicativo.jpg

O 'app' foi dado a conhecer em setembro passado por ocasião do 26º Congresso Eucarístico Nacional que ocorreu na cidade italiana. Através dele se pode acessar em detalhes os objetos, obras de arte e seus autores, capelas e arquitetura do templo genovês, graças à tecnologia chamada "iBeacon App", dedicada aos lugares de culto.

Durante o Congresso Eucarístico de setembro passado, os visitantes do templo tiveram a oportunidade de interagir com a Basílica fazendo uso do 'app'. A Basílica colocou ao alcance dos peregrinos vários dispositivos móveis com o aplicativo instalado para favorecer a experiência interativa da visita.

"O visitante teve à disposição diretamente sobre o dispositivo os textos, conteúdo extra, como música e imagens fotográficas de arquivo, com a possibilidade de explorar os materiais de construção do edifício, sobre as obras conservadas em seu interior e sobre os autores que as realizaram", expõem a partir da iniciativa 'Vie della Belleza', projeto promovido pela Conferência Episcopal Italiana.

"Desta maneira, tem sido possível admirar detalhes particularmente difíceis de ver a simples vista como por exemplo os Mistérios do Rosário de Nicolò Barabino, a pequeníssima mesa disposta na estrutura do altar de Nossa Senhora do Rosário; ou ter novos pontos de vista (...)", prosseguem.

A Basílica de Santa Maria Imaculada de Gênova é exemplo da arquitetura neo-renascentista sacra. Foi a primeira igreja que se dedicou à Imaculada Conceição depois que o Papa Pio IX proclamou o dogma no dia 08 de dezembro de 1854.

Seu interior guarda tesouros artísticos que falam de Deus e comunicam a beleza da Fé. Entre eles precisamente se destacam os afrescos de Barabino onde está representada Nossa Senhora do Rosário com São Domingos e Santa Catarina.

Tal como ocorre ao visitar os lugares santos, os visitantes interativos do 'app', poderão percorrer a Basílica escolhendo duas modalidades: a visita guiada ou a visita livre.

O aplicativo está disponível somente em italiano na 'App Store' com o nome de "Basilica di Santa Maria Immacolata".

Ela faz parte do projeto de inventário das dioceses italianas, animado a partir da Conferência Episcopal, onde se tem desenvolvido outros 'app', entre eles "Cattedrali d'Italia" e a "AICE", este último dedicado aos arquivos das bibliotecas e museus eclesiásticos do país europeu. (GPE/EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Com 250 quilômetros, a ciclovia unirá caminhos já existentes com outros que serão criados, passa ...
 
A Igreja sempre considerou o serviço aos enfermos como “parte integral de sua missão”. ...
 
Os franciscanos conventuais de Pádua apresentaram um balanço sobre os peregrinos que visitam a Ba ...
 
O Encontro do organismo da CNBB reuniu-se em Brasília entre os dias 16 e 17 últimos. ...
 
Jesus expulsa o espírito mau: Mestre, eu trouxe a Ti o meu filho que tem um espírito mudo... ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading