Loading
 
 
 
Loading
 
Arquidiocese do Rio celebra Festa da Unidade e fechamento da Porta Santa
Loading
 
14 de Novembro de 2016 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Rio de Janeiro (Segunda-feira, 14-11-2016, Gaudium Press) A Arquidiocese do Rio de Janeiro realizou no último sábado, 12 de novembro, na Catedral Metropolitana, a quarta edição da "Festa da Unidade", que reuniu desde membros do clero até religiosos, seminaristas, agentes de pastorais, comunidades e movimentos de todas as paróquias da Cidade Maravilhosa.

Arquidiocese do Rio celebra Festa da Unidade e fechamento da Porta Santa.jpg

Um dos momentos mais significativos da cerimônia, o encerramento do Ano Santo da Misericórdia instituído pelo Papa Francisco para a Igreja no mundo foi selado pelo fechamento da Porta Santa da Catedral ao som do Magnificat e acompanhado pelos aplausos da multidão presente no templo.

"Rendamos com alegria graças a Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, porque neste ano de graça nos abençoou com toda a espécie de bênçãos espirituais nos céus em Cristo. A todos foi oferecido um tempo precioso de misericórdia e conversão. Exprimamos nossa alegria e a nossa ação de graças, no recolhimento desta manhã, com as palavras da Virgem Maria, nossa Mãe. Cantando a misericórdia de Deus que se estende de geração em geração, suplicamos que Ele continue a derramá-la sobre o mundo inteiro como orvalho matutino", exortou o Cardeal Arcebispo Orani João Tempesta, que durante o fechamento da Porta Santa pôs-se de joelhos em profundo momento de oração.

O Cardeal Tempesta, aliás, proferiu a bênção final ressaltando o acolhimento de Jesus para com todos e a importância de que a misericórdia do Pai seja visibilizada no amor ao próximo.

"Hoje fechamos a Porta Santa num momento extraordinário. Porém, a porta do Coração de Jesus está sempre aberta para acolher a todos. Que a misericórdia anunciada e vivenciada durante este Ano Santo seja refletida no amor aos irmãos e que continuemos a experimentar e a testemunhar a misericórdia. O mundo precisa acreditar em Jesus Cristo como centro da nossa vida", afirmou.

A Festa da Unidade foi marcada por diferentes momentos da Igreja do Rio, entre eles, o início do Ano Mariano em âmbito diocesano, inspirado pelo tema "Misericordiosos como o Pai" (Lc 6, 36). Na ocasião, os fiéis foram convidados a levar suas imagens de Nossa Senhora Aparecida para bênçãos. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese do Rio de Janeiro

Loading
Arquidiocese do Rio celebra Festa da Unidade e fechamento da Porta Santa

Rio de Janeiro (Segunda-feira, 14-11-2016, Gaudium Press) A Arquidiocese do Rio de Janeiro realizou no último sábado, 12 de novembro, na Catedral Metropolitana, a quarta edição da "Festa da Unidade", que reuniu desde membros do clero até religiosos, seminaristas, agentes de pastorais, comunidades e movimentos de todas as paróquias da Cidade Maravilhosa.

Arquidiocese do Rio celebra Festa da Unidade e fechamento da Porta Santa.jpg

Um dos momentos mais significativos da cerimônia, o encerramento do Ano Santo da Misericórdia instituído pelo Papa Francisco para a Igreja no mundo foi selado pelo fechamento da Porta Santa da Catedral ao som do Magnificat e acompanhado pelos aplausos da multidão presente no templo.

"Rendamos com alegria graças a Deus, Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, porque neste ano de graça nos abençoou com toda a espécie de bênçãos espirituais nos céus em Cristo. A todos foi oferecido um tempo precioso de misericórdia e conversão. Exprimamos nossa alegria e a nossa ação de graças, no recolhimento desta manhã, com as palavras da Virgem Maria, nossa Mãe. Cantando a misericórdia de Deus que se estende de geração em geração, suplicamos que Ele continue a derramá-la sobre o mundo inteiro como orvalho matutino", exortou o Cardeal Arcebispo Orani João Tempesta, que durante o fechamento da Porta Santa pôs-se de joelhos em profundo momento de oração.

O Cardeal Tempesta, aliás, proferiu a bênção final ressaltando o acolhimento de Jesus para com todos e a importância de que a misericórdia do Pai seja visibilizada no amor ao próximo.

"Hoje fechamos a Porta Santa num momento extraordinário. Porém, a porta do Coração de Jesus está sempre aberta para acolher a todos. Que a misericórdia anunciada e vivenciada durante este Ano Santo seja refletida no amor aos irmãos e que continuemos a experimentar e a testemunhar a misericórdia. O mundo precisa acreditar em Jesus Cristo como centro da nossa vida", afirmou.

A Festa da Unidade foi marcada por diferentes momentos da Igreja do Rio, entre eles, o início do Ano Mariano em âmbito diocesano, inspirado pelo tema "Misericordiosos como o Pai" (Lc 6, 36). Na ocasião, os fiéis foram convidados a levar suas imagens de Nossa Senhora Aparecida para bênçãos. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese do Rio de Janeiro

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/83512-Arquidiocese-do-Rio-celebra-Festa-da-Unidade-e-fechamento-da-Porta-Santa. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Matriz da Boa Vista acolherá grupos das paróquias que vão se revezar nas Adorações ao Santís ...
 
...
 
Mais de 8 mil católicos, 100 sacerdotes, 120 religiosas e 10 Bispos de todo o país, participaram d ...
 
Segundo o diretor da Rede do Apostolado da Oração do Papa, elas são fruto de um longo processo de ...
 
Desde a infância, ela tinha uma piedade intensa. Aos dez anos dedicou sua virgindade a Deus. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading