Loading
 
 
 
Loading
 
Sacerdote propõem escolas católicas como solução ao abandono precoce da Fé nos EUA
Loading
 
10 de Janeiro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Washington - Estados Unidos (Terça-feira, 10-01-2017, Gaudium Press) O Sacerdote Peter M. J. Stravinskas, fundador da Sociedade Sacerdotal do Beato Cardeal John Henry Newman, analisou os resultados de um preocupante estudo que assinala que as crianças e jovens perdem a Fé nos Estados Unidos dos 10 aos 17 anos, e assinalou a importância de compartilhar uma educação autenticamente católica para reverter esta tendência. "Não surpreende que os jovens católicos educados em escolas públicas deixem a Fé", afirmou em um artigo para 'The Catholic Educator'. O sacerdote assinalou vários exemplos nos quais um ambiente católico evita a confusão dos menores diante de uma cultura contrária à Fé.

Sacerdote propõem escolas católicas como solução ao abandono precoce da Fé nos EUA.jpg
Apesar dos resultados do estudo serem alarmantes (63 por cento daqueles que deixam a Fé o fazem dos 10 aos 17 anos e somente 13% admite que haja possibilidade de retornar à Igreja), o Padre Stravinskas explicou que somente 19% dos entrevistados estudou em uma primária católica e somente 8% estudou o secundário em uma escola católica. "Sendo mais contundente, 81% dos jovens apóstatas são produto das escolas primárias públicas, enquanto que 92% provêm de secundárias públicas", afirmou.

O sacerdote declarou que não o surpreendem os resultados, já que as escolas públicas têm um histórico de ser ambientes hostis à Fé. "Não somente a religião é ignorada, mas que quando é discutida, em demasiados lugares é acusada de ser a causa da ignorância e da guerra", explicou. A solução para este problema é educar as crianças em um ambiente favorável à Fé, no qual possam conhecer que não existe contradição entre a Fé e a Razão.

Exemplos de como isto se pratica nos Estados Unidos incluem aulas nas quais ao tocar o tema da astronomia se citam as referências bíblicas aos astros, o reconhecimento das grandes contribuições científicas católicas (quase todos sacerdotes), o ensinamento dos diferentes métodos para conhecer a verdade e sua complementariedade, a explicação da moral da Igreja sobre o aborto nas classes que expõem o desenvolvimento embrionário e fetal, entre outros. Para praticar estas propostas, é necessário contar com escolas católicas: "Estes cenários não tem lugar em nenhuma escola de governo em nenhum momento", advertiu.

O Padre Stravinskas concluiu seu artigo advertindo aos pais de família sobre o grave risco para a Fé que significa escolher uma escola que não é compatível com a Fé e recomendou aos fiéis apoiar ativamente a educação católica, assim como aos Bispos e sacerdotes continuar denunciando os perigos que os fiéis correm nas escolas públicas. (GPE/EPC)

Loading
Sacerdote propõem escolas católicas como solução ao abandono precoce da Fé nos EUA

Washington - Estados Unidos (Terça-feira, 10-01-2017, Gaudium Press) O Sacerdote Peter M. J. Stravinskas, fundador da Sociedade Sacerdotal do Beato Cardeal John Henry Newman, analisou os resultados de um preocupante estudo que assinala que as crianças e jovens perdem a Fé nos Estados Unidos dos 10 aos 17 anos, e assinalou a importância de compartilhar uma educação autenticamente católica para reverter esta tendência. "Não surpreende que os jovens católicos educados em escolas públicas deixem a Fé", afirmou em um artigo para 'The Catholic Educator'. O sacerdote assinalou vários exemplos nos quais um ambiente católico evita a confusão dos menores diante de uma cultura contrária à Fé.

Sacerdote propõem escolas católicas como solução ao abandono precoce da Fé nos EUA.jpg
Apesar dos resultados do estudo serem alarmantes (63 por cento daqueles que deixam a Fé o fazem dos 10 aos 17 anos e somente 13% admite que haja possibilidade de retornar à Igreja), o Padre Stravinskas explicou que somente 19% dos entrevistados estudou em uma primária católica e somente 8% estudou o secundário em uma escola católica. "Sendo mais contundente, 81% dos jovens apóstatas são produto das escolas primárias públicas, enquanto que 92% provêm de secundárias públicas", afirmou.

O sacerdote declarou que não o surpreendem os resultados, já que as escolas públicas têm um histórico de ser ambientes hostis à Fé. "Não somente a religião é ignorada, mas que quando é discutida, em demasiados lugares é acusada de ser a causa da ignorância e da guerra", explicou. A solução para este problema é educar as crianças em um ambiente favorável à Fé, no qual possam conhecer que não existe contradição entre a Fé e a Razão.

Exemplos de como isto se pratica nos Estados Unidos incluem aulas nas quais ao tocar o tema da astronomia se citam as referências bíblicas aos astros, o reconhecimento das grandes contribuições científicas católicas (quase todos sacerdotes), o ensinamento dos diferentes métodos para conhecer a verdade e sua complementariedade, a explicação da moral da Igreja sobre o aborto nas classes que expõem o desenvolvimento embrionário e fetal, entre outros. Para praticar estas propostas, é necessário contar com escolas católicas: "Estes cenários não tem lugar em nenhuma escola de governo em nenhum momento", advertiu.

O Padre Stravinskas concluiu seu artigo advertindo aos pais de família sobre o grave risco para a Fé que significa escolher uma escola que não é compatível com a Fé e recomendou aos fiéis apoiar ativamente a educação católica, assim como aos Bispos e sacerdotes continuar denunciando os perigos que os fiéis correm nas escolas públicas. (GPE/EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/84679-Sacerdote-propoem-escolas-catolicas-como-solucao-ao-abandono-precoce-da-Fe-nos-EUA. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading