Loading
 
 
 
Loading
 
Com mais de 6 mil exorcismos de experiência, sacerdote adverte não abrir a porta ao maligno
Loading
 
13 de Janeiro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Los Angeles - Estados Unidos (Sexta-feira, 13-01-2017, Gaudium Press) Em uma entrevista concedida ao jornal "'Hoy Los Ángeles', o Padre Francisco López Sedano, religioso dos Missionários do Espírito Santo com décadas de experiência no ministério do exorcismo, recordou a realidade da existência do demônio, a confiança no poder de Deus que supera as forças do mal e a necessidade de que os fiéis não abram as portas de sua alma à ação do maligno.

Com mais de 6 mil exorcismos de experiência, sacerdote adverte não abrir a porta ao maligno.jpg

Como advertência prática aos leitores, o Padre López alertou contra as práticas ocultistas que frequentemente são empregadas pelo demônio para ganhar controle sobre as pessoas. "A gente deixa entrar ao diabo. Não se meteria conosco se não lhe abrirmos as portas", comentou. "Por isso Deus proíbe praticar magia, superstição, bruxaria, feitiçaria, adivinhação, consulta a mortos e espíritos e astrologia. Esses são os sete terrenos da mentira e engano".

O exorcista rejeitou como falsidade as propostas adivinhatórias como os horóscopos ou o recurso a amuletos e superstições para acessar a uma suposta boa sorte. "Que os astros influenciem em nossa vida é a maior mentira. Estão a milhões de quilômetros! São corpos formados por metais e gases, como vão influenciar em nós? O mesmo passa com a magia, que é atribuir as coisas um poder que não tem".

O Padre López reiterou que não sente temor ainda que tenha presenciado numerosas manifestações preternaturais, já que conta com a proteção de Deus em seu ministério, sem a qual ninguém se atreveria a exercê-lo, e porque o verdadeiro fim do maligno é o pecado. "O demônio o que quer é apartar-nos de Deus, nos coloca frouxidão, cansaço, desconfiança, desespero, ódio; tudo negativo", indicou. Ter visto de perto a ação do mal não lhe arrebatou a Fé: "Para mim se confirmou a esperança porque a partir da Cruz Cristo já venceu e ganhou a guerra absoluta". (GPE/EPC)

Loading
Com mais de 6 mil exorcismos de experiência, sacerdote adverte não abrir a porta ao maligno

Los Angeles - Estados Unidos (Sexta-feira, 13-01-2017, Gaudium Press) Em uma entrevista concedida ao jornal "'Hoy Los Ángeles', o Padre Francisco López Sedano, religioso dos Missionários do Espírito Santo com décadas de experiência no ministério do exorcismo, recordou a realidade da existência do demônio, a confiança no poder de Deus que supera as forças do mal e a necessidade de que os fiéis não abram as portas de sua alma à ação do maligno.

Com mais de 6 mil exorcismos de experiência, sacerdote adverte não abrir a porta ao maligno.jpg

Como advertência prática aos leitores, o Padre López alertou contra as práticas ocultistas que frequentemente são empregadas pelo demônio para ganhar controle sobre as pessoas. "A gente deixa entrar ao diabo. Não se meteria conosco se não lhe abrirmos as portas", comentou. "Por isso Deus proíbe praticar magia, superstição, bruxaria, feitiçaria, adivinhação, consulta a mortos e espíritos e astrologia. Esses são os sete terrenos da mentira e engano".

O exorcista rejeitou como falsidade as propostas adivinhatórias como os horóscopos ou o recurso a amuletos e superstições para acessar a uma suposta boa sorte. "Que os astros influenciem em nossa vida é a maior mentira. Estão a milhões de quilômetros! São corpos formados por metais e gases, como vão influenciar em nós? O mesmo passa com a magia, que é atribuir as coisas um poder que não tem".

O Padre López reiterou que não sente temor ainda que tenha presenciado numerosas manifestações preternaturais, já que conta com a proteção de Deus em seu ministério, sem a qual ninguém se atreveria a exercê-lo, e porque o verdadeiro fim do maligno é o pecado. "O demônio o que quer é apartar-nos de Deus, nos coloca frouxidão, cansaço, desconfiança, desespero, ódio; tudo negativo", indicou. Ter visto de perto a ação do mal não lhe arrebatou a Fé: "Para mim se confirmou a esperança porque a partir da Cruz Cristo já venceu e ganhou a guerra absoluta". (GPE/EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Junto com a peça os visitantes podem assistir a um vídeo com os testemunhos das pessoas que partic ...
 
“A mensagem de Fátima continua a desafiar a uma atitude de oferta da própria vida a Deus e aos ...
 
As celebrações seguiram o lema: “Com Lourenço servidor, do povo protetor, escutamos e anunciamo ...
 
Bispos da Igreja Caldeia Católica apelaram para o fim da guerra na Síria e em todo o Médio Orient ...
 
“A lei que penaliza o aborto provocado está a serviço de um valor altíssimo, que é a vida do n ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading