Loading
 
 
 
Loading
 
Memorial de Catedral destruída pelos bolcheviques será instalado na Ucrânia
Loading
 
13 de Fevereiro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Odessa - Ucrânia (Segunda-feira, 13-02-2017, Gaudium Press) Uma iniciativa do Bispo de Odessa, Dom Bronislaw Bernatsky, foi respaldada pelo Conselho da Cidade que acordou erigir um memorial em honra da Catedral de rito latino, destruída há mais de oitenta anos pelas mãos dos bolcheviques. "A instalação do memorial mostrará o vínculo entre as nações polonesas e ucraniana", expressou a conselheira Anna Pozdnyakova.

Memorial de Catedral destruída pelos bolcheviques será instalado na Ucrânia.jpg

O memorial estará localizado em uma rua próxima ao lugar onde se erigia a Catedral de São Clemente e honrará não apenas o templo, mas aos católicos perseguidos durante a perseguição política do regime comunista. Em uma carta de respaldo aos sacerdotes e Bispos de Odessa, que foram reprimidos e executados durante o regime comunista e a repressão religiosa e política dos anos 1920 ao 40".

A Catedral de São Clemente na rua Balkova foi edificada no século XIX com doações da comunidade local. Edificada em tijolo vermelho e em estilo neogótico, se caracterizava por suas duas torres de uma altura de 64 metros. Tinha uma capacidade de até quatro mil fiéis, com sete altares, esculturas de mármore e bancos esculpidos. Esta bela mostra do patrimônio católico foi demolida com explosivos em 1936.

Na Ucrânia existem quatro Igrejas católicas de distintos ritos, sendo a principal a Igreja Greco Católica Ucraniana, com presença significativa de católicos de rito latino com grande relação aos crentes poloneses, assim como católicos bizantinos da Igreja Greco-católica Rutena e da Igreja Católica Armênia. (GPE/EPC)

Loading
Memorial de Catedral destruída pelos bolcheviques será instalado na Ucrânia

Odessa - Ucrânia (Segunda-feira, 13-02-2017, Gaudium Press) Uma iniciativa do Bispo de Odessa, Dom Bronislaw Bernatsky, foi respaldada pelo Conselho da Cidade que acordou erigir um memorial em honra da Catedral de rito latino, destruída há mais de oitenta anos pelas mãos dos bolcheviques. "A instalação do memorial mostrará o vínculo entre as nações polonesas e ucraniana", expressou a conselheira Anna Pozdnyakova.

Memorial de Catedral destruída pelos bolcheviques será instalado na Ucrânia.jpg

O memorial estará localizado em uma rua próxima ao lugar onde se erigia a Catedral de São Clemente e honrará não apenas o templo, mas aos católicos perseguidos durante a perseguição política do regime comunista. Em uma carta de respaldo aos sacerdotes e Bispos de Odessa, que foram reprimidos e executados durante o regime comunista e a repressão religiosa e política dos anos 1920 ao 40".

A Catedral de São Clemente na rua Balkova foi edificada no século XIX com doações da comunidade local. Edificada em tijolo vermelho e em estilo neogótico, se caracterizava por suas duas torres de uma altura de 64 metros. Tinha uma capacidade de até quatro mil fiéis, com sete altares, esculturas de mármore e bancos esculpidos. Esta bela mostra do patrimônio católico foi demolida com explosivos em 1936.

Na Ucrânia existem quatro Igrejas católicas de distintos ritos, sendo a principal a Igreja Greco Católica Ucraniana, com presença significativa de católicos de rito latino com grande relação aos crentes poloneses, assim como católicos bizantinos da Igreja Greco-católica Rutena e da Igreja Católica Armênia. (GPE/EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/85289-Memorial-de-Catedral-destruida-pelos-bolcheviques-sera-instalado-na-Ucrania. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading