Loading
 
 
 
Loading
 
Igreja gaúcha defende a permanência do ensino religioso nas escolas
Loading
 
21 de Fevereiro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Porto Alegre - Rio Grande do Sul (Terça-feira, 21-02-2017, Gaudium Press) Ao manifestar-se à favor da permanência do Ensino Religioso nas escolas, o Regional Sul 3 da CNBB declarou ainda que a disciplina está cada vez mais esquecida e excluída das reformas educacionais atuais.

Igreja gaúcha defende a permanência do ensino religioso nas escolas.jpg

Para Dom Leomar Brustolin, bispo auxiliar de Porto Alegre e referencial para a Educação e Cultura do Regional Sul 3, o Ensino Religioso Escolar garante uma educação integral e cidadã aos jovens.

"A integralidade supõe incluir as ciências humanas na formação da pessoa. Nesse sentido, o componente do Ensino Religioso é determinante para desenvolver atitudes que implicam na paz da sociedade. São elas: o diálogo, o respeito, a tolerância e a reverência religiosa", explicou Dom Leomar.

Além disso, o bispo lembrou que não se trata de doutrinar os estudantes sobre uma confissão religiosa, mas de educar para a convivência pacífica no que diz respeito à religiosidade. "Basta observar as graves crises de terrorismo, discriminação e fundamentalismos que estão abalando o século 21. A geração técnico-científica decidiu prescindir da dimensão religiosa e está pagando muito caro para conseguir a harmonia", afirmou.

O prelado também observou que a religião trabalha o aspecto do simbólico e do sentido da existência humana. "Seria um grave reducionismo negar essa dimensão na formação cidadã", acrescentou. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Porto Alegre

Loading
Igreja gaúcha defende a permanência do ensino religioso nas escolas

Porto Alegre - Rio Grande do Sul (Terça-feira, 21-02-2017, Gaudium Press) Ao manifestar-se à favor da permanência do Ensino Religioso nas escolas, o Regional Sul 3 da CNBB declarou ainda que a disciplina está cada vez mais esquecida e excluída das reformas educacionais atuais.

Igreja gaúcha defende a permanência do ensino religioso nas escolas.jpg

Para Dom Leomar Brustolin, bispo auxiliar de Porto Alegre e referencial para a Educação e Cultura do Regional Sul 3, o Ensino Religioso Escolar garante uma educação integral e cidadã aos jovens.

"A integralidade supõe incluir as ciências humanas na formação da pessoa. Nesse sentido, o componente do Ensino Religioso é determinante para desenvolver atitudes que implicam na paz da sociedade. São elas: o diálogo, o respeito, a tolerância e a reverência religiosa", explicou Dom Leomar.

Além disso, o bispo lembrou que não se trata de doutrinar os estudantes sobre uma confissão religiosa, mas de educar para a convivência pacífica no que diz respeito à religiosidade. "Basta observar as graves crises de terrorismo, discriminação e fundamentalismos que estão abalando o século 21. A geração técnico-científica decidiu prescindir da dimensão religiosa e está pagando muito caro para conseguir a harmonia", afirmou.

O prelado também observou que a religião trabalha o aspecto do simbólico e do sentido da existência humana. "Seria um grave reducionismo negar essa dimensão na formação cidadã", acrescentou. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Porto Alegre

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/85490-Igreja-gaucha-defende-a-permanencia-do-ensino-religioso-nas-escolas. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Matriz da Boa Vista acolherá grupos das paróquias que vão se revezar nas Adorações ao Santís ...
 
...
 
Mais de 8 mil católicos, 100 sacerdotes, 120 religiosas e 10 Bispos de todo o país, participaram d ...
 
Segundo o diretor da Rede do Apostolado da Oração do Papa, elas são fruto de um longo processo de ...
 
Desde a infância, ela tinha uma piedade intensa. Aos dez anos dedicou sua virgindade a Deus. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading