Loading
 
 
 
Loading
 
Arcebispo revela suas expectativas para a canonização dos Protomártires do Brasil
Loading
 
24 de Abril de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Natal - Rio Grande do Norte (Segunda-feira, 24-04-2017, Gaudium Press) Após a realização de um Consistório Ordinário Público, na Sala do Consistório, no Vaticano, com a presença do Papa Francisco, foram definidas as datas para as novas canonizações. Entre elas, estava a dos Protomártires do Brasil.

Arcebispo revela suas expectativas para a canonização dos Protomártires do Brasil.jpg

Também conhecidos como os Mártires de Cunhaú e Uruaçu, eles serão canonizados pelo Pontífice no próximo dia 15 de outubro, na Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Em entrevista concedida à Gaudium Press, o Arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, confessou qual foi a primeira reação que teve com o anúncio da canonização dos mártires:

"A primeira reação foi de alegria e de louvor. Saber que irmãos nossos, de nossa terra, serão proclamados santos, causa uma profunda alegria no coração daquele que Deus escolheu para guiar o rebanho de hoje na Arquidiocese de Natal. Depois, temos que cantar um profundo louvor a Deus, que nos dá a oportunidade de podermos contemplar os frutos de coragem e prontidão na fé daqueles que não desistiram de amar a Deus mesmo diante da ameaça de morte", disse.

De acordo com Dom Jaime, a canonização de André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, ambos sacerdotes diocesanos, e Mateus Moreira e seus 27 companheiros leigos, é vista tanto pela Arquidiocese de Natal quanto pela Igreja no Brasil como uma renovação da esperança cristã, uma vez que, "diante de um quadro de tantas dificuldades que estamos atravessando em nosso país, podermos contemplar pessoas que não titubearam diante do sacrifício, nos faz poder dizer: ‘sei em quem acreditei'".

"A Igreja no Brasil, o maior país católico do mundo, tão carente de Santos nos altares, vai poder dizer que é também uma terra de Mártires. O Beato Mateus Moreira, que na hora de sua morte, proclamou: ‘Louvado seja o Santíssimo Sacramento', já foi proclamado Padroeiro dos Ministros da Eucaristia do Brasil, pela Assembleia dos Bispos de 2005. Para a Arquidiocese de Natal, será um grande momento de oferecer o que tem de melhor para a devoção dos fiéis católicos brasileiros: os Mártires. Não mais os Mártires de Cunhaú e de Uruaçu, mas os Mártires do Brasil", ressaltou.

Quando perguntado se, através do reconhecimento da santidade dos protomártires, haveria um estímulo maior por parte dos mais jovens na questão da vocação religiosa, lembrou que, dentre os mártires conhecidos, existia um grupo de companheiros do jovem João Martins, que também ofereceram seu sangue por Cristo. "Certamente, contemplar a coragem e o ideal destes jovens mártires ajudará a nossa juventude a renovar seus ideais de luta pela justiça e pela fraternidade, construindo o mundo novo como sacerdotes, religiosos e religiosas, ou como leigos engajados em suas paróquias através dos grupos de vivência da fé. Oxalá, que muitos jovens se engajem e queiram assumir um dos estados de vida na Igreja".

Sobre as ações que a Igreja de Natal vem promovendo ou ainda pretende realizar até o dia da canonização dos mártires, Dom Jaime esclareceu que, até o momento, "foi instalada uma comissão, coordenada pelo Padre Murilo Paiva, Capelão dos Mártires, que está resgatando alguns projetos como a Novena dos Mártires em família". "Teremos a celebração, no dia 16 de julho, em Cunhaú, e no dia 3 de outubro, em Uruaçu, além de outros eventos que deverão ser pensados durante todo o ano, para culminar com a Solene Celebração de Canonização em Roma, presidida pelo Papa Francisco no dia 15 de outubro, com a graça de Deus", acrescentou.

Arcebispo revela suas expectativas para a canonização dos Protomártires do Brasil (2).jpg

Mesmo em meio ao Ano Nacional Mariano e as demais festividades litúrgicas pelo mundo afora, entre elas, os 300 anos de Nossa Senhora Aparecida e o centenário das aparições de Nossa Senhora de Fátima, as canonizações dos Mártires de Cunháu e Uruaçu também possuem uma alta relevância no cenário atual vivido pela Igreja no Mundo. A começar pelo fato de que "Nossa Senhora esteve muito presente no Martírio" dos religiosos brasileiros.

"Na Capela de Cunhaú, onde aconteceu o primeiro morticínio no dia 16 de julho de 1645, a Padroeira era Nossa Senhora das Candeias, cuja imagem ainda hoje se venera naquele local. Portanto, é uma grande graça que, dentro das celebrações alusivas a Nossa Senhora, tenha saído a notícia da canonização. E diria mais: a notícia da Canonização dos Mártires saiu junto com a de Francisco e Jacinta, os dois pastorzinhos que conversavam com a Virgem de Fátima. Nossa Senhora presente também neste momento", destacou

Prestes a finalizar a entrevista, o Arcebispo de Natal deixou uma mensagem aos fiéis que esperam pela canonização dos mártires potiguares:

"Antes de tudo, queria reforçar o que já foi dito antes: será a canonização dos Mártires Brasileiros. Isso é muito relevante para nós. E ao mesmo tempo, quero convidar a todos a irem rezando, fazendo suas devoções. Temos um belíssimo Terço dedicado ao Beato Mateus Moreira", motivou Dom Jaime, que ainda convidou os fiéis a visitarem os locais do martírio, a fim de conhecerem mais a fundo toda a história de fé dos Protomártires do Brasil, e se organizarem para estarem junto ao prelado em Roma, durante o momento da canonização.

Acima de tudo, concluiu o religioso, devemos agradecer a Deus "por ter permitido que nós fôssemos participantes deste tempo que é tão especial para a nossa Igreja: temos mais 30 santos compatriotas nossos intercedendo por nós junto ao Pai".

Por Leandro Massoni Ilhéu

Loading
Arcebispo revela suas expectativas para a canonização dos Protomártires do Brasil

Natal - Rio Grande do Norte (Segunda-feira, 24-04-2017, Gaudium Press) Após a realização de um Consistório Ordinário Público, na Sala do Consistório, no Vaticano, com a presença do Papa Francisco, foram definidas as datas para as novas canonizações. Entre elas, estava a dos Protomártires do Brasil.

Arcebispo revela suas expectativas para a canonização dos Protomártires do Brasil.jpg

Também conhecidos como os Mártires de Cunhaú e Uruaçu, eles serão canonizados pelo Pontífice no próximo dia 15 de outubro, na Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Em entrevista concedida à Gaudium Press, o Arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, confessou qual foi a primeira reação que teve com o anúncio da canonização dos mártires:

"A primeira reação foi de alegria e de louvor. Saber que irmãos nossos, de nossa terra, serão proclamados santos, causa uma profunda alegria no coração daquele que Deus escolheu para guiar o rebanho de hoje na Arquidiocese de Natal. Depois, temos que cantar um profundo louvor a Deus, que nos dá a oportunidade de podermos contemplar os frutos de coragem e prontidão na fé daqueles que não desistiram de amar a Deus mesmo diante da ameaça de morte", disse.

De acordo com Dom Jaime, a canonização de André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, ambos sacerdotes diocesanos, e Mateus Moreira e seus 27 companheiros leigos, é vista tanto pela Arquidiocese de Natal quanto pela Igreja no Brasil como uma renovação da esperança cristã, uma vez que, "diante de um quadro de tantas dificuldades que estamos atravessando em nosso país, podermos contemplar pessoas que não titubearam diante do sacrifício, nos faz poder dizer: ‘sei em quem acreditei'".

"A Igreja no Brasil, o maior país católico do mundo, tão carente de Santos nos altares, vai poder dizer que é também uma terra de Mártires. O Beato Mateus Moreira, que na hora de sua morte, proclamou: ‘Louvado seja o Santíssimo Sacramento', já foi proclamado Padroeiro dos Ministros da Eucaristia do Brasil, pela Assembleia dos Bispos de 2005. Para a Arquidiocese de Natal, será um grande momento de oferecer o que tem de melhor para a devoção dos fiéis católicos brasileiros: os Mártires. Não mais os Mártires de Cunhaú e de Uruaçu, mas os Mártires do Brasil", ressaltou.

Quando perguntado se, através do reconhecimento da santidade dos protomártires, haveria um estímulo maior por parte dos mais jovens na questão da vocação religiosa, lembrou que, dentre os mártires conhecidos, existia um grupo de companheiros do jovem João Martins, que também ofereceram seu sangue por Cristo. "Certamente, contemplar a coragem e o ideal destes jovens mártires ajudará a nossa juventude a renovar seus ideais de luta pela justiça e pela fraternidade, construindo o mundo novo como sacerdotes, religiosos e religiosas, ou como leigos engajados em suas paróquias através dos grupos de vivência da fé. Oxalá, que muitos jovens se engajem e queiram assumir um dos estados de vida na Igreja".

Sobre as ações que a Igreja de Natal vem promovendo ou ainda pretende realizar até o dia da canonização dos mártires, Dom Jaime esclareceu que, até o momento, "foi instalada uma comissão, coordenada pelo Padre Murilo Paiva, Capelão dos Mártires, que está resgatando alguns projetos como a Novena dos Mártires em família". "Teremos a celebração, no dia 16 de julho, em Cunhaú, e no dia 3 de outubro, em Uruaçu, além de outros eventos que deverão ser pensados durante todo o ano, para culminar com a Solene Celebração de Canonização em Roma, presidida pelo Papa Francisco no dia 15 de outubro, com a graça de Deus", acrescentou.

Arcebispo revela suas expectativas para a canonização dos Protomártires do Brasil (2).jpg

Mesmo em meio ao Ano Nacional Mariano e as demais festividades litúrgicas pelo mundo afora, entre elas, os 300 anos de Nossa Senhora Aparecida e o centenário das aparições de Nossa Senhora de Fátima, as canonizações dos Mártires de Cunháu e Uruaçu também possuem uma alta relevância no cenário atual vivido pela Igreja no Mundo. A começar pelo fato de que "Nossa Senhora esteve muito presente no Martírio" dos religiosos brasileiros.

"Na Capela de Cunhaú, onde aconteceu o primeiro morticínio no dia 16 de julho de 1645, a Padroeira era Nossa Senhora das Candeias, cuja imagem ainda hoje se venera naquele local. Portanto, é uma grande graça que, dentro das celebrações alusivas a Nossa Senhora, tenha saído a notícia da canonização. E diria mais: a notícia da Canonização dos Mártires saiu junto com a de Francisco e Jacinta, os dois pastorzinhos que conversavam com a Virgem de Fátima. Nossa Senhora presente também neste momento", destacou

Prestes a finalizar a entrevista, o Arcebispo de Natal deixou uma mensagem aos fiéis que esperam pela canonização dos mártires potiguares:

"Antes de tudo, queria reforçar o que já foi dito antes: será a canonização dos Mártires Brasileiros. Isso é muito relevante para nós. E ao mesmo tempo, quero convidar a todos a irem rezando, fazendo suas devoções. Temos um belíssimo Terço dedicado ao Beato Mateus Moreira", motivou Dom Jaime, que ainda convidou os fiéis a visitarem os locais do martírio, a fim de conhecerem mais a fundo toda a história de fé dos Protomártires do Brasil, e se organizarem para estarem junto ao prelado em Roma, durante o momento da canonização.

Acima de tudo, concluiu o religioso, devemos agradecer a Deus "por ter permitido que nós fôssemos participantes deste tempo que é tão especial para a nossa Igreja: temos mais 30 santos compatriotas nossos intercedendo por nós junto ao Pai".

Por Leandro Massoni Ilhéu

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/86823-Arcebispo-revela-suas-expectativas-para-a-canonizacao-dos-Protomartires-do-Brasil. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading