Loading
 
 
 
Loading
 
Alepo, Síria, é consagrada à Nossa Senhora de Fátima para pedir a paz na cidade e no país
Loading
 
11 de Maio de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Alepo - Síria (Quinta-feira, 11-05-2017, Gaudium Press) A comunidade de crentes de Alepo, Síria, pertencentes aos diferentes ritos católicos, se preparam para celebrar no próximo dia 13 de maio a Consagração da cidade ao Imaculado Coração de Maria seguindo o chamado da Santíssima Virgem em Fátima. Durante três dias se celebrarão atos de devoção em honra de Nossa Senhora e o ato central se celebrará em união com a viagem apostólica do Papa Francisco.

Alepo, Síria, é consagrada à Nossa Senhora de Fátima para pedir a paz na cidade e no país.jpg

"A consagração de Alepo a Maria e o tema da paz são uma fonte de esperança e um sinal de nossa presença", explicou o Arcebispo Caldeu de Alepo, Dom Antoine Audo, que destacou o sentimento de unidade entre os crentes locais e seu amor pelas devoções populares. "Todo o mês de maio é importante para as comunidades cristãs de Alepo. Todos os templos estão cheios de devotos que rezam o Rosário, se aproximam da Eucaristia e recitam as ladainhas".

O prelado explicou a devoção mariana "cria uma atmosfera de serenidade" em meio das difíceis circunstâncias sociais. "Maio é o mês privilegiado para orar pela paz, pelo final de todos os conflitos", comentou. As celebrações iniciarão com uma jornada de oração no dia 11 de maio e culminarão no dia 13 de maio, centenário das aparições. "O clímax será a solene concelebração eucarística dentro e fora do templo, encabeçada pela imagem de Nossa Senhora doada pelo Santuário de Fátima".

Dom Audo comentou que a imagem se encontra em Alepo há vários dias e que se espera uma participação de mais de 3 mil fiéis de todas as comunidades cristãs presentes na cidade. Diante das trágicas situações que enfrentaram os fiéis, a Igreja escolheu combater os estragos do fanatismo com o testemunho da comunhão. "A Fé dos cristãos é sólida e forte, e isto conduz ao otimismo, inclusive se as incertezas e as sombras sobre o futuro ainda permanecem". (EPC)

Loading
Alepo, Síria, é consagrada à Nossa Senhora de Fátima para pedir a paz na cidade e no país

Alepo - Síria (Quinta-feira, 11-05-2017, Gaudium Press) A comunidade de crentes de Alepo, Síria, pertencentes aos diferentes ritos católicos, se preparam para celebrar no próximo dia 13 de maio a Consagração da cidade ao Imaculado Coração de Maria seguindo o chamado da Santíssima Virgem em Fátima. Durante três dias se celebrarão atos de devoção em honra de Nossa Senhora e o ato central se celebrará em união com a viagem apostólica do Papa Francisco.

Alepo, Síria, é consagrada à Nossa Senhora de Fátima para pedir a paz na cidade e no país.jpg

"A consagração de Alepo a Maria e o tema da paz são uma fonte de esperança e um sinal de nossa presença", explicou o Arcebispo Caldeu de Alepo, Dom Antoine Audo, que destacou o sentimento de unidade entre os crentes locais e seu amor pelas devoções populares. "Todo o mês de maio é importante para as comunidades cristãs de Alepo. Todos os templos estão cheios de devotos que rezam o Rosário, se aproximam da Eucaristia e recitam as ladainhas".

O prelado explicou a devoção mariana "cria uma atmosfera de serenidade" em meio das difíceis circunstâncias sociais. "Maio é o mês privilegiado para orar pela paz, pelo final de todos os conflitos", comentou. As celebrações iniciarão com uma jornada de oração no dia 11 de maio e culminarão no dia 13 de maio, centenário das aparições. "O clímax será a solene concelebração eucarística dentro e fora do templo, encabeçada pela imagem de Nossa Senhora doada pelo Santuário de Fátima".

Dom Audo comentou que a imagem se encontra em Alepo há vários dias e que se espera uma participação de mais de 3 mil fiéis de todas as comunidades cristãs presentes na cidade. Diante das trágicas situações que enfrentaram os fiéis, a Igreja escolheu combater os estragos do fanatismo com o testemunho da comunhão. "A Fé dos cristãos é sólida e forte, e isto conduz ao otimismo, inclusive se as incertezas e as sombras sobre o futuro ainda permanecem". (EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Dom Armando Bucciol lembra que a história da festa tem origem a partir do Concílio de Éfeso (451) ...
 
Na mensagem, o Papa Francisco dirige-se em particular aos jovens, que tem Santo Estanislau por padro ...
 
Numerosos jovens e crianças trajando alvas se reuniram na Catedral de Concepción, Chile, para cele ...
 
O novo Substituto para Assuntos Gerais da Secretaria de Estado é Dom Edgar Peña Parra, atual Núnc ...
 
Junto com a peça os visitantes podem assistir a um vídeo com os testemunhos das pessoas que partic ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading