Loading
 
 
 
Loading
 
Papa indica três pontos de referência no caminho do Cristão
Loading
 
26 de Maio de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Cidade do Vaticano (Sexta-feira, 26-05-207, Gaudium Press) Mais uma vez o Papa Francisco deu prosseguimento a seu costume de presidir, pela manhã, na Capela da Casa Santa Marta, uma Santa Missa. Na homilia dessa sexta-feira ele afirmou que "as Escrituras nos indicam três pontos de referência no caminho cristão".

Papa indica três pontos de referência no caminho do Cristão.jpgA graça da Memória

Francisco indicou que o primeiro destes pontos de referência para os cristãos é a memória. Jesus ressuscitado diz aos discípulos que o precedam na Galileia: este foi o primeiro encontro com o Senhor. E "cada um de nós tem a sua própria Galileia", disse o Papa, aquele lugar aonde Jesus se manifestou pela primeira vez, o conhecemos e "tivemos a alegria e o entusiasmo de segui-lo".
Para ser um bom cristão, "precisamos sempre nos lembrar do primeiro encontro com Jesus ou dos seguintes". Esta é "a graça da memória", que "no momento da provação, me dá a certeza".

A Graça da Oração

O segundo ponto de referência indicado pelo Pontífice é a oração. Quando Jesus sobe ao Céu, ele não se separa de nós: "fisicamente sim, mas fica sempre ligado, para interceder por nós. Mostra ao Pai as chagas, o preço que pagou por nós e pela nossa salvação". Assim, aconselha o Papa "devemos pedir a graça de contemplar o Céu, a graça da oração, a relação com Jesus na oração que neste momento nos ouve, está conosco":

Ide Mundo Afora

"Enfim, o terceiro ponto de referência: o mundo. Antes de ir, Jesus diz aos discípulos: ‘Ide mundo afora e façam discípulos'. Ide. O lugar dos cristãos é o mundo no qual anunciar a Palavra de Jesus, para dizer que fomos salvos, que Ele veio para nos dar a graça, para nos levar com Ele diante do Pai".

Três palavras do nosso caminho: Galileia, Céu e Mundo

Aqui está a "topografia do espírito cristão, segundo observa Francisco, os três lugares de referência de nossa vida: a memória, a oração e a missão; e as três palavras de nosso caminho: Galileia, Céu e Mundo:

"Um cristão deve agir nestas três dimensões e pedir a graça da memória: "Que não me esqueça do momento que me elegeu, que não esqueça do momento em que nos encontramos", dizendo ao Senhor. Depois, rezar e olhar ao Céu, porque Ele está ali para interceder. Ele intercede por nós. E depois, sair em missão... não quer dizer que todos devem ir ao exterior; ir em missão é viver e dar testemunho do Evangelho; é fazer saber aos outros como é Jesus.

Mas fazer isso com o testemunho e com a Palavra, porque se eu falar como Jesus e como a vida cristã, mas viver como um pagão, não adianta. A missão não funciona".

Vida Cristã Bela e Alegre

Para concluir, o Santo Padre disse que, se ao contrário, vivermos na memória, na oração e em missão, a vida cristã será bela e também alegre:

"E esta é a última frase que Jesus nos diz no Evangelho de hoje: "Naquele dia, no dia em que viverem a vida cristã assim, vocês saberão tudo e ninguém poderá lhes tirar a alegria". Ninguém, porque terei a memória do encontro com Jesus e a certeza que Jesus está no Céu e intercede por mim, está comigo, eu rezo e tenho a coragem de dizer, de sair de mim, dizer aos outros e dar testemunho com a minha vida que o Senhor ressuscitou, está vivo. Memória, oração e missão. Que o Senhor nos dê a graça de entender esta topografia da vida cristã e seguir adiante com alegria, aquela alegria que ninguém pode nos tirar". (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com Informações RV)

Loading
Papa indica três pontos de referência no caminho do Cristão

Cidade do Vaticano (Sexta-feira, 26-05-207, Gaudium Press) Mais uma vez o Papa Francisco deu prosseguimento a seu costume de presidir, pela manhã, na Capela da Casa Santa Marta, uma Santa Missa. Na homilia dessa sexta-feira ele afirmou que "as Escrituras nos indicam três pontos de referência no caminho cristão".

Papa indica três pontos de referência no caminho do Cristão.jpgA graça da Memória

Francisco indicou que o primeiro destes pontos de referência para os cristãos é a memória. Jesus ressuscitado diz aos discípulos que o precedam na Galileia: este foi o primeiro encontro com o Senhor. E "cada um de nós tem a sua própria Galileia", disse o Papa, aquele lugar aonde Jesus se manifestou pela primeira vez, o conhecemos e "tivemos a alegria e o entusiasmo de segui-lo".
Para ser um bom cristão, "precisamos sempre nos lembrar do primeiro encontro com Jesus ou dos seguintes". Esta é "a graça da memória", que "no momento da provação, me dá a certeza".

A Graça da Oração

O segundo ponto de referência indicado pelo Pontífice é a oração. Quando Jesus sobe ao Céu, ele não se separa de nós: "fisicamente sim, mas fica sempre ligado, para interceder por nós. Mostra ao Pai as chagas, o preço que pagou por nós e pela nossa salvação". Assim, aconselha o Papa "devemos pedir a graça de contemplar o Céu, a graça da oração, a relação com Jesus na oração que neste momento nos ouve, está conosco":

Ide Mundo Afora

"Enfim, o terceiro ponto de referência: o mundo. Antes de ir, Jesus diz aos discípulos: ‘Ide mundo afora e façam discípulos'. Ide. O lugar dos cristãos é o mundo no qual anunciar a Palavra de Jesus, para dizer que fomos salvos, que Ele veio para nos dar a graça, para nos levar com Ele diante do Pai".

Três palavras do nosso caminho: Galileia, Céu e Mundo

Aqui está a "topografia do espírito cristão, segundo observa Francisco, os três lugares de referência de nossa vida: a memória, a oração e a missão; e as três palavras de nosso caminho: Galileia, Céu e Mundo:

"Um cristão deve agir nestas três dimensões e pedir a graça da memória: "Que não me esqueça do momento que me elegeu, que não esqueça do momento em que nos encontramos", dizendo ao Senhor. Depois, rezar e olhar ao Céu, porque Ele está ali para interceder. Ele intercede por nós. E depois, sair em missão... não quer dizer que todos devem ir ao exterior; ir em missão é viver e dar testemunho do Evangelho; é fazer saber aos outros como é Jesus.

Mas fazer isso com o testemunho e com a Palavra, porque se eu falar como Jesus e como a vida cristã, mas viver como um pagão, não adianta. A missão não funciona".

Vida Cristã Bela e Alegre

Para concluir, o Santo Padre disse que, se ao contrário, vivermos na memória, na oração e em missão, a vida cristã será bela e também alegre:

"E esta é a última frase que Jesus nos diz no Evangelho de hoje: "Naquele dia, no dia em que viverem a vida cristã assim, vocês saberão tudo e ninguém poderá lhes tirar a alegria". Ninguém, porque terei a memória do encontro com Jesus e a certeza que Jesus está no Céu e intercede por mim, está comigo, eu rezo e tenho a coragem de dizer, de sair de mim, dizer aos outros e dar testemunho com a minha vida que o Senhor ressuscitou, está vivo. Memória, oração e missão. Que o Senhor nos dê a graça de entender esta topografia da vida cristã e seguir adiante com alegria, aquela alegria que ninguém pode nos tirar". (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com Informações RV)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/87560-Papa-indica-tres-pontos-de-referencia-no-caminho-do-Cristao. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading