Loading
 
 
 
Loading
 
Laicistas franceses: Cruz em monumento a S. João Paulo II viola Constituição
Loading
 
27 de Outubro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Paris - França (Sexta-feira, 27-10-2017, Gaudium Press) Uma pequena cruz colocada no topo de um monumento construído em memória a São João Paulo II, na pequena cidade de Ploermel, localizada na Bretanha, deverá ser tirada.
A determinação de tirar a pequena cruz deste monumento é oriunda do máximo Tribunal Administrativo francês. A sentença afirma que a cruz viola a Lei de 1905 sobre a separação entre Estado e Igreja.

2710Laicistas franceses Cruz em monumento a S. João Paulo II viola Constituição .jpg

Segundo o Conselho de Estado, que foi quem acolheu um recurso da Federação dos Livres Pensadores de Morbihan, o arco e a imagem de João Paulo II podem permanecer, a cruz, porém, deverá ser removida.

Lei de 1905

O Conselho de Estado diz basear-se numa Lei de 1905 que proíbe a construção de monumentos em locais públicos, à exceção de museus, cemitérios e locais de culto.

Já em abril de 2015 o Tribunal Administrativo de Rennes havia decretado que a escultura era incompatível com a Constituição e com a Lei de 1905 sobre a separação entre Igreja e Estado.

Em sua sentença, o Tribunal afirma tratar-se de uma "obra muito vistosa", e por isso, deveria ser removida pela Prefeitura em seis meses. Porém, esta decisão foi anulada em dezembro de 2015 pelo Tribunal de Apelação de Nantes.

Cruz, não

Ainda há pouco, chegou uma nova decisão do Conselho de Estado que pode ser resumida em duas palavras: Cruz, não!. O argumento do Tribunal não é outro que o desejado "pensadores" que são livres de espalhar o que sua religião laica determina: a Cruz, "diferentemente do arco, constitui um emblema religioso, o que contraria o Artigo 28 da Lei de 9 de dezembro de 1905".

Já no final de 2014, a mesma agremiação laicista já havia conseguido a remoção de presépios montados em locais públicos.

Sem dúvida, perseguições religiosas metódicas, sistemáticas e minuciosas que muitos acreditavam terem sido tragadas pelo tempo, estão de volta, vivas e sulfurosas, como sempre. (JSG)

 

 

Loading
Laicistas franceses: Cruz em monumento a S. João Paulo II viola Constituição

Paris - França (Sexta-feira, 27-10-2017, Gaudium Press) Uma pequena cruz colocada no topo de um monumento construído em memória a São João Paulo II, na pequena cidade de Ploermel, localizada na Bretanha, deverá ser tirada.
A determinação de tirar a pequena cruz deste monumento é oriunda do máximo Tribunal Administrativo francês. A sentença afirma que a cruz viola a Lei de 1905 sobre a separação entre Estado e Igreja.

2710Laicistas franceses Cruz em monumento a S. João Paulo II viola Constituição .jpg

Segundo o Conselho de Estado, que foi quem acolheu um recurso da Federação dos Livres Pensadores de Morbihan, o arco e a imagem de João Paulo II podem permanecer, a cruz, porém, deverá ser removida.

Lei de 1905

O Conselho de Estado diz basear-se numa Lei de 1905 que proíbe a construção de monumentos em locais públicos, à exceção de museus, cemitérios e locais de culto.

Já em abril de 2015 o Tribunal Administrativo de Rennes havia decretado que a escultura era incompatível com a Constituição e com a Lei de 1905 sobre a separação entre Igreja e Estado.

Em sua sentença, o Tribunal afirma tratar-se de uma "obra muito vistosa", e por isso, deveria ser removida pela Prefeitura em seis meses. Porém, esta decisão foi anulada em dezembro de 2015 pelo Tribunal de Apelação de Nantes.

Cruz, não

Ainda há pouco, chegou uma nova decisão do Conselho de Estado que pode ser resumida em duas palavras: Cruz, não!. O argumento do Tribunal não é outro que o desejado "pensadores" que são livres de espalhar o que sua religião laica determina: a Cruz, "diferentemente do arco, constitui um emblema religioso, o que contraria o Artigo 28 da Lei de 9 de dezembro de 1905".

Já no final de 2014, a mesma agremiação laicista já havia conseguido a remoção de presépios montados em locais públicos.

Sem dúvida, perseguições religiosas metódicas, sistemáticas e minuciosas que muitos acreditavam terem sido tragadas pelo tempo, estão de volta, vivas e sulfurosas, como sempre. (JSG)

 

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/90868-Laicistas-franceses--Cruz-em-monumento-a-S--Joao-Paulo-II-viola-Constituicao-. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

No próximo domingo, 24 de junho, a Catedral de Turim celebrará a festa do seu Padroeiro, São Joã ...
 
A proximidade dos Salesianos aos iemenitas fez com que a ordem religiosa promova neste sábado, 23, ...
 
Encontrar apoio na própria família é uma grande ajuda para os que dão este passo, e é uma grand ...
 
Conferência Episcopal do Peru comunica abertura de Centro de Auxílio a migrantes venezuelanos. ...
 
Confiança, Anúncio e Fraternidade: três palavras sobre as quais o Papa propôs aos verbitas uma r ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading