Loading
 
 
 
Loading
 
Livro sobre a Divina Misericórdia é publicado na Argentina
Loading
 
7 de Novembro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Argentina - Buenos Aires (Terça-feira, 07-11-2017, Gaudium Press) Com o objetivo de promover a devoção à Divina Misericórdia, recentemente foi publicado o livro "A Divina Misericórdia prepara o mundo", de autoria do Padre Mauro Carlorosi, sacerdote argentino do Oratório de São Felipe Neri, que apresenta uma aproximação ao Diário de Santa Faustina Kowalska, conhecida como "Apóstolo da Misericórdia", e a mensagem de Deus sobre a Misericórdia Divina; tudo com o objetivo de animar seu culto.

Livro sobre a Divina Misericórdia é publicado na Argentina.jpg

O autor faz referência na obra a cinco pautas, concretas e para levar à prática, que o mesmo Jesus mostra com a Divina Misericórdia. A primeira fala da veneração da Imagem de Jesus Misericordioso, como indicou Nosso Senhor à Santa Faustina, segundo narrou a religiosa em seu diário: "Ofereço aos homens um recipiente com o qual virão à Fonte da Misericórdia para recolher graças. Esse recipiente é esta imagem com a escrita: Jesus em Ti confio" (D. 327).

A segunda pauta é a Festa da Divina Misericórdia. Sor Faustina escreve no diário que esta deve ser celebrada no primeiro Domingo depois da Páscoa da Ressurreição: "Neste dia estão abertas as entranhas da Minha misericórdia. Derramo todo um mar de graças sobre as almas que se aproximam do manancial de Minha misericórdia" (D. 699).

A Coroinha da Divina Misericórdia é a terceira pauta a qual faz referência o Padre Carlorosi no livro, tomando o escrito pela Santa polonesa por revelação de Nosso Senhor: "Graças maiores concederei às almas que rezem esta coroinha; as entranhas de Minha misericórdia se enternecem por aqueles que rezam esta coroinha" (D. 848).

Para a quarta, o sacerdote aprofunda na Hora da Divina Misericórdia: "Às três, roga por Minha misericórdia, em especial para os pecadores e ainda que não seja apenas por um brevíssimo momento, submerge-te em Minha Paixão, especialmente em Meu abandono no momento de Minha agonia. Esta é a hora da grande misericórdia para o mundo inteiro. Te permitirei penetrar em Minha tristeza mortal. Nesta hora nada será negado à alma que peça pelos méritos de Minha Paixão" (D. 1320).

A última pauta da qual fala o sacerdote é sobre a Difusão da Divina Misericórdia, recordando o dito por Santa Faustina no diário: "As almas que propagam a devoção à Minha misericórdia, as protejo durante toda sua vida como uma mãe carinhosa protege ao seu filho recém-nascido e na hora da morte não serei para ela Juiz, mas Salvador misericordioso" (D. 1075).

O libro é constituído por 20 capítulos, distribuídos em quatro partes: o culto à Divina Misericórdia, onde o autor aprofunda no essencial da mensagem, na missão de Santa Faustina, seu culto ao longo da história, São João Paulo II e a difusão a esta devoção, sua semelhança com a devoção ao Sagrado Coração de Jesus, etc.

Na segunda parte o Padre Carlorosi indica como cultuar a Divina Misericórdia; na terceira oferece um caminho de vida espiritual tomando a Deus misericordioso, o Amor de Deus e Nossa Senhora como Mãe de Misericórdia. E na quarta, o autor propõem como a Divina Misericórdia prepara o mundo.

O prólogo está assinado por Dom Luis Urbanc, Bispo de Catamarca, que assinala que "particularmente me fez muito bem ler e reler os textos transmitidos por Santa Faustina". Também diz que "os tempos que vivemos tem muita sede de misericórdia". (EPC)

Loading
Livro sobre a Divina Misericórdia é publicado na Argentina

Argentina - Buenos Aires (Terça-feira, 07-11-2017, Gaudium Press) Com o objetivo de promover a devoção à Divina Misericórdia, recentemente foi publicado o livro "A Divina Misericórdia prepara o mundo", de autoria do Padre Mauro Carlorosi, sacerdote argentino do Oratório de São Felipe Neri, que apresenta uma aproximação ao Diário de Santa Faustina Kowalska, conhecida como "Apóstolo da Misericórdia", e a mensagem de Deus sobre a Misericórdia Divina; tudo com o objetivo de animar seu culto.

Livro sobre a Divina Misericórdia é publicado na Argentina.jpg

O autor faz referência na obra a cinco pautas, concretas e para levar à prática, que o mesmo Jesus mostra com a Divina Misericórdia. A primeira fala da veneração da Imagem de Jesus Misericordioso, como indicou Nosso Senhor à Santa Faustina, segundo narrou a religiosa em seu diário: "Ofereço aos homens um recipiente com o qual virão à Fonte da Misericórdia para recolher graças. Esse recipiente é esta imagem com a escrita: Jesus em Ti confio" (D. 327).

A segunda pauta é a Festa da Divina Misericórdia. Sor Faustina escreve no diário que esta deve ser celebrada no primeiro Domingo depois da Páscoa da Ressurreição: "Neste dia estão abertas as entranhas da Minha misericórdia. Derramo todo um mar de graças sobre as almas que se aproximam do manancial de Minha misericórdia" (D. 699).

A Coroinha da Divina Misericórdia é a terceira pauta a qual faz referência o Padre Carlorosi no livro, tomando o escrito pela Santa polonesa por revelação de Nosso Senhor: "Graças maiores concederei às almas que rezem esta coroinha; as entranhas de Minha misericórdia se enternecem por aqueles que rezam esta coroinha" (D. 848).

Para a quarta, o sacerdote aprofunda na Hora da Divina Misericórdia: "Às três, roga por Minha misericórdia, em especial para os pecadores e ainda que não seja apenas por um brevíssimo momento, submerge-te em Minha Paixão, especialmente em Meu abandono no momento de Minha agonia. Esta é a hora da grande misericórdia para o mundo inteiro. Te permitirei penetrar em Minha tristeza mortal. Nesta hora nada será negado à alma que peça pelos méritos de Minha Paixão" (D. 1320).

A última pauta da qual fala o sacerdote é sobre a Difusão da Divina Misericórdia, recordando o dito por Santa Faustina no diário: "As almas que propagam a devoção à Minha misericórdia, as protejo durante toda sua vida como uma mãe carinhosa protege ao seu filho recém-nascido e na hora da morte não serei para ela Juiz, mas Salvador misericordioso" (D. 1075).

O libro é constituído por 20 capítulos, distribuídos em quatro partes: o culto à Divina Misericórdia, onde o autor aprofunda no essencial da mensagem, na missão de Santa Faustina, seu culto ao longo da história, São João Paulo II e a difusão a esta devoção, sua semelhança com a devoção ao Sagrado Coração de Jesus, etc.

Na segunda parte o Padre Carlorosi indica como cultuar a Divina Misericórdia; na terceira oferece um caminho de vida espiritual tomando a Deus misericordioso, o Amor de Deus e Nossa Senhora como Mãe de Misericórdia. E na quarta, o autor propõem como a Divina Misericórdia prepara o mundo.

O prólogo está assinado por Dom Luis Urbanc, Bispo de Catamarca, que assinala que "particularmente me fez muito bem ler e reler os textos transmitidos por Santa Faustina". Também diz que "os tempos que vivemos tem muita sede de misericórdia". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/91069-Livro-sobre-a-Divina-Misericordia-e-publicado-na-Argentina. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

As homenagens a Padroeira do Rio Grande do Sul foram inspiradas pelo tema “A jovem chamada Maria, ...
 
Curso vai ser ministrado na Pontifícia Universidade Lateranense, de Roma ...
 
Esta será a segunda visita de um Papa ao Marrocos, nação que acolheu São João Paulo II, em 1985 ...
 
Os escoteiros do Brasil têm atuado em convênios com os comitês locais da JMJ e o comitê interame ...
 
"Que esse lamentável fato em Niterói, no Ano do Leigo, possa nos aproximar mais de Deus", expresso ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading