Loading
 
 
 
Loading
 
Arquidiocese de Santiago de Compostela apresenta programa “Descobrindo a Catedral”
Loading
 
24 de Novembro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Espanha - Santiago de Compostela (Sexta-feira, 24-11-2017, Gaudium Press) Um inovador programa de difusão cultural foi posto em prática recentemente em Santiago de Compostela. Trata-se da iniciativa "Descobrindo a Catedral", que tem por objetivo colocar em valor tudo o que for relacionado com a história e a arte da Catedral jacobina.

O programa é uma proposta conjunta da Fundação Catedral de Santiago com o Governo da Galícia, e busca, entre outras coisas, a conservação do templo.

Arquidiocese de Santiago de Compostela apresenta programa ?Descobrindo a Catedral? 1.jpg

De acordo com a Arquidiocese de Compostela, "este programa se inspira na premissa de entender a Catedral de Santiago como um templo vivo que acolhe a centenas de milhares de peregrinos e uma maravilha de arte universal, concentrando realizações de grande valor desde suas origens construtivas".

Parte importante do programa é o trabalho de restauração da Catedral, a qual se iniciou de maneira especial no início deste século. "Um templo tão complexo requer uma permanente atenção restauradora que durante o século XX não pode ser tão intensa e eficaz como seria desejável. Assim, no princípio do século XXI se constatou a necessidade de cuidá-lo e colocá-lo em condições de luzir em todo seu esplendor seu valor espiritual e estético. Para isso se põem em prática este programa porque, certamente, as tarefas que se acometem restauram, mas também descobrem a riqueza oculta desta impressionante construção".

A base da iniciativa "Descobrindo a Catedral" é o chamado "Plano Diretor" posto em prática em 2010, com a realização de várias intervenções que contaram com o apoio do Ministério de Fomento do Governo Espanhol, o Governo da Galícia, o Consórcio de Santiago, e a mesma Catedral; que agora é impulsionada pelo Ministério da Fazenda, o Governo da Galícia e a Fundação Catedral com investimentos que irão até 2020.

Para o período 2018-2020 está previsto realizar o trabalho de restauração das coberturas da nave principal e o Cruzeiro, as abóbadas da nave central, a capela do Cristo de Burgos, o baldaquino, as pinturas da Capela Maior, entre outros.

Paralelo a este trabalho haverá uma importante difusão, com um programa cultural que inclui exposições e concertos, com a finalidade de promover o fenômeno jacobino, assim como dimensão espiritual, histórica e artística da Catedral.

Arquidiocese de Santiago de Compostela apresenta programa ?Descobrindo a Catedral? 2.jpg

Como parte desta programação cultural, em julho se inaugurou na Catedral a exposição "Mestre Mateo", na qual se reúne parte da obra do artista medieval e de sua intervenção na Catedral, entre elas peças que foram retiradas de seu lugar original, como o coro do templo jacobino e sua fachada ocidental.

O Mestre Mateo teve um importante trabalho nas obras de construção da Catedral de Santiago, como foi a cripta que se situava sob o Pórtico da Glória, o mesmo pórtico, o coro pétreo, assim como a fachada ocidental que depois foi modificada.

Além desta exposição, o programa "Descobrindo a Catedral" também inclui visitas escolares com a participação do Museu do templo catedralício. (EPC)

Loading
Arquidiocese de Santiago de Compostela apresenta programa “Descobrindo a Catedral”

Espanha - Santiago de Compostela (Sexta-feira, 24-11-2017, Gaudium Press) Um inovador programa de difusão cultural foi posto em prática recentemente em Santiago de Compostela. Trata-se da iniciativa "Descobrindo a Catedral", que tem por objetivo colocar em valor tudo o que for relacionado com a história e a arte da Catedral jacobina.

O programa é uma proposta conjunta da Fundação Catedral de Santiago com o Governo da Galícia, e busca, entre outras coisas, a conservação do templo.

Arquidiocese de Santiago de Compostela apresenta programa ?Descobrindo a Catedral? 1.jpg

De acordo com a Arquidiocese de Compostela, "este programa se inspira na premissa de entender a Catedral de Santiago como um templo vivo que acolhe a centenas de milhares de peregrinos e uma maravilha de arte universal, concentrando realizações de grande valor desde suas origens construtivas".

Parte importante do programa é o trabalho de restauração da Catedral, a qual se iniciou de maneira especial no início deste século. "Um templo tão complexo requer uma permanente atenção restauradora que durante o século XX não pode ser tão intensa e eficaz como seria desejável. Assim, no princípio do século XXI se constatou a necessidade de cuidá-lo e colocá-lo em condições de luzir em todo seu esplendor seu valor espiritual e estético. Para isso se põem em prática este programa porque, certamente, as tarefas que se acometem restauram, mas também descobrem a riqueza oculta desta impressionante construção".

A base da iniciativa "Descobrindo a Catedral" é o chamado "Plano Diretor" posto em prática em 2010, com a realização de várias intervenções que contaram com o apoio do Ministério de Fomento do Governo Espanhol, o Governo da Galícia, o Consórcio de Santiago, e a mesma Catedral; que agora é impulsionada pelo Ministério da Fazenda, o Governo da Galícia e a Fundação Catedral com investimentos que irão até 2020.

Para o período 2018-2020 está previsto realizar o trabalho de restauração das coberturas da nave principal e o Cruzeiro, as abóbadas da nave central, a capela do Cristo de Burgos, o baldaquino, as pinturas da Capela Maior, entre outros.

Paralelo a este trabalho haverá uma importante difusão, com um programa cultural que inclui exposições e concertos, com a finalidade de promover o fenômeno jacobino, assim como dimensão espiritual, histórica e artística da Catedral.

Arquidiocese de Santiago de Compostela apresenta programa ?Descobrindo a Catedral? 2.jpg

Como parte desta programação cultural, em julho se inaugurou na Catedral a exposição "Mestre Mateo", na qual se reúne parte da obra do artista medieval e de sua intervenção na Catedral, entre elas peças que foram retiradas de seu lugar original, como o coro do templo jacobino e sua fachada ocidental.

O Mestre Mateo teve um importante trabalho nas obras de construção da Catedral de Santiago, como foi a cripta que se situava sob o Pórtico da Glória, o mesmo pórtico, o coro pétreo, assim como a fachada ocidental que depois foi modificada.

Além desta exposição, o programa "Descobrindo a Catedral" também inclui visitas escolares com a participação do Museu do templo catedralício. (EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O livro “Introdução ao Cristianismo: lições sobre o símbolo apostólico”, de Joseph Ratzing ...
 
A visita ocorre por ocasião dos 800 anos da fundação da Ordem Mercedária. ...
 
Dom Antônio Couto, lembrou a cada um dos presentes que evangelizar “é a graça e a vocação pr ...
 
O templo, localizado na Paróquia de São Miguel, foi consagrado a Nossa Senhora de Arandin, “Mãe ...
 
“Iniciação à Vida Cristã: perfeita sintonia entre catequese e liturgia” será a temática qu ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading